🔴 ALGORITMO MOSTRA COMO BUSCAR ATÉ R$ 3 MIL POR DIA – CONHEÇA

Dani Alvarenga
FAÇA SUAS APOSTAS

Em quanto tempo a inteligência artificial vai ultrapassar a humana? Elon Musk fala em 2 anos, mas CEO de big tech chinesa vê evolução lenta da IA

Enquanto CEOs norte-americanos avaliam que a Inteligência Artificial irá ultrapassar a humana em breve, bilionário chinês projeta mais de 10 anos para o feito acontecer

Dani Alvarenga
23 de maio de 2024
15:00 - atualizado às 15:27
elon musk mark zuckerberg perdendo dinheiro
Imagem: Getty Images

O futuro parece ter chegado. Antes da virada da década, pouco se sabia sobre inteligência artificial. Atualmente, milhões de pessoas utilizam a tecnologia no dia a dia. Em janeiro de 2024, a OpenIA chegou a ter mais de 2,4 bilhões de acessos em suas ferramentas de IA.

Se a tecnologia já está na boca do povo, agora a discussão é em quanto tempo ela irá alcançar – e quem sabe ultrapassar – a inteligência humana. Elon Musk está no time dos otimistas e prevê que a Inteligência Artificial Geral (AGI), campo de IA que tenta criar softwares com a mesma capacidade mental humana, será criada até 2026.

Elon Musk não está sozinho. Sam Altman, CEO da OpenIA, que criou o ChatGPT, disse que a AGI poderia ser desenvolvida no “futuro razoavelmente próximo”.

  • Os balanços do 1T24 já estão sendo publicados: receba em primeira mão a análise dos profissionais da Empiricus Research e saiba quais ações comprar neste momento. É totalmente gratuito – basta clicar aqui.

No entanto, o CEO da Baidu, uma das maiores empresas de tecnologia da China, discorda dos colegas. Para Robin Li, a previsão de que a Inteligência Artificial possa alcançar capacidades humanas em breve não é realista.

De acordo com Li, ainda vai levar mais de 10 anos para a criação da Inteligência Artificial Geral. Isso porque, na visão do bilionário, o ritmo de crescimento da IA ainda é muito lento.

“AGI ainda está a alguns anos de distância. Hoje em dia, muitas pessoas falam sobre AGI. Eles falam: ‘provavelmente faltam dois anos, cinco anos’. Eu acho que ainda levará mais de 10 anos”, disse Li em uma palestra em Paris, na última quarta-feira (22).

Não é suficiente? A evolução da Inteligência Artificial na China e nos EUA

A corrida no desenvolvimento de Inteligência Artificial gerou uma espécie de “Nova Guerra Fria”, em que Estados Unidos e China voltam a disputar a hegemonia do mercado. A competição entre as duas nações levou os EUA a criar bloqueios para a venda de chips para o gigante asiático.

Apesar de as empresas com maior destaque serem as norte-americanas – como a Nvidia, OpenIA e Microsoft – , a China não fica para trás e investe pesado no desenvolvimento de pesquisas de IA. Neste ano, o governo chinês irá criar um fundo de US$ 27 bilhões para desenvolvimento de chips, segundo a Bloomberg.

   O CEO da Baidu, Robin Li, destacou a diferença entre os dois países na corrida pela Inteligência Artificial. Porém, para ele, mesmo com as formas distintas de avanço na tecnologia, ainda não há um aplicativo revolucionário em IA.

“Hoje, na era mobile, você tem aplicativos como Instagram, YouTube, TikTok. Os usuários ativos diários são da ordem de cerca de 100 milhões a um bilhão, certo? E para aplicativos nativos de IA, ainda não vemos isso. Não vemos isso nos EUA. Não vemos isso na China. Não vemos isso na Europa”, disse Li.

Na visão do bilionário, a evolução da Inteligência Artificial ainda está longe de alcançar o ritmo apropriado.

″[Meu] medo é que a tecnologia de IA não esteja evoluindo rápido o suficiente. Todo mundo está chocado com o quanto a tecnologia se desenvolveu nos últimos anos. Mas, para mim, ainda não é rápido o bastante. Está devagar demais”, afirmou Robin Li.

* Com informações da CNBC, Forbes, Gizmodo e O Globo.

Compartilhe

BOMBOU NO SD

Ações da BYD ‘esnobadas’ por Warren Buffett, como reverter a usucapião e a fuga dos milionários: confira os destaques do Seu Dinheiro na semana

23 de junho de 2024 - 11:05

A notícia de que o megainvestidor vendeu quase US$ 40 milhões em ações da montadora chinesa despertou o interesse dos leitores

Loterias

30 novos milionários em apenas um dia: sortudo e dois bolões levam mais de R$ 76 milhões cada na Quina de São João, enquanto Lotofácil tem ganhador único

23 de junho de 2024 - 8:33

O prêmio do concurso especial da Quina foi recorde neste ano, ultrapassando os R$ 229 milhões, e será dividido entre 29 apostadores

BC NA MIRA DO GOVERNO

Lula volta a soltar farpas contra Campos Neto e cita “nervosismo especulativo” com dólar

21 de junho de 2024 - 18:29

Presidente também chamou o líder do Banco Central de “adversário político”

DINHEIRO NO BOLSO

Receita Federal abre consulta ao segundo lote da restituição do Imposto de Renda; veja como acessar

21 de junho de 2024 - 9:09

Mais de 5,75 milhões de brasileiros serão beneficiados no segundo lote da restituição do Imposto de Renda. Contribuintes do Rio Grande do Sul fazem parte da lista de prioridades

LOTERIAS

Mega-Sena acumula e Lotofácil tem 3 ganhadores, mas só se fala na Quina de São João

21 de junho de 2024 - 5:37

Ganhadores da Lotofácil estão bem espalhados pelo Brasil; prêmio da Mega-Sena vai a R$ 86 milhões; Quina de São João corre amanhã

FUTEBOL

Brasil x Argentina: qual é a seleção mais valiosa? A resposta pode surpreender; veja os dias dos jogos da seleção na Copa América

20 de junho de 2024 - 16:12

A Copa América de 2024 começa hoje nos Estados Unidos, mas a estreia do Brasil está programada apenas para a próxima segunda-feira

LOTERIAS

Ainda não jogou na Quina de São João? Corre que ainda dá tempo; veja como apostar

20 de junho de 2024 - 5:52

Enquanto a Quina de São João se aproxima, a Lotofácil continua justificando a fama de loteria menos difícil do Brasil

SEM BOLA DIVIDIDA NO BC

Campos Neto interrompe cortes na Selic: em decisão unânime, Copom mantém a taxa básica de juros em 10,5% ao ano

19 de junho de 2024 - 18:39

A decisão vem em linha com as expectativas do mercado, que já esperava a manutenção após a deterioração do cenário fiscal brasileiro e as incertezas sobre o rumo dos juros nos Estados Unidos

LOTERIAS

Enquanto a Mega-Sena acumula de novo, a Lotofácil faz o primeiro milionário da semana

19 de junho de 2024 - 5:43

Uma pessoa ganhou sozinha na Lotofácil e o prêmio da Mega-Sena está agora em R$ 60 milhões; enquanto isso, a Caixa Econômica Federal se prepara para sortear a Quina de São João

AVANÇO OU RETROCESSO?

O Banco Central vai virar empresa pública? Senado discute a autonomia financeira do BC — veja o que pensam especialistas 

18 de junho de 2024 - 19:10

Audiência na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) foi realizada nesta terça-feira (18) com a presença de economistas e ex-presidentes do BC

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar