ESQUEÇA BITCOIN: outra criptomoeda de R$ 4 pode valer R$ 80 em breve; conheça aqui

Cotações por TradingView
2022-11-28T16:58:24-03:00
Flavia Alemi
Flavia Alemi
Jornalista formada pela Universidade Presbiteriana Mackenzie e com MBA em Informações Econômico-Financeiras e Mercado de Capitais pela FIA. Trabalhou na Agência Estado/Broadcast e na S&P Global Platts.
Recomendação de compra

Cielo (CIEL3) já dobrou de preço, mas ainda pode subir mais de 50% na bolsa, diz Santander. Confira detalhes

Analistas do banco veem a Cielo (CIEL3) com vantagem competitiva em relação a adquirentes como Stone e PagSeguro

26 de novembro de 2022
9:48 - atualizado às 16:58
Maquininha Cielo (CIEL3)
Cielo (CIEL3) - Imagem: Divulgação

Depois de superar as expectativas do mercado no balanço do terceiro trimestre, a Cielo (CIEL3) tem mais motivo para comemorar: o Santander acaba de elevar o preço-alvo das ações da companhia e reiterar a recomendação de Compra.

Para o Santander, o preço justo das ações da Cielo é de R$ 7,50, o que representa um aumento de 25% em relação ao preço estimado anteriormente. O valor também significa um potencial de alta de 57% do papel em relação ao fechamento de sexta-feira (26), de R$ 4,78. Vale lembrar que, em 12 meses, a ação já acumula alta de 135%.

A tese do Santander se baseia na expectativa de que as taxas de juros no Brasil devem permanecer em patamares elevados durante o ano que vem. Nesse ambiente macroeconômico, os analistas enxergam que os adquirentes bancários (Cielo, GetNet e Rede) têm uma vantagem competitiva em relação aos novos entrantes (Stone e PagSeguro) devido à maior disponibilidade e ao menor custo das fontes de financiamento.

“Isso se mostrou crucial em um ambiente de alta Selic porque os adquirentes de bancos conseguiram repassar custos de Selic mais altos sem churn considerável”, afirmaram os analistas. Churn, vale ressaltar, significa perda de clientes.

Leia mais:

Lucro da Cielo revisado

Além do preço-alvo, o Santander também revisou as estimativas de lucro da Cielo para cima em 2022 e 2023. Para este ano, a expectativa é de que a Cielo encerre com lucro de R$ 1,7 bilhão, enquanto para o ano que vem o cálculo está em R$ 1,9 bilhão. 

Os analistas destacaram que este ano marcou a recuperação da Cielo. Eles citam como fatores preponderantes do bom desempenho o maior volume total de pagamentos, melhora da receita devido à revisão de preços, custos controlados e o forte desempenho de cartões do Banco do Brasil.

O ano que vem, na visão do Santander, deve ser desafiador, mas positivo. No entanto, o consenso de analistas de outros bancos não está tão otimista e espera crescimento zero para o lucro líquido.

O Santander vê riscos de que o volume total de pagamentos seja afetado por uma combinação de PIB e inflação menores em 2023, além de uma chance de o Banco do Brasil reduzir o ritmo de crescimento do negócio de cartões de crédito.

Porém, os analistas do banco estão ancorados na vantagem competitiva mencionada no início do texto. Para eles, o risco é maior em 2024, quando se espera que a Selic chegue a um dígito.

Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

NÃO É A AMERICANAS

A culpa é do sistema (tributário): Ambev (ABEV3) sobe na mesa e rebate acusação de rombo

3 de fevereiro de 2023 - 9:04

De acordo com a Ambev, trata-se de um litígio tributário devidamente registrado em suas demonstrações contábeis

PONTE AÉREA JURÍDICA

Americanas (AMER3): pedido de busca e apreensão vira disputa “Rio-São Paulo” na Justiça

3 de fevereiro de 2023 - 8:53

Justiça do Rio decidiu não cumprir a ordem de busca e apreensão na Americanas determinada por juiz de São Paulo; entenda o caso

O MELHOR DO SEU DINHEIRO

Sextando com big techs, payroll e Lula: Alfinetadas a Lemann, decepção com Apple e Amazon, crise na Light e outras notícias do dia

3 de fevereiro de 2023 - 8:29

As crises na Americanas, na Oi e agora na Light seguem no radar – e o presidente aproveitou para alfinetar o homem mais rico do Brasil e seus sócios na 3G Capital

MERCADOS HOJE

Bolsa agora: Ibovespa futuro abre em queda com falas de Lula, commodities e exterior; dólar avança

3 de fevereiro de 2023 - 7:23

RESUMO DO DIA: Os investidores acompanham a divulgação dos números de emprego nos Estados Unidos. Porém, os balanços corporativos da noite de ontem (02) amargam o sentimento das bolsas nas primeiras horas da manhã. O destaque local vai para o novo ataque do presidente Lula à autonomia do Banco Central.

O QUE VEM POR AÍ?

A Oi (OIBR3) ainda tem futuro? O que está por trás do pedido que pode levar a companhia a uma nova recuperação judicial

3 de fevereiro de 2023 - 6:45

Medida solicitada pela Oi (OIBR3) prevê proteção contra credores sem que haja intervenção da Justiça

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies