Menu
2021-01-07T17:39:51-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
transação à vista

Cogna confirma que negocia venda de colégios para empresa apoiada por Lemann

Empresa também admite que avalia aquisição do sistema de ensino do grupo Eleva Educação, após reportagem adiantar conversas

7 de janeiro de 2021
10:45 - atualizado às 17:39
Sala de aula com alunos e professor Ânima Cogna Yduqs
Imagem: Shutterstock

A Cogna Educação (COGN3) confirmou nesta quinta-feira (7) que negocia a venda de colégios para a Eleva Educação que, por sua vez, venderia seu sistema de ensino.

“A transação poderá envolver a venda de determinadas escolas controladas direta ou indiretamente pela Saber [subsidiária da Cogna] à Eleva, bem como a aquisição de sistema de ensino detido pela Eleva pela Somos Sistemas de Ensino S.A., sociedade controlada pela Cogna e pela Vasta Platform Limited [também subsidiária da Cogna]”, diz trecho do comunicado divulgado pela empresa ao mercado.

A transação foi noticiada primeiramente pelo jornal “Valor Econômico”, a partir de informações de fontes familiarizadas com as conversas.

Foi a Eleva, que tem entre seus acionistas o empresário Jorge Paulo Lemann, que iniciou as conversas com a Cogna, segundo a reportagem. A empresa, que pretende realizar uma oferta pública inicial de ações (IPO, na sigla em inglês) em meados deste ano, tem interesse em fortalecer suas operações com as 52 escolas conceituadas que a Cogna possui.

Já para a Cogna interessa o sistema de ensino da Eleva, para expandir sua divisão de materiais didáticos, além de atender à demanda de investidores por aquisições relevantes por parte da Vasta, seu braço de educação básica, que fez um IPO no ano passado.

No comunicado divulgado ao mercado, a Cogna ressaltou que nenhum documento vinculante a respeito da transação foi assinado.

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

prévias

Eztec tem queda de 48% nas vendas no quarto trimestre

Lançamentos da empresa atingiram R$ 380,8 milhões, chegando a R$ 1,150 bilhão no ano – 85% a mais do que no terceiro trimestre

seu dinheiro na sua noite

2 milhões de mortos, 2 trilhões em estímulos e uma queda de mais de 2%

Se a primeira semana de 2021 nos mercados refletiu o otimismo geral com o novo ano que se iniciava, com perspectivas de vacinação contra o coronavírus e recuperação econômica, na segunda semana do ano, os investidores optaram pela cautela. Por ora, 2020, o ano do qual todos queríamos nos livrar, ainda não ficou para trás. […]

FECHAMENTO

Atritos políticos e covid-19 voltam para assombrar o mercado e Ibovespa recua mais de 2%; dólar sobe forte

Existe uma certa desconfiança de que o plano de US$ 1,9 trilhão apresentado por Biden encontre dificuldades de ser aprovado pelo Congresso, ainda que o democrata tenha conquistado a maioria das duas casas. No Brasil, situação do coronavírus reacende a pressão sobre o cenário fiscal

match com o mercado?

Concorrente do Tinder, Bumble pode levantar US$ 100 milhões em IPO

Ações da empresa estreiam em fevereiro na Nasdaq; companhia, que é dona do Badoo, não deu lucro no ano passado

pandemia

Itamaraty confirma que Índia atrasará entrega de vacinas

Chanceler indiano atribuiu o atraso na liberação a “problemas logísticos” decorrentes das dificuldades de conciliar o início da campanha de vacinação no país de mais de 1,3 bilhão de habitantes

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies