🔴 AÇÃO QUE JÁ DISPAROU 1.200% E AINDA ESTÁ BARATA – VEJA QUAL

Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
No Seu Dinheiro você encontra as melhores dicas, notícias e análises de investimentos para a pessoa física. Nossos jornalistas mergulham nos fatos e dizem o que acham que você deve (e não deve) fazer para multiplicar seu patrimônio. E claro, sem nada daquele economês que ninguém mais aguenta.
NEGOCIANDO COM O GRINGO

Vem, dólar: Brasil teve recorde de empresas exportadoras em 2023, segundo levantamento

Ao todo, quase 30 mil empresas venderam para o exterior no ano passado; as regiões Norte e Centro-Oeste foram os destaques

Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
6 de abril de 2024
14:13 - atualizado às 12:06
Navio cargueiro carregado de contêineres; imagem faz ilusão à exportação e às empresas exportadoras
Imagem: Cameron Venti/Unsplash

O Brasil registrou recorde de empresas exportadoras no ano passado, valor que cresceu 2% em relação a 2022.

Ao todo, 28.524 firmas venderam para o exterior em 2023.

O levantamento foi divulgado nesta semana pela Secretária de Comércio Exterior do Ministério do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços (MDIC).

Vale lembrar que o dólar é a moeda oficial de operações internacionais. Em linhas gerais, quanto maior o número de exportadoras maior é a movimentação de dólar dentro da economia brasileira — já que os compradores internacionais fazem os pagamentos às empresas brasileiras em dólares.

Exportações por região

Segundo a pasta, as regiões Norte e Centro-Oeste foram as que tiveram o maior aumento porcentual de novas empresas exportadoras.

No Norte, o crescimento foi de 8,8%. Na sequência, está o Centro-Oeste, com 8%, Sul, com 2,6%, e Sudeste, com 1,4%.

Já no Nordeste o número de firmas exportadoras caiu 1,6%, dado puxado pelo recuo na quantidade de micro e grandes empresas participando do comércio exterior, com quedas de 3,9% e de 2,4%, respectivamente.

Por outro lado, disse o MDIC, a região registrou o maior crescimento porcentual em relação às companhias exportadoras de pequeno porte, com avanço de 7,5%.

"Já entre as empresas de grande porte, a maior alta porcentual se deu no Centro-Oeste (11%); enquanto as microempresas tiveram destaque no Norte, com crescimento de 10%", apontou o MDIC.

O ministério ainda considerou que, embora o novo estudo tenha apontado para crescimento dos índices, os números absolutos mostram que ainda é grande a concentração de firmas exportadoras nas regiões Sudeste e Sul, sendo 83,6% no caso das microempresas, 88,3% nas pequenas e 87,7% nas médias e grandes.

Programa de exportação em discussão

Na última quarta-feira (3), o vice-presidente da República e ministro do MDIC, Geraldo Alckmin, e o ministro da Fazenda, Fernando Haddad, se reuniram, e um dos temas do encontro foi justamente a pauta exportadora.

De acordo com Haddad, eles discutiram um programa para incentivar o número de pequenos exportadores no Brasil.

"Vamos verificar perfil de quem exporta e como podemos expandir rede de apoio", disse o chefe da pasta econômica.

Em nota sobre o novo estudo da Secex, Alckmin afirmou que os dados reforçam a necessidade de programas voltados para diversificar o perfil das firmas que vendem ao exterior.

"É nesse sentido que lançamos no ano passado a Política Nacional da Cultura Exportadora (PNCE). A ideia é justamente elevar a participação das MPEs no mercado internacional, com mais cidades de todas as regiões exportando", afirmou Alckmin.

*Com informações de Estadão Conteúdo

Compartilhe

SE PREPARA

Rock in Rio 2024 abre hoje a venda de ingressos. Veja como comprar sua entrada para o festival e confira o line-up completo

23 de maio de 2024 - 8:59

O festival de música acontecerá entre os dias 13 e 22 de setembro de 2024, no Parque Olímpico, no Rio de Janeiro

LOTERIAS

A máquina de milionários voltou! Lotofácil tem 5 acertadores; Dupla Sena sai para bolão

23 de maio de 2024 - 5:48

A Lotofácil continua fazendo novos milionários pelo Brasil, mas ontem teve companhia; Mega-Sena corre hoje valendo R$ 42 milhões

A VOLTA DO “DPVAT”

Governo tem folga de R$ 2,5 bilhões para aumentar gastos após “jabuti” no novo DPVAT liberar crédito bilionário

22 de maio de 2024 - 19:16

Com a inclusão dos R$ 15,8 bilhões no PL que retomou o seguro de veículos, o governo agora tem folga em relação ao limite de gastos do arcabouço fiscal

LOTERIAS

Solidão que nada! Lotofácil faz um novo milionário em SP; Mega-Sena acumula e prêmio sobe ainda mais

22 de maio de 2024 - 6:48

Lotofácil continua fazendo novos milionários pelo Brasil; depois de sair na segunda-feira, Quina volta a acumular

Ainda o país da renda fixa

Investidor prefere renda fixa no 1º trimestre mesmo com juros mais baixos – e títulos isentos como LCI, LCA, CRI e CRA foram as estrelas

21 de maio de 2024 - 18:14

Crescimento do volume alocado em títulos de renda fixa isenta se destacou ante o desempenho de ações e fundos mais arriscados; poupança perdeu participação no volume investido pela pessoa física

PIB PER CAPITA

Qual é o país mais rico do mundo segundo o FMI — e não são os EUA nem a China

21 de maio de 2024 - 11:18

Veja os 10 primeiros lugares do ranking do FMI de países mais ricos do mundo, que considera o PIB per capita, e onde está o Brasil

Títulos públicos

Como títulos como o RendA+ e o Educa+ poderiam ajudar na prevenção e nos reparos de desastres climáticos como os do Rio Grande do Sul

21 de maio de 2024 - 9:30

“Pai” do Tesouro RendA+ defende que títulos públicos voltados para a aposentadoria e a educação podem ser usados para o governo captar recursos para investir em infraestrutura em um cenário de mudanças climáticas e até mesmo viabilizar doações

LOTERIAS

Lotofácil, Quina e Lotomania começam semana fazendo milionários por todos os lados; será que você está entre eles?

21 de maio de 2024 - 5:48

Aconteceu de tudo no rateio da Lotofácil, da Quina e da Lotomania; Mega-Sena corre hoje valendo R$ 37 milhões

LOTERIAS FEDERAIS

Em meio a indecisão da Mega-Sena e Quina, Lotofácil faz milionário no mais recente sorteio; veja loterias federais hoje

19 de maio de 2024 - 10:08

Com a Sena não cravada, o prêmio do próximo concurso, a ser realizado no dia 21 de maio de 2024, sobe para R$ 37 milhões

ATENÇÃO, DEVEDOR

Desenrola Brasil: este é o último fim de semana para aderir à Faixa 1 do programa de renegociação de dívidas; veja como

18 de maio de 2024 - 15:38

Dados do Ministério da Fazenda apontam que, até a semana passada, 14,75 milhões de pessoas já haviam renegociado cerca de R$ 51,7 bilhões em dívidas

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar