Menu
2020-10-23T18:51:32-03:00
Estadão Conteúdo
A novela continua

Casa Branca ainda vê ‘divergências significativas’ com democratas sobre estímulos

Kudlow disse que entre as divergências estão verba para Estados democratas em dificuldades e garantias contra processos para empresas na reabertura.

22 de outubro de 2020
17:24 - atualizado às 18:51
eua dolar Casa Branca
Montagem da bandeira dos EUA em pilha de dólares - Imagem: Shutterstock

Diretor do Conselho Econômico da Casa Branca, Larry Kudlow afirmou nesta quinta-feira que as conversas sobre estímulos fiscais nos Estados Unidos continuam. "Tendo dito isso, ainda há diferenças significativas de política entre os dois lados", disse ele, durante entrevista à Fox News.

Leia também:

Kudlow disse que, entre as divergências, estão verba para Estados democratas em dificuldades e garantias contra processos para empresas na reabertura econômica.

Segundo o assessor econômico, a questão da ajuda a Estados poderia ficar para discussão em um momento posterior. Kudlow disse que há ainda divergências sobre "seguro-saúde e dinheiro para imigrantes ilegais".

Na avaliação dele, há "certo otimismo" sobre a chance de um acordo, mas segue o impasse.

Questionado sobre a chance de uma solução antes da disputa eleitoral de 3 de novembro, ele comentou: "O tempo está passando. Em algum momento, é preciso se questionar. Apenas para ter um acordo legislativo, aprovar nas duas Casas e confirmar isso, leva algum tempo."

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

esquenta dos mercados

Otimismo com vacina e preocupação com situação fiscal se chocam nos mercados

Na agenda, o destaque fica com a divulgação do IPCA-15, prévia da inflação, e dados da arrecadação federal.

AÇÕES NO BOLSO

SulAmérica vai distribuir ações a acionistas após aumentar capital social

Acionistas terão direito a 18,8 novas ações ordinárias e preferenciais para cada lote de 1 mil papéis de cada tipo

follow on

Ânima fará oferta restrita de ações que pode chegar a R$ 1,1 bilhão

Recursos levantados serão destinados a financiar parte da aquisição dos ativos do grupo americano de educação Laureate no Brasil

NÚMEROS DA PANDEMIA

Covid-19: Brasil tem 6 milhões de casos e quase 170 mil mortes

Nas últimas 24 horas foram registrados 302 óbitos e 16.207 novos diagnósticos positivos da doença

INSIGHTS ASSIMÉTRICOS

Onde investir se a Bolsa americana estiver cara? Os grandes investidores globais já apontam para um novo caminho…

Existe um horizonte relativamente estável em que poderá haver continuidade dessa alta, mas para onde irão os recursos em um segundo momento?

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies