🔴 META: ATÉ R$ 3.000 POR DIA COM 2 OPERAÇÕES – CONHEÇA O INDICADOR X

Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
No Seu Dinheiro você encontra as melhores dicas, notícias e análises de investimentos para a pessoa física. Nossos jornalistas mergulham nos fatos e dizem o que acham que você deve (e não deve) fazer para multiplicar seu patrimônio. E claro, sem nada daquele economês que ninguém mais aguenta.
BUFFETT BRASILEIRO

Rei dos dividendos fora da mira da CVM: Barsi é absolvido em processo por suspeita de insider trading

O bilionário era acusado pela área técnica de suposto uso de informação privilegiada em operações com ações da Unipar em 2021

Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
26 de março de 2024
18:05 - atualizado às 18:37
Luiz Barsi
Luiz Barsi - Imagem: Facebook/Reprodução

Conhecido como rei dos dividendos e “Warren Buffett brasileiro”, o megainvestidor Luiz Barsi Filho acaba de colocar um ponto final em um processo sancionador da CVM por suspeita de uso de informação privilegiada (insider trading) na Unipar (UNIP6), empresa da qual é acionista desde 2013 e membro do conselho de administração desde 2017.

O bilionário era acusado pela área técnica da CVM de suposto uso de informação privilegiada em operações com ações da indústria química em 2021.

Após três anos de investigação pela xerife do mercado de capitais brasileiro, o investidor foi absolvido por unanimidade nesta terça-feira (26) em um julgamento da autarquia no Rio de Janeiro, com votos de cinco diretores. 

Ele alegava ser inocente e afirmava que as operações questionadas pela CVM foram realizadas fora do período de silêncio. O investidor tem um patrimônio avaliado em aproximadamente R$ 4 bilhões, de acordo com dados da revista Forbes até 2022.

"Desde o início, a defesa de Barsi manteve a convicção de que as acusações eram infundadas e que o processo iniciado pela CVM se tratava de uma apuração rotineira e comum à administradores de empresas, na qual estava plenamente confiante de que nada de incorreto havia sido praticado", diz nota enviada ao Seu Dinheiro.

As acusações da CVM

A acusação da CVM contra Luiz Barsi Filho por insider trading — prática de negociação ativos diante de fatos importantes que não são de conhecimento do mercado para obter benefícios próprios — teve início em 2021. 

Basicamente, a xerife do mercado investigou uma negociação de ações ocorrida antes da publicação de um fato relevante por parte da Unipar, em junho de 2021, sobre um acordo de confidencialidade com a Compass Minerals para uma potencial aquisição de unidades.

Na época, a CVM identificou um período de expressiva valorização das ações UNIP3 mesmo antes da publicação do documento na autarquia, levantando suspeitas sobre essas movimentações atípicas.

Dias antes do acordo com a Compass, Barsi adquiriu 13.900 ações UNIP3, totalizando R$ 1,12 milhão.

Segundo as acusações, o investidor teria se aproveitado de informações privilegiadas para comprar as ações, já que esteve presente na reunião do conselho de administração da companhia que votou a contratação da Essentia Partners para a prestação de serviços de consultoria e assessoria estratégica — e que depois foi responsável por assessorar a Unipar nas tratativas com a Compass.

De acordo com Barsi, as operações teriam ocorrido fora do período de silêncio e os valores seriam “extremamente imateriais perante minha posição e perante o volume médio diário negociado”. 

O investidor também afirmou na época que as operações foram exclusivamente de compra, “sem evidência de qualquer venda ou lucro auferido”.

A defesa de Barsi ainda afirmava que havia falta de elementos ou provas mínimas para a tipificação da conduta de insider trading, destacando ainda que a quantidade negociada representa um número considerado "irrelevante frente à quantidade e ao volume de negócios totais registrados no dia 28 de maio de 2021".

"Esta absolvição reafirma a integridade e o compromisso de Barsi com as práticas de governança corporativa e o respeito às regulamentações do mercado de capitais. A conclusão do processo reforça a confiança dos investidores e do mercado em geral na conduta empresarial de Barsi e na consistência de sua estratégia de dividendos", afirma a defesa em nota.

*Com informações de O Globo e Investing.

Compartilhe

E AGORA, SHEIN?

A taxação das ‘blusinhas’ vem aí: Lula dá sinal de que vai sancionar impostos sobre compras internacionais — mas não está feliz com isso

18 de junho de 2024 - 13:29

Para o petista, a decisão de taxar as compras internacionais de até US$ 50 com um imposto de 20% é “equivocada”; entenda a situação

MERCADOS HOJE

Dólar salta na abertura e vai a R$ 5,44: o ataque de Lula à Campos Neto que fez o real cair ainda mais

18 de junho de 2024 - 10:32

O presidente da República deu entrevista à Rádio CBN de Londrina e voltou a criticar o posicionamento político do chefe da autoridade monetária

VAI OU NÃO VAI

Governo e Congresso não entram em acordo para fim do orçamento secreto — e STF entra para fazer conciliação

18 de junho de 2024 - 8:39

Ex-ministro da Justiça do governo Lula, Dino herdou a relatoria do processo ao assumir a cadeira da ministra Rosa Weber, que conduziu a ação sobre o orçamento secreto no STF

LOTERIAS

Lotofácil começa semana com tudo enquanto apostadores se preparam para a Quina de São João

18 de junho de 2024 - 5:51

Enquanto a Lotofácil teve 2 ganhadores na noite de segunda-feira, a Mega-Sena acumulada corre hoje valendo R$ 53 milhões

BOLETIM FOCUS

Mercado vê piora na inflação e no dólar — e já não acredita mais que os juros voltarão em 2024, mesmo com críticas de Lula

17 de junho de 2024 - 9:19

Além dos principais indicadores, outros números do Focus chamam a atenção, como o déficit da conta corrente de 2024, que saiu de US$ 33,55 bilhões para US$ 36,20 bilhões

NO PALÁCIO DA ALVORADA

Em meio a crise sobre meta fiscal, Lula convoca Haddad e Tebet para debater revisão de gastos e alfineta Congresso

17 de junho de 2024 - 8:32

A revisão de despesas, portanto, parece se impor, mas dependerá, primeiro, do aval de Lula e, depois, da disposição dos parlamentares

ANOTE NO CALENDÁRIO

Agenda econômica: feriado nos EUA desacelera semana na quarta-feira, com destaque para Copom e crise no governo

17 de junho de 2024 - 6:02

Vale lembrar também que nesta semana acontece a decisão de juros no Brasil e o BC deve manter a Selic no atual patamar de 10,5% ao ano

ELAS NO COMANDO

Bilionária é ela: quem é a chilena que passou o brasileiro e agora é a 2ª pessoa mais rica da América Latina

16 de junho de 2024 - 11:02

O brasileiro Eduardo Saverin, que há dois meses ocupava o segundo lugar na lista da Forbes, foi ultrapassado por Iris Fontbona

ACUMULOU

Mega-Sena pagará prêmio de R$ 53 milhões para quem acertar as seis dezenas

16 de junho de 2024 - 9:33

Segundo a Caixa, o próximo sorteio acontece na terça-feira, dia 18 de junho, e quem vencer pode levar uma bolada para casa

AUTOMÓVEIS

Volvo EX30 dá boas-vindas à era de carros smartificados; fizemos o test-drive e o resultado você confere aqui

16 de junho de 2024 - 7:59

Elétrico que simboliza nova fase da Volvo é sustentável e minimalista ao extremo; aposta alta em público jovem, endinheirado e sedento por inovação

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar