O melhor time de jornalistas e analistas do Telegram! Inscreva-se agora e libere a sua vaga

2019-04-05T10:16:46-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Sob nova direção

Grupo Abril, que publica a ‘Veja’, é vendido para especialista em recuperação de empresas quebradas

Segundo informações divulgadas para a imprensa, o processo deve ser concluído até fevereiro de 2019

20 de dezembro de 2018
17:33 - atualizado às 10:16
O empresário Fábio Carvalho, comprador do Grupo Abril
Carvalho reúne participações em empresas que possuem faturamento anual superior a R$ 4 bilhões - Imagem: Divulgação/FSB

O empresário Fábio Carvalho, especialista em comprar empresas quebradas com o objetivo de reestruturá-las e reorganizar suas contas, resolveu mirar seus negócios em um dos maiores grupos de mídia do Brasil. Os atuais acionistas do Grupo Abril, que pediu recuperação judicial em agosto deste ano, fecharam um acordo com Carvalho nesta quinta-feira, 20, no qual prevê a aquisição de 100% das ações do grupo por ele.

O contrato também aborda condições que devem ser cumpridas antes do negócio ser efetivado, como a aprovação pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) e a injeção de novos recursos na companhia para o financiamento dos esforços de reestruturação.

Depois de encerrado o processo de venda, algo que deve acontecer até fevereiro de 2019, Fábio Carvalho assumirá o controle societário e ocupará a posição de CEO do Grupo.

Segundo nota divulgada pela assessoria da Alvarez & Marsal, empresa responsável pela reestruturação da Abril, Carvalho contará com a estrutura da Legion Holdings, sociedade de investimentos que fundou, composta por um time de especialistas em renegociações de dívidas e transformações operacionais. "Uma vez concretizada a transação, a nova equipe se juntará a executivos do Grupo Abril, bem como aos profissionais da Alvarez & Marsal", completa a nota.

Atualmente, Carvalho reúne entre seus investimentos participações em empresas em variados setores que, em conjunto, possuem faturamento anual superior a R$ 4 bilhões e empregam mais de 46 mil pessoas.

Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

PERSONA NON GRATA

A lista de Putin: veja quem são as pessoas proibidas de entrar na Rússia — Trump escapa, mas Zuckerberg não

Essa lista está sendo considerada um movimento simbólico em resposta às duras sanções impostas pelos países ocidentais pela invasão da Ucrânia, em fevereiro

MADE IN CHINA

Shopee, Shein e AliExpress livre de taxas? Bolsonaro diz que sim e Guedes diz que não!

Chefe do Executivo volta a contrariar o ministro da Economia, Paulo Guedes, que na última semana defendeu o digitax — um imposto que seria aplicado em compras online de fornecedores estrangeiros

BYE BYE GOVERNO!

Privatização vem aí: conselho do PPI altera regras da capitalização da Eletrobras (ELET3); saiba por que mudou

O TCU aprovou na sessão de quarta-feira (18) o processo de privatização da companhia — a proposta do relator venceu por 7 votos a favor e 1 contra

NOVO SHAPE

Da academia pra carteira: Smart Fit (SMFT3) tem potencial de alta de 34%, diz Itaú BBA — saiba se é hora de comprar

Depois do confinamento provocado pela covid-19, a indústria fitness enfrenta agora um cenário desafiador, com inflação alta, segundo o banco de investimentos

SEM LIMITE

STF nega impor prazo a Lira para análise de pedidos de impeachment de Bolsonaro

O chefe do Executivo é alvo de mais de 140 solicitações de impedimento; entenda a decisão da corte máxima

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies