Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2021-07-16T10:02:23-03:00
Estadão Conteúdo
Compromisso ambiental

JBS fará pesquisa sobre redução de gases de efeito estufa

O projeto busca aditivos alimentares que melhorem a eficiência do uso de nutrientes na dieta dos animais, diminuindo a emissão de metano e contribuindo para ampliar a sustentabilidade da carne e leite

16 de julho de 2021
10:02
JBS
Imagem: Divulgação

A JBS e o Instituto de Zootecnia da Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo formalizam nesta quinta-feira (15) parceria para o desenvolvimento de estudos para a redução de emissões de gases do efeito estufa na cadeia bovina.

O projeto busca aditivos alimentares que melhorem a eficiência do uso de nutrientes na dieta dos animais, diminuindo a emissão de metano e contribuindo para ampliar a sustentabilidade da carne e leite.

"A colaboração da JBS com pesquisas para reduzir as emissões no campo faz parte do compromisso Net Zero 2040 assumido pela companhia, para zerar o balanço líquido de suas emissões de gases causadores do efeito estufa até 2040, reduzindo a intensidade das suas emissões diretas e em toda a cadeia de valor e compensando toda a emissão residual", disse, em nota, o presidente da Friboi, Renato Costa.

Pesquisadores do novo Laboratório de Fermentação Ruminal e Nutrição de Bovinos de Corte do Instituto de Zootecnia, inaugurado nesta sexta-feira, vão acompanhar por cerca de seis meses os animais do confinamento da JBS em Guaiçara (SP).

Um dos primeiros aditivos a serem testados são taninos, moléculas complexas oriundas de plantas. Eles tornam o processo de fermentação da dieta nos animais mais eficiente, reduzindo as emissões de metano, explicou a empresa.

Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

MANOBRAS

Juiz põe no banco dos réus ex-gestores do banco Máxima por gestão fraudulenta

O Banco Máxima S.A. informa que seus atuais acionistas assumiram a administração do banco em 2018, após aprovação pelo Banco Central, e que os integrantes da antiga gestão não têm mais qualquer relação com a instituição financeira

Foguete? Tô fora!

Warren Buffet: o bilionário que não quer conhecer as estrelas

Enquanto Bezos, Musk e Branson protagonizam a nova corrida especial, o Oráculo de Omaha prefere apenas observar

O melhor do Seu Dinheiro

O seu momento Sherlock Holmes

Na adolescência, ouvia que quem buscasse por romance policial brasileiro deveria ler algo do Rubem Fonseca. Era uma vontade minha achar uma história desse gênero que fosse mais próxima da minha realidade — e o filtro nacionalidade me pareceu o mais adequado.  A ideia surgiu depois de ter conhecido parte das histórias criadas por Agatha […]

Mesa Quadrada

Comentarista da ESPN Paulo Antunes fala da sua paixão por futebol americano e experiência no mercado financeiro

Ele conta sobre suas aventuras na cobertura de futebol americano e basquete e ainda revela seus investimentos na Bolsa em novo episódio do podcast Mesa Quadrada

Garantindo a oferta

Crescem ofertas de ações com reserva antecipada

As ancoragens normalmente conseguem atrair mais investidores, numa espécie de chancela prévia, com potencial impacto positivo no preço da ação.

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies