🔴 RECEBA ANÁLISES DE MERCADO DIÁRIAS: CLIQUE AQUI E SIGA O SEU DINHEIRO NO INSTAGRAM

2022-06-22T11:18:36-03:00
Renan Sousa
Renan Sousa
É repórter do Seu Dinheiro. Cursa jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP) e já passou pela Editora Globo e SpaceMoney. Twitter: @RenanSSousa1
ADEUS, ADEUS, ADEUS

Atentos ao prazo: Alter vai encerrar contas de clientes, que devem migrar para Méliuz (CASH3); confira datas

Os investidores terão até agosto para transferir seu saldo em reais ou criptomoedas para uma conta da empresa de cashback

22 de junho de 2022
11:18
méliuz, cashnack, bitcoin
A Méliuz (CASH3) anunciou a fusão completa com a fintech de criptomoedas Alter; confira o que fazer se você é cliente.Imagem: Montagem Andrei Morais / Shutterstock

Pouco mais de um ano após comprar a fintech de criptomoedas Alter, a Méliuz (CASH3) deu um passo além na incorporação da companhia. A empresa relacionada às operações envolvendo moedas digitais anunciou que deve descontinuar sua plataforma.

“A infraestrutura do Alter será encerrada totalmente no dia 06/08/2022 e os serviços serão descontinuados conforme calendário abaixo. Por isso, não será possível manter seus bitcoins e reais em sua AlterConta”, informa o portal da companhia.

A Méliuz já havia anunciado a fusão com a empresa em março deste ano, portanto o anúncio não foi exatamente uma surpresa para o mercado.

Como mandar criptomoedas da Alter para Méliuz

O usuário que tiver saldo em reais ou criptomoedas na Alter poderá enviar o montante para uma conta da Méliuz para os clientes que já tiverem cadastro na plataforma de cashback.

Para  transferir seus reais, basta criar uma nova chave Pix na conta do Méliuz e enviar. Já para transferência em bitcoins, é preciso aceitar um termo de consentimento pelo AlterApp.

A expectativa geral é de que a Méliuz passe a oferecer serviços de cashback em criptomoedas após a conclusão da fusão.

Uma história de cripto-amor

A compra da Alter marcou a entrada da Méliuz no mundo das criptomoedas. A companhia pagou R$ 26 milhões pela corretora. Assim, a plataforma de cashback abriu a possibilidade de devolver parte do dinheiro das compras dos usuários em moedas digitais.

A área de serviços financeiros, inclusive, é uma das apostas da Méliuz para ampliar o negócio. A companhia já anunciou que terá uma conta digital gratuita, um novo cartão de crédito próprio e o investimento em bitcoin.

Não empolgou

O mercado, no entanto, parece não estar muito a fim de acompanhar essa união. De acordo com dados do Trademap, os papéis CASH3 caem 39,38% no mês e tem um desempenho ainda pior em relação ao mesmo período do ano passado: queda de 84,74%.

No pregão desta quarta-feira (22), as ações da Méliuz caem 0,86%, negociadas a R$ 1,17.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

Taxas gordas

Com risco fiscal, retorno de 6% + IPCA volta a ser comum entre títulos Tesouro IPCA+ de longo prazo

6 de julho de 2022

Todos os vencimentos de títulos públicos Tesouro IPCA+ a partir de 2035 já voltaram a pagar a rentabilidade “mágica” desse tipo de ativo

QUEDA DE APORTES

Crise dos unicórnios e demissões em massa têm explicação: investimentos em startups caíram 44% no primeiro semestre

6 de julho de 2022

Inflação global, escalada da alta de juros e a Guerra da Ucrânia geraram incertezas no mercado e “seguraram” os investimentos; as mais afetadas são as startups de late stage e unicórnios

CARA CADÊ MEU DEFI?

Roubo de criptomoedas com ataque hacker levou US$ 1,3 bilhão de plataformas de DeFi em 2022; maior crime foi de US$ 180 milhões

6 de julho de 2022

Mesmo com a alta do dia, os investidores acompanham os desdobramentos do pedido de falência da Voyager Digital

O FANTASMA DA RECESSÃO

Ata do Fed manda recado: saiba se os próximos passos do BC dos EUA podem tirar o sono dos investidores

6 de julho de 2022

Na reunião de junho, o banco central norte-americano elevou a taxa de juro em 0,75 ponto percentual, o maior aumento desde 1994, na tentativa de conter uma inflação que não dá tréguas; será que vem mais por aí?

Está vindo aí

Risco de recessão volta a assustar, petróleo amplia perdas e petroleiras lideram quedas do dia; Hypera (HYPE3) e Americanas (AMER3) sobem forte

6 de julho de 2022

Com a queda do petróleo no mercado internacional, papéis de commodities no Brasil têm maiores quedas nesta quarta-feira

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies