Insights de investimento, análises de mercado e muito mais! Siga o Seu Dinheiro no Instagram

Rodolfo Amstalden
Exile on Wall Street
Rodolfo Amstalden
Sócio-fundador da Empiricus e autor do Programa de Riqueza Permanente
2021-07-08T10:43:30-03:00
Exile on Wall Street

Rodolfo Amstalden: As três maneiras de ler o mercado

8 de julho de 2021
10:43
ações gráficos empresários bolsa
5 gráficos pra entender a semana - Imagem: Shutterstock

Depois de muita tentativa e erro, depois das tantas histórias contadas à beira da fogueira e depois dos intermináveis sermões dominicais, hoje sabemos que existem pelo menos três grandes maneiras de se interpretar o mundo à nossa volta.

1) Por meio da ciência.

2) Por meio das narrativas.

3) Por meio dos valores morais.

Essas maneiras coexistem, de modo que nenhuma delas é completa o bastante para explicar o mundo por si só.

Por corolário, sendo o mundo financeiro um subconjunto do "mundo véio sem portêra", também aquele pode ser interpretado de acordo com a tríade.

Contudo, fica o alerta de que a terça parte escolhida faz muita diferença sobre os resultados alcançados, dada a distância medida entre respectivos graus de maturação.

Por exemplo: a interpretação estritamente científica dos mercados já alcançou um alto grau de maturação.

Embora sempre válido — e até mesmo necessário — do ponto de vista educacional, o domínio cognitivo das teorias financeiras e de seus modelos quantitativos não representa mais um diferencial prático para os ganhadores de dinheiro.

Em outros termos, diríamos que as oportunidades de arbitragem científica foram equilibradas em torno da média, graças à crescente proficiência técnica do mercado.

Você pode — e deve — ler Benjamin Graham para se educar e se aculturar, mas "O Investidor Inteligente"  não vai transformá-lo em milionário.

Já as outras duas maneiras de interpretar o mundo sofrem de um problema contrário, derivado de sua (talvez eterna) imaturidade.

Na ausência de instrumentos claros de sistematização, é mais difícil se educar sobre a dinâmica das narrativas e da valoração moral. Porém, é justamente desses dois arcabouços que surgem as maiores oportunidades de lucro.

Como acessar essas oportunidades? Como enxergá-las?

Sem poder contar com a educação formal, resta-nos recorrer à sabedoria tácita contida nos atalhos heurísticos.

Para a leitura de assimetrias vantajosas em meio ao jogo narrativo, temos que ficar especialmente atentos à troca de enredos.

Aqui, por exemplo, ainda continua valendo, mas não é mais o melhor momento para se investir na história da reabertura econômica. 

A nova narrativa é política, e já está grávida da narrativa eleitoral.

Lá fora, a história do Risco China ganha corpo outra vez, mas não há como saber se é o início de uma marolinha ou de um tsunami.

Acerca dos valores morais, só conseguimos mirar uma turva hierarquia de tendências de longo prazo, sem jamais identificar seu timing.

Os princípios do ESG já são debatidos no mercado há pelo menos uns 50 anos, mas — como diria Victor Hugo — nada é mais forte do que uma ideia cujo tempo é chegado.

Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

DIPLOMACIA RUSSA

Bandeira branca? Putin diz que vai viabilizar comércio de grãos ucranianos e fertilizantes

Em conversa com o presidente da França e o chanceler da Alemanha, Putin afirmou que vai aumentar a oferta de grãos e fertilizantes

NÃO VINGOU

Terra 2.0 derrete mais de 60% no dia do lançamento; saiba por quê

A Terra 2.0 já acumula perdas; o renascimento da criptomoeda sofre com a perda de credibilidade, após falhas no protocolo da antiga moeda

NOVA CRIPTO NA ÁREA

Lançamento da Terra 2.0: vale a pena investir em um projeto criado pelos mesmos desenvolvedores da extinta Terra (LUNA)? Especialistas falam sobre nova criptomoeda

A resposta foi quase unânime: os analistas deixaram de acompanhar a Terra (LUNA) e não acreditam mais no projeto

SOBE E DESCE

Cosan (CSAN3) lidera as altas do Ibovespa e Banco Inter (BIDI11) vai em direção oposta ‒ saiba o que foi destaque na bolsa na semana

A semana começou com mudanças na presidência da Petrobras (PETR4). Apesar disso, o Ibovespa fechou a semana em leve alta

PODCAST TOUROS E URSOS

Petrobras e Eletrobras: afinal, vale a pena investir no sucesso dessa dupla na bolsa?

Especialista na dupla Petrobras e Eletrobras, o colunista do Seu Dinheiro Ruy Hungria conta o que esperar das ações das estatais no podcast Touros e Ursos

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies