Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2021-07-21T17:01:50-03:00
Larissa Vitória
Mais um impostor

CVM encontra nova irregularidade e mantém suspensão de oferta que financiaria reality show baseado no jogo Among Us

A operação, que tinha como objetivo arrecadar R$ 4,7 milhões, era realizada por meio da plataforma de crowdfunding Divi Hub

21 de julho de 2021
17:01
Among Us
Imagem: Max Pixel

Mesmo após esclarecimentos da plataforma de crowdfunding Divi Hub, a Comissão de Valores Mobiliários (CVM) manteve a suspensão de uma oferta pública de emissão de Sociedade em Conta de Participação (SCP) que tinha como sócio ostensivo a SPE Metaforando Ltda..

A operação vinha sendo realizada por meio da plataforma e tinha como objetivo arrecadar R$ 4,7 milhões para financiar o "Operação Metaforando", um reality show inspirado no jogo Among Us, acompanhado pelo canal de YouTube Metaforando, sobre linguagem corporal.

Em comunicado no dia 12 de julho, a Superintendência de Supervisão de Securitização (SSE) da CVM havia afirmado que a ofertante não atendia aos requisitos necessários para esse tipo de operação.

O problema estaria na natureza da entidade que fazia a oferta: A SCP não é considerada uma sociedade empresária de pequeno porte pela Instrução 588 da CVM.

A Divi Hub explicou, porém, em nota enviada na última quinta-feira (15), que a ofertante não é a SCP, mas sim a SPE Metaforando Ltda., que está regularmente registrada na Junta Comercial de São Paulo (JUCESP) como sociedade empresária.

Resposta da CVM

Após o esclarecimento da plataforma, a CVM entendeu que de fato não há problemas quanto à categoria das empresas.

“Após esclarecimentos pela Divi Hub, a SSE entendeu que a oferta se enquadra na Instrução CVM 588, pois corresponde à emissão de valor mobiliário da SPE Metaforando, sociedade empresária de pequeno porte, sendo a SCP correspondente ao valor mobiliário emitido pela SPE”, disse a autarquia em novo comunicado, enviado ontem (20).

Contudo, a CVM identificou outra irregularidade na oferta. Segundo a autarquia, os valores mobiliários ofertados seriam “objeto de registro para negociação entre seus titulares, em ambiente disponibilizado pela Divi Hub ou partes a ela relacionadas”, e isso estaria em desacordo com o artigo 28 da mesma Instrução 588, que diz o seguinte:

“Na condução de suas atividades, as plataformas eletrônicas de investimento participativo, seus sócios, administradores e funcionários não podem (...) realizar atividades privativas de entidades administradoras dos mercados organizados de valores mobiliários; (...) realizar atividades de intermediação secundária de valores mobiliários.”

Portanto, a CVM determinou que a captação continue suspensa por mais 30 dias e, caso a irregularidade não seja corrigida, poderá cancelar a oferta em definitivo.

A Divi Hub deverá enviar nova comunicação para cada investidor que já tenha confirmado o investimento, permitindo a possibilidade de sua revogação até o quinto dia útil após o recebimento dessa informação.

A superintendência da CVM também determinou que a plataforma publique imediatamente outro comunicado ao mercado, informando a decisão da suspensão.

Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

Boletim focus semanal

Em semana de Copom, mercado eleva projeção para inflação

Economistas alteraram a previsão de alta de 6,56% para 6,79% para o IPCA – o índice oficial de preços – este ano, conforme o Relatório de Mercado Focus

Oferta de ações

Contagem regressiva para o IPO da Raízen (RAIZ4) na B3. Vale a pena investir? Confira a análise completa

Período de reserva das ações da produtora de açúcar e álcool e dona dos postos Shell termina hoje; abertura de capital pode movimentar até R$ 10 bilhões

Balanço trimestral

Vai gerar insegurança? BB Seguridade (BBSE3) tem resultados abaixo da expectativa de analistas

O lucro líquido do segundo trimestre foi de R$ 753,7 milhões de reais, resultado 23,2% menor que o registrado um ano antes

O melhor do seu dinheiro

A corrida dos bilhões com barreiras nos balanços da semana e outras notícias que mexem com o seu dinheiro

Bom dia! Prepare-se para ler muitas vezes a palavra “bilhão” ao longo desta semana nas reportagens do Seu Dinheiro. Com a temporada de balanços na fase decisiva, estão programados para os próximos dias os resultados dos três maiores bancos brasileiros — Banco do Brasil, Itaú e Bradesco. Em outros tempos, os lucros bilionários projetados para […]

segredos da bolsa

Esquenta dos mercados: Copom e payroll devem movimentar os negócios junto com balanços dos grandes bancos

Além disso, os mercados amanheceram com apetite de risco nesta-segunda-feira; confira

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies