🔴 É HOJE! PLANO PRÁTICO PARA GERAR RENDA EM DÓLAR SERÁ REVELADO – VEJA COMO ACESSAR

Ivan Ryngelblum
Ivan Ryngelblum
Jornalista formado pela PUC-SP, com pós-graduação em Economia Brasileira e Globalização pela Fipe. Trabalhou como repórter no Valor Econômico, IstoÉ Dinheiro e Agência CMA.
última etapa

Cade aprova compra de ativos brasileiros da Laureate pela Ânima

Grupo de educação reforça sua posição no mercado de ensino superior com incorporação de nomes como Anhembi Morumbi e FMU

Ivan Ryngelblum
Ivan Ryngelblum
25 de abril de 2021
16:20 - atualizado às 16:15
Sala de aula com alunos e professor Ânima Cogna Yduqs
Imagem: Shutterstock

A Ânima Educação (ANIM3) anunciou na sexta-feira (23) à noite que a superintendência-geral do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou sem restrições a compra de todos os ativos brasileiros do grupo americano Laureate.

Agora, após a publicação do ato, terá início amanhã (27) a contagem do prazo de 15 dias para que referida decisão transite em julgado, se tornando, então, definitiva.

A decisão é o último passo para a Ânima incorporar um portfólio de faculdades que conta com nomes como Anhembi Morumbi e FMU, numa operação que totalizou R$ 4,4 bilhões, superando a proposta da Ser Educacional (SEER3).

“O movimento estratégico da Ânima Educação, por sua magnitude e relevância, cria a companhia com o portfólio de melhores e mais valiosas marcas do país e vem reafirmar nosso compromisso de construir uma companhia sólida, com visão de longo prazo e pessoas apaixonadas e obstinadas que buscam incansavelmente gerar impacto positivo para a sociedade”, diz trecho do comunicado.

No Brasil desde 2005, o Grupo Lareate tem mais de 270 mil alunos, distribuídos em 11 instituições de ensino superior, em sete Estados e 13 cidade, fechou inicialmente acordo com a Ser para vender seus ativos num acordo que envolvia o pagamento de R$ 1,7 bilhão em dinheiro mais 101.138.369 em ações.

No entanto, a Ânima ofereceu uma proposta superior em R$ 500 milhões a mais, e com pagamento integral em dinheiro, e acabou levando a melhor.

A Ser até brigou na Justiça para garantir que o contrato que assinou com a Laureate continuasse vigente, mas acabou optando por fechar um acordo com a Ânima e recebeu alguns dos ativos, no caso, a Faculdade Internacional da Paraíba (FPB) e do Centro Universitário dos Guararapes (UniFG) e do CEPEDE Business School, em Pernambuco.

Compartilhe

ATENÇÃO, ACIONISTA!

Dividendos e JCP: Itaúsa anuncia provento bilionário e Cemig (CMIG4) marca data do pagamento; confira os detalhes

17 de junho de 2024 - 19:15

O valor total de Juros sobre Capital Próprio e dividendos a ser pago pelas duas empresas ultrapassa R$ 3 bilhões

TECH EM FOCO

A bateria do iPhone finalmente vai melhorar? Fornecedora da Apple desenvolve bateria revolucionária — e segura —, que promete armazenar mais energia

17 de junho de 2024 - 18:29

As chamadas solid-state battery são consideradas a nova fronteira da tecnologia, ao menos no ramo de capacitância

AS RAINHAS DOS PROVENTOS

Dinheiro no bolso: As 7 ações que prometem pagar os melhores dividendos na visão do Itaú BBA

17 de junho de 2024 - 17:00

O Índice Dividendos (IDIV) do banco, que superou o Ibovespa, tem empresas de serviços públicos essenciais e de construção entre os setores de destaque

BATALHA DAS CONSTRUTORAS

Meus dividendos, minha vida: Bank of America escolhe ação favorita entre Cury (CURY3) e Direcional (DIRR3) e prevê proventos robustos para a top pick

17 de junho de 2024 - 16:35

O banco atualizou seus números para incorporar o crescimento recente do programa habitacional e o otimismo dos analistas com as construtoras de baixa renda

PAPEL QUE RELUZ

Ouro nas alturas: Metal precioso já subiu 15% em 2024 e valorização abre oportunidade para se tornar sócio desta gigante da mineração

17 de junho de 2024 - 16:16

Segundo o BTG Pactual, este é o “tão esperado ponto ideal” para quem quer se tornar sócio desta mineradora canadense; descubra qual é o papel

DIREITOS TRABALHISTAS

Vale (VALE3) consegue aval da Justiça para sair da “lista suja” do trabalho escravo — pelo menos por enquanto

17 de junho de 2024 - 10:16

A mineradora foi incluída no cadastro de trabalho escravo devido a uma situação ocorrida em fevereiro de 2015 com uma de suas contratadas em Minas Gerais; entenda a situação

PAPÉIS NO VERMELHO

Ficou barato? Cogna (COGN3) lança programa de recompra após ações perderem metade do valor na B3

17 de junho de 2024 - 9:59

De olho na maximização do retorno dos acionistas, a companhia de educação decidiu tirar 44,2 milhões de papéis de circulação do mercado

O SEGREDO DO SUCESSO

Jensen Huang: como um jardineiro ajudou o dono da Nvidia (NVDC34) a manter a gigante dos chips de pé

16 de junho de 2024 - 16:57

Sob a liderança de Huang, a Nvidia se tornou na semana passada uma das poucas empresas do mundo a ultrapassar o valor de mercado de US$ 3 trilhões

ANTES DA PRIVATIZAÇÃO

Dividendos da Sabesp (SBSP3) no bolso: conselho aprova na política; saiba quando passa a valer

15 de junho de 2024 - 9:46

O documento com os termos da nova política de distribuição de resultados está disponível na área de relações com investidores do site da companhia, mas o Seu Dinheiro destacou os principais pontos para você

DINHEIRO NO BOLSO

Dividendos milionários: TIM (TIMS3) e Telefônica (VIVT3) anunciam mais de R$ 475 milhões em proventos; confira as datas

14 de junho de 2024 - 19:42

Distribuição de juros sobre o capital próprio será feita aos acionistas que estiverem na base acionária em junho

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar