Menu
2021-03-17T15:03:33-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
às vésperas do copom

Governo aumenta previsão de inflação em 2021, de 3,2% para 4,4%

Estimativa ainda está abaixo do que espera o mercado; Ministério da Economia manteve a projeção de crescimento de 3,20% do PIB

17 de março de 2021
15:02 - atualizado às 15:03
Paulo Guedes
Brasil, Brasília, DF, 02/10/2020. O ministro da Economia, Paulo Guedes, fala durante coletiva de imprensa em frente ao prédio do Ministério, em Brasília (DF). - Imagem: GABRIELA BILÓ/ESTADÃO CONTEÚDO/AE

O Ministério da Economia revisou para cima sua projeção para a inflação medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) em 2021, mas manteve a projeção de crescimento de 3,20% para o Produto Interno Bruto (PIB) de 2021.

Segundo a nova grade de parâmetros macroeconômicos da pasta, a estimativa para a alta de preços neste ano passou de 3,23% para 4,42%. Para 2022, a projeção é de 3,50%.

"O principal responsável pela elevação da projeção foi o preço dos alimentos. Todavia, as expectativas a partir de 2022 apontam convergência da inflação para o centro da meta", destacou a Secretaria de Política Econômica (SPE) da pasta.

No último relatório Focus, os analistas de mercado consultados pelo Banco Central estimaram que o IPCA deve acumular alta de 4,60% em 2021 e de 3,50% em 2022. As expectativas de inflação já preocupam o mercado, que espera uma elevação da taxa básica de juros nesta quarta, de 2% para 2,5%.

Para o governo, todas projeções para a inflação em 2021 estão dentro da meta deste ano, cujo centro é de 3,75%, com margem de tolerância de 1,5 ponto porcentual (índice de 2,25% a 5,25%). No caso de 2022, a meta é de 3,50%, com margem de 1,5 ponto (2,00% a 5,00%).

O governo também atualizou a projeção para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) utilizado para a correção do salário mínimo. A estimativa para a alta do indicador neste ano passou de 3,20% para 4,27%. Para 2022, a projeção é de 3,50%.

Já a estimativa da Economia para a alta do Índice Geral de Preços - Disponibilidade Interna (IGP-DI) em 2021 passou de 4,38% para 5,06%. Para o próximo ano, a projeção é de 3,57%.

Projeção de PIB na mesma

O secretário especial de Fazenda, Waldery Rodrigues, afirmou nesta quarta-feira que a manutenção da projeção do PIB "mostra de cautela em meio a um aumento de incertezas".

O secretário reconheceu que o aumento recente das medidas de restrição à circulação de pessoas por ocasião do recrudescimento da pandemia tem impacto sobre a atividade, um cenário cujas chances de acontecer foram classificadas no ano passado como "baixíssimas" pelo secretário de Política Econômica Adolfo Sachsida.

"Assim como no ano passado houve um conservadorismo e transparência da metodologia e a SPE manteve a projeção de queda de 4,70%, somente alterando no final para uma queda menor quando as estimativas do mercado já haviam tido grande redução, aqui temos também conservadorismo para este cálculo", explicou Rodrigues.

Ele afirmou que a nova rodada de pagamento do auxílio emergencial, embora deva ter impacto fiscal bem menor do que o visto no ano passado, ajudará na recuperação econômica, além de proteger os cidadãos mais vulneráveis, "uma diretriz inabalável deste governo".

Apesar disso, o secretário ressaltou que as projeções podem ser alteradas "conforme novos fatos sejam revelados".

*Com Estadão Conteúdo

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

túnel do tempo

Há um ano o impossível aconteceu: o petróleo fechou com preço negativo. Lembra disso?

Situação nunca vista na história foi provocada pela combinação da crise de covid-19 e a disputa entre Rússia e Arábia Saudita

Fundo de cripto

Vai perder? Termina hoje o prazo de reserva do ETF de criptomoedas da Hashdex

Por causa do feriado de Tiradentes de amanhã (21), não haverá pregão na bolsa de valores brasileira. Dessa forma, termina hoje o prazo para reserva de oferta do ETF

MERCADOS HOJE

Saída encontrada para o Orçamento preocupa e bolsa opera em queda; dólar também recua

Com a agenda de indicadores esvaziada e a véspera de feriado trazendo uma maior cautela ao cenário, os investidores devem repercutir o acordo para a sanção do Orçamento

Exile on Wall Street

Expectativas e julgamentos: o que esperar do próximo ciclo de altas, segundo o ‘guru’ de Warren Buffett

Da tarde de ontem até o momento em que os dedos encontram o sistema QWERT para a escrita deste Day One, estive dividido entre elogios e críticas à conversa desta segunda com Howard Marks. Felizmente, os comentários positivos vieram de quem conseguiu assistir ao papo, encontrando um material de muita qualidade — graças a ele, […]

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies