🔴 5 MOEDAS PARA MULTIPLICAR SEU INVESTIMENTO EM ATÉ 400X – VEJA COMO ACESSAR LISTA

Renan Sousa
Renan Sousa
É repórter do Seu Dinheiro. Formado em jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP) e já passou pela Editora Globo e SpaceMoney. Twitter: @Renan_SanSousa
MAS É REAL OU NÃO?

Real digital: Banco Central seleciona 9 projetos para dar uso à criptomoeda nacional; entre eles estão Aave (AAVE) e Mercado Bitcoin

Além desses nomes de peso, grandes bancos como Santander e Itaú também fazem parte das propostas selecionadas pelo Banco Central

Renan Sousa
Renan Sousa
3 de março de 2022
11:33 - atualizado às 11:34
Real Digital Banco Central criptomoeda Drex
Confira quem são os escolhidos para o desafio Lift do Banco Central. Imagem: Montagem Andrei Morais / Shutterstock

O sistema bancário brasileiro é conhecido por ser um dos mais desenvolvidos do mundo, com diversas opções de pagamentos, incluindo o famoso PIX. Agora, o Banco Central deu mais um passo em direção à criptomoeda nacional: o real digital

As moedas digitais de Banco Central (Central Bank Digital Currency ou CDBC) são uma alternativa para o mercado tradicional incorporar a tecnologia blockchain. Contudo, as aplicações dessas criptomoedas ainda são pouco claras.

LIFT Challenge do Banco Central

Pensando nisso, o BC publicou um edital no qual 43 empresas apresentaram 47 propostas para o uso do real digital por meio do LIFT (Laboratório de Inovações Financeiras e Tecnológicas).

O laboratório do Banco Central reúne participantes do mercado interessados em desenvolver um produto viável com o objetivo de beneficiar o sistema financeiro nacional e trazer inovações à sociedade brasileira. 

O foco desta edição são as aplicações do real digital. Entre as propostas, estão aplicações como as de entrega contra pagamento (DvP), pagamento contra pagamento (PvP), internet das coisas (IoT), finanças descentralizadas (DeFi) e soluções de pagamentos sem acesso à internet (dual offline).

Confira o que alguns desses projetos fazem

  • Aave: reúne recursos de vários poupadores (formando um pool de liquidez) com foco em oferecer empréstimo e garantir a aderência dessas operações às normas do sistema financeiro, empregando ferramentas de DeFi;
  • Banco Santander Brasil:  trata de DvP e da conversão para o formato digital (tokenização) do direito de propriedade de veículos e imóveis;
  • Febraban: trata de DvP de ativos financeiros;
  • Giesecke e Devrient: trata de pagamentos dual offline;
  • Itaú Unibanco: trata de pagamentos internacionais, empregando método de PvP em uma aplicação com a Colômbia;
  • Mercado Bitcoin: trata de DvP de ativos digitais, com foco em criptoativos;
  • Tecban: apresenta solução de logística para e-commerce baseada em técnicas de IoT;
  • VERT (associada à Digital Assets e à Oliver Wyman): trata de financiamento rural baseado em um ativo tokenizado programável com valor atrelado ao do Real (stablecoin do Real);
  • Visa do Brasil (associada à Consensy e à Microsoft): trata de financiamento de pequenas e médias empresas com base em uma solução de DeFi.

Desenvolvedores de criptomoedas 

Santander, Federação Brasileira de Bancos (Febraban), Mercado Bitcoin e Itaú Unibanco são nomes conhecidos do mercado. 

Mas os desenvolvedores da criptomoeda Aave (AAVE) foram uma surpresa para o mercado em geral. Esse é um dos principais protocolos de DeFi do mundo e faz parte de uma classe de ativos digitais focado em otimizar a experiência do usuário nesse tipo de transação.

Próximos passos

Com a seleção feita, o Banco Central dará início ao acompanhamento e testes das propostas escolhidas a partir do dia 28 março. 

O final dessa fase e o veredicto sobre o real digital só devem ser divulgados no final de julho de 2022.

Compartilhe

APÓS A TEMPESTADE

Colhendo os cacos do Inverno das Criptomoedas: plataforma de staking da Gemini deve começar a devolver ativos dos clientes neste mês

19 de maio de 2024 - 12:44

O anúncio foi feito após a Justiça aprovar o plano de recuperação judicial do Digital Currency Group (DCG)

ESPERE E VERÁ

Bitcoin (BTC) em alta — e vai continuar: companhia de pesquisa em criptomoedas identifica possível “efeito FTX” no preço dos ativos digitais

16 de maio de 2024 - 11:46

Recentemente, a FTX anunciou que pagaria — com juros — os montantes devidos aos clientes, algo entre US$ 14,5 bilhões e US$ 16,3 bilhões

QUEDA DOS IMPÉRIOS

Os Faraós do Inverno Cripto: Como a prisão de três magnatas do mundo das criptomoedas influencia na regulação global do mercado?

16 de maio de 2024 - 6:15

Se, por um lado, muitas pessoas foram prejudicadas por esses eventos, por outro, ficou clara a necessidade de uma regulação mais dura em relação a esse mercado

ACELERANDO ALTA

Bitcoin (BTC) salta e busca US$ 65 mil após inflação dos EUA diminuir ritmo de alta — agora, quando os juros irão cair?

15 de maio de 2024 - 11:13

De acordo com as estimativas do CME Group, as chances de o primeiro corte de juros acontecer em setembro são de mais de 50%

SOBE E DESCE

Entenda como ‘efeito GameStop’ fez criptomoeda saltar mesmo com dia de queda nos preços do bitcoin (BTC)

14 de maio de 2024 - 16:33

A volta das “meme stocks” fez ressurgir o mercado das memecoins, as criptomoedas nascidas de piadas na internet

MAIOR ALTA DA SEMANA

Render (RNDR): quem é a criptomoeda que deixou o bitcoin (BTC) no chinelo com alta de mais de 40% na semana?

7 de maio de 2024 - 10:55

Em um relatório do começo deste ano, a Empiricus fez um relatório explicando o porquê de essa criptomoeda se destacar ante às demais

CRYPTO INSIGHTS

O embate mais importante do mundo das criptomoedas: Desafios regulatórios colocam SEC e empresas de cripto em lados opostos do tabuleiro

7 de maio de 2024 - 8:18

Na minha opinião esse nível de excesso regulatório destrói completamente a credibilidade da SEC e influencia diretamente nas eleições

É RECORDE

Bitcoin (BTC) ultrapassa 1 bilhão de transações e recupera patamares de preço; rali ajuda no desempenho das criptomoedas hoje

6 de maio de 2024 - 9:43

As atenções sempre se voltam para as maiores criptomoedas em valor de mercado, mas há uma disputa na parte de baixo da tabela para se manter entre os dez maiores do mundo

NÃO ENTENDI!

Alta do desemprego nos EUA impulsiona e bitcoin (BTC) toca os US$ 62 mil: entenda o porquê

3 de maio de 2024 - 14:43

A disparada do dia também liquidou cerca de US$ 100 milhões de posições short (apostando na queda dos preços, no jargão do mercado), de acordo com o CoinGlass

SD ENTREVISTA

Diretor da Coinbase diz que regulação brasileira de criptomoedas favorece inovação e vê mão pesada da SEC nos EUA

1 de maio de 2024 - 6:15

Fábio Plein, diretor regional da Coinbase para as Américas, falou com exclusividade ao Seu Dinheiro sobre o momento atual dos mercados

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar