Menu
2020-05-29T15:38:55-03:00
Estadão Conteúdo
Parcela para prioritários

Receita paga o 1º lote do IR nesta sexta

Nessa primeira parcela, receberão o dinheiro quem se enquadra nas prioridades legais: idosos, pessoas com deficiência física ou intelectual ou moléstia grave

29 de maio de 2020
15:38
Prédio da Receita Federal
Imagem: Reprodução/Agência Brasil

Nesta sexta-feira, 29, a Receita Federal faz o pagamento do primeiro lote da restituição do Imposto de Renda 2020. Nessa primeira parcela, receberão o dinheiro quem se enquadra nas prioridades legais: idosos, pessoas com deficiência física ou intelectual ou moléstia grave.

Segundo a Receita, mais de 901 mil contribuintes serão beneficiados com a restituição no primeiro lote, sendo cerca de 133 mil idosos acima de 80 anos, 710 mil com idade entre 60 e 79 anos e 57,6 mil contribuintes com deficiência física ou intelectual ou moléstia grave.

A data de pagamento do primeiro lote segue o novo calendário da restituição definido pela Receita para este ano. Além de diminuir o número de lotes de sete para cinco, eles foram antecipados de junho para maio e terminarão em setembro.

Também é a primeira vez que o primeiro lote da restituição é pago antes do prazo final de entrega das declarações de Imposto de Renda, que foi prorrogado para 30 de junho.

De acordo com o órgão, essas medidas foram tomadas para amenizar os efeitos da crise provocada pelo novo coronavírus.

Para saber se você foi contemplado no primeiro lote da restituição, basta consultar o site da Receita Federal (https://servicos.receita.fazenda.gov.br/Servicos/ConsRest/Atual.app/paginas/index.asp) e inserir seu número de CPF, data de nascimento e digitar os caracteres da imagem de verificação.

Na página do Imposto de Renda no site da Receita você também pode conferir o rendimento do valor conforme avançam os lotes, assim como saber se está contemplado no próximo lote ao verificar a data limite de envio da declaração para aquele lote.

A partir de agora, a lógica de pagamento da restituição é baseada na regra de tempo, ou seja, quem entregou a declaração antes, receberá a restituição antes.

Até as 17 horas de quinta-feira, 28, a Receita Federal recebeu mais de 16 milhões de declarações, apenas metade das 32 milhões de declarações esperadas pelo órgão para 2020.

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

Reação

Dias melhores virão para a Cielo? Saiba o que o mercado espera para a empresa depois do lucro acima do esperado

Empresa de maquininhas de cartão registra o primeiro aumento no lucro trimestral em três anos e ações disparam na B3. Mas os analistas ainda não recomendam a compra dos papéis

em meio à pandemia

Financiamento imobiliário cresce 58% em 2020 e bate recorde histórico

Expansão do crédito imobiliário em 2020 foi puxada, principalmente, pela liberação de financiamentos para a pessoa física fazer a compra de moradias

balanço

Contas externas têm saldo negativo de US$ 12,5 bi em 2020, diz BC

Brasil viu as importações de produtos caírem, enquanto as exportações se mantiveram em níveis elevados, puxadas pela venda de alimentos para outros países

sob pressão

Bolsonaro apela para caminhoneiro não realizar greve e avalia medidas no diesel

Presidente confirmou a intenção do governo de reduzir tributos sobre o diesel para aliviar a pressão do reajuste do combustível sobre o bolso dos caminhoneiros

pandemia

AstraZeneca e Blackrock negam, mas empresas reafirmam negociar vacina

Grupo de empresários brasileiros reafirmou que continua a negociar 33 milhões de doses do laboratório

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies