Menu
2019-07-16T15:20:11+00:00
Vinícius Pinheiro
Vinícius Pinheiro
Formado em jornalismo, com MBA em Derivativos e Informações Econômico-Financeiras pela FIA. Trabalhou por 18 anos nas principais redações do país, como Agência Estado/Broadcast, Gazeta Mercantil e Valor Econômico. É coautor do ensaio “Plínio Marcos, a crônica dos que não têm voz" (Boitempo) e escreveu os romances “O Roteirista” (Rocco), “Abandonado” (Geração) e "Os Jogadores" (Planeta).
Bolsa

Ibovespa deve ter duas novidades na próxima carteira: BTG Pactual e NotreDame Intermédica

Foi o próprio BTG que fez os cálculos a partir dos critérios usados pela B3 para determinar quais ações fazem parte do Ibovespa, que terá nova composição a partir de setembro

16 de julho de 2019
14:31 - atualizado às 15:20
Sede da B3
Imagem: Shutterstock.com

O Ibovespa, principal índice de ações da bolsa, deve ganhar duas novas ações na carteira que terá validade entre setembro e dezembro: NotreDame Intermédica (GNDI3) e BTG Pactual (BPAC11).

Os cálculos foram feitos pela equipe de análise do próprio BTG Pactual a partir dos critérios usados pela B3 para determinar quais ações fazem parte do Ibovespa.

A bolsa faz um rebalanceamento dos papéis que compõem a cesta a cada quadrimestre. A carteira atual conta com 66 ações ou units (certificados de ações) de 63 empresas. As ações preferenciais do Itaú Unibanco (ITUB4) possuem hoje a maior participação no Ibovespa, com aproximadamente 10%.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter

Nas contas dos analistas do BTG, as units do banco devem entrar com uma participação de 0,64%, enquanto as ações da NotreDame Intermédica deverão ter um peso de 0,90% na carteira do principal índice da bolsa.

Existe ainda uma chance de os papéis do Carrefour Brasil (CRFB3) aparecerem entre as novidades, mas se a renovação da carteira acontecesse hoje eles não entrariam, escreveram os analistas, em um relatório a clientes.

Antes de entrar efetivamente em vigor, a bolsa divulga três prévias da próxima carteira do Ibovespa, sendo a primeira no dia 1º de agosto. O BTG não espera que nenhuma ação deixe o índice no próximo rebalanceamento. Confira também a nossa cobertura de completa de mercados hoje.

Bancos ampliam presença

Em uma avaliação por setores, quem mais deve ganhar presença na próxima carteira do Ibovespa em termos percentuais são as ações de saúde, de 0,74% para 1,62%.

Os bancos, que já possuem a maior participação no principal índice de B3, devem ampliar um pouco mais o domínio e ter o peso ampliado de 28,82% para 29,14% da carteira, ainda de acordo com o BTG. O setor de óleo e gás (basicamente Petrobras) é o que mais deve perder espaço no Ibovespa a partir de setembro, de 12,68% para 12,37%.

Como investir?

Para quem deseja investir em bolsa com uma exposição semelhante à da carteira do Ibovespa, existem duas formas: a primeira é por meio dos fundos de índice, mais conhecidos pela sigla em inglês ETF. Eles são negociados em bolsa como se fossem uma ação.

Existem quatro deles hoje que têm como objetivo seguir o Ibovespa: o BOVA11, sob gestão da BlackRock, o BOVV11, do Itaú, o XBOV11 (Caixa) e o recém-lançado BOVB11, do Bradesco.

Outra maneira de aplicar em uma carteira que acompanha o Ibovespa é via fundos de ações. Em ambos os casos, vale a pena conferir antes os custos, como a taxa de administração.

Mas com tantas opções disponíveis, qual a melhor forma? A nossa colunista Luciana Seabra dedicou uma coluna para responder a essa questão.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

dinheiro que entra

Arrecadação em julho soma R$ 137,735 bilhões, diz Receita

Valor arrecadado foi o melhor desempenho para meses de julho desde 2011; resultado veio dentro do intervalo de expectativas de especialistas

olho nos números

Prévia da inflação de agosto tem menor taxa para o mês desde 2010

IPCA-15 variou 0,08%; no ano, o índice acumula alta de 2,51% e, em 12 meses, de 3,22%, informa o IBGE

atenção

Confiança do consumidor sobe em agosto, mas ainda há cautela, diz FGV

Índice de Confiança do Consumidor subiu 1,1 ponto no mês em comparação a julho, chegando a 89,2 pontos

segue a tensão

China promete novamente contramedidas em reação a tarifas dos EUA

Segundo o porta-voz, apesar da decisão do presidente americano, Donald Trump, de adiar algumas das cobranças, as tarifas violaram um consenso entre as potências

Títulos públicos

Veja os preços e as taxas do Tesouro Direto nesta quinta-feira

Confira os preços e taxas de todos os títulos públicos disponíveis para compra e resgate

Prudência

Cautela no exterior faz Ibovespa operar em queda; dólar sobe a R$ 4,05

O Ibovespa aparece no campo negativo e volta ao patamar dos 100 mil pontos, pressionado pelo tom de maior precaução que toma conta dos ativos globais

Câmbio

BC vende US$ 550 milhões em leilão à vista de dólar

Com venda integral do lote ofertado, não teremos, hoje, o leilão de swap tradicional. Mercado trocou swap por dólar de verdade

no documento

BCE discutiu pacote de estímulos monetários em reunião de julho, mostra ata

Banco Central Europeu também considerou examinar formas de fortalecer sua orientação futura (“forward guidance”) paras os juros

tudo que vai mexer com seu dinheiro hoje

Bienvenido ao paraíso dos especuladores

Enquanto (quase todos) os bancos centrais do mundo reduzem os juros, há uma taxa em escalada aqui do lado. A Argentina subiu seu juro para 74% ao ano diante do pânico dos investidores com a vitória da esquerda nas eleições primárias no início do mês. Poxa, 74% ao ano na renda fixa é uma bolada, […]

será que vai?

Guedes não mostrou proposta de privatização da Petrobras, diz Bolsonaro

Ontem, reportagem disse que o governo quer concluir a venda da estatal até 2022; as ações da Petrobras dispararam

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements