Menu
2020-03-27T14:40:50-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
incluindo o brasil

UE e 15 países fecham acordo de apelação em disputa comercial

Medida é uma estratégia para contornar a atual paralisia do Órgão de Apelação da OMC, diante da recusa dos EUA em bloquear a nomeação de novos integrantes para esse tribunal

27 de março de 2020
14:40
Mapa da América Latina
Mapa da América Latina - Imagem: Shutterstock

A União Europeia afirma em comunicado que chegou a um acordo com 15 outros membros da Organização Mundial de Comércio (OMC), entre eles o Brasil, sobre um arranjo para permitir apelações para resolver disputas comerciais entre eles.

A medida é uma estratégia para contornar a atual paralisia do Órgão de Apelação da OMC, diante da recusa dos Estados Unidos em bloquear a nomeação de novos integrantes para esse tribunal.

O comissário da UE para o comércio, Phil Hogan, diz na nota que continuará o trabalho do bloco para que o sistema de resolução de disputas da OMC volte a funcionar normalmente.

"Enquanto isso, convido outros membros da OMC a se unir ao acordo aberto, crucial para o respeito e o cumprimento das regras de comércio internacionais."

*Com Estadão Conteúdo

Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

Fechamento da semana

Real ganha do dólar na semana e bolsa sobe mais de 2% com economia americana nem tão aquecida e Copom incisivo

Os problemas domésticos foram para baixo do tapete e os fatores externos ajudaram o Real a se valorizar e a bolsa a romper resistências importantes. Confira um resumo da semana.

Mudou de ideia?

Elon Musk passa a recomendar cautela com o dogecoin às vésperas de sua participação no SNL

O bilionário, que já fez a moeda-meme disparar 60% com apenas um tweet, exibiu um alerta para as limitações do mercado de criptoativos

pandemia

Estudo aponta relação entre negacionismo de Bolsonaro e evolução da pandemia no Brasil

Segundo o levantamento, em cidades onde o presidente obteve mais de 50% dos votos no segundo turno das eleições de 2018, número de mortes foi 415% maior do que nos municípios onde ele perdeu o pleito

Insistência incomoda

Ex-presidente do BC Affonso Pastore acredita que ajuste parcial da Selic é insustentável

O economista defende o reconhecimento explícito de que a instituição perseguirá o ajuste integral da taxa básica de juros

Turbulência

Latam reduz prejuízo em 79% e anota perda de US$ 430,8 milhões no 1º trimestre

A receita operacional total da aérea foi de US$ 913,1 milhões no primeiro trimestre, queda de 61,2% sobre o mesmo período de 2020

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies