Menu
2018-09-22T15:12:58-03:00
Estadão Conteúdo
Liquidação Extrajudicial

Mais 60 dias para investigar o Banco Neon

Banco Central prorrogou o prazo para conclusão das investigações contra o banco que está em liquidação extrajudicial desde maio

20 de setembro de 2018
17:23 - atualizado às 15:12
Ilustração de investigação
Banco Neon é alvo de investigação sobre violações legais nas atividades e irregularidades patrimoniaisImagem: Shutterstock

O Banco Central prorrogou por 60 dias, a contar a partir de 10 de outubro, o prazo para conclusão do inquérito instaurado no Banco Neon. A prorrogação foi efetivada no Ato de Diretor nº 642, assinado pelo diretor de Organização do Sistema Financeiro do BC, Sidnei Corrêa Marques.

Com sede em Belo Horizonte, o Banco Neon está em liquidação extrajudicial desde 4 de maio. O BC decretou a liquidação do banco em função da "existência de graves violações às normas legais e regulamentares que disciplinam a atividade da instituição". Entre as irregularidades estavam deficiência patrimonial e não observância das regras de lavagem de dinheiro.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

Novo competidor

Grupo catarinense que fatura R$ 8,8 bi vai abrir 1º atacarejo no estado de SP

O Grupo Pereira vai abrir uma unidade da Fort Atacadista, sua bandeira de atacarejo, na cidade de Jundiaí; forte competição em SP é desafio

Tensão em Brasília

Racha no Congresso põe reformas em xeque

A decisão do presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), de fatiar a reforma tributária foi vista como a pá de cal nas chances de avanço das reformas no Congresso até o fim do atual governo. Embora Lira tenha prometido abrir o diálogo com o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), para definir os próximos passos, […]

Rapidinhas da semana

BLINK: Itaúsa, B2W, Eletrobras e mais recomendações rápidas

Felipe Miranda, sócio-fundador e CIO da Empiricus, fala sobre Alpargatas, Eletrobras, Itaúsa, Lojas Americanas e muito mais no Blink

Reserva de emergência

Jeff Bezos, o homem mais rico do mundo, vende ações da Amazon e põe US$ 5 bi na conta

O bilionário Jeff Bezos vendeu cerca de 1,5 milhão de ações da Amazon nos últimos dias e pode vender outros 500 mil papéis em breve

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies