Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2021-04-25T16:15:12-03:00
Ivan Ryngelblum
Ivan Ryngelblum
Jornalista formado pela PUC-SP, com pós-graduação em Economia Brasileira e Globalização pela Fipe. Trabalhou como repórter no Valor Econômico, IstoÉ Dinheiro e Agência CMA.
última etapa

Cade aprova compra de ativos brasileiros da Laureate pela Ânima

Grupo de educação reforça sua posição no mercado de ensino superior com incorporação de nomes como Anhembi Morumbi e FMU

25 de abril de 2021
16:20 - atualizado às 16:15
Sala de aula com alunos e professor Ânima Cogna Yduqs
Imagem: Shutterstock

A Ânima Educação (ANIM3) anunciou na sexta-feira (23) à noite que a superintendência-geral do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou sem restrições a compra de todos os ativos brasileiros do grupo americano Laureate.

Agora, após a publicação do ato, terá início amanhã (27) a contagem do prazo de 15 dias para que referida decisão transite em julgado, se tornando, então, definitiva.

A decisão é o último passo para a Ânima incorporar um portfólio de faculdades que conta com nomes como Anhembi Morumbi e FMU, numa operação que totalizou R$ 4,4 bilhões, superando a proposta da Ser Educacional (SEER3).

“O movimento estratégico da Ânima Educação, por sua magnitude e relevância, cria a companhia com o portfólio de melhores e mais valiosas marcas do país e vem reafirmar nosso compromisso de construir uma companhia sólida, com visão de longo prazo e pessoas apaixonadas e obstinadas que buscam incansavelmente gerar impacto positivo para a sociedade”, diz trecho do comunicado.

No Brasil desde 2005, o Grupo Lareate tem mais de 270 mil alunos, distribuídos em 11 instituições de ensino superior, em sete Estados e 13 cidade, fechou inicialmente acordo com a Ser para vender seus ativos num acordo que envolvia o pagamento de R$ 1,7 bilhão em dinheiro mais 101.138.369 em ações.

No entanto, a Ânima ofereceu uma proposta superior em R$ 500 milhões a mais, e com pagamento integral em dinheiro, e acabou levando a melhor.

A Ser até brigou na Justiça para garantir que o contrato que assinou com a Laureate continuasse vigente, mas acabou optando por fechar um acordo com a Ânima e recebeu alguns dos ativos, no caso, a Faculdade Internacional da Paraíba (FPB) e do Centro Universitário dos Guararapes (UniFG) e do CEPEDE Business School, em Pernambuco.

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

Ventos contrários

Renova Energia não consegue “proteção” contra minoritários da própria empresa

Empresa perdeu ação no TJ-SP que tentata impedir os acionistas de produzirem provas contra a empresa, relativas à investigação sobre desvio de recursos

Preocupação

Vidas secas? Bolsonaro admite que Brasil vive “enorme crise hidrológica”

Presidente citou a falta de chuvas como um dos grandes problemas econômicos do país, juntamente com os efeitos causados pela pandemia

MESA QUADRADA

“Não me arrependo de nada. Só não posso dar conselhos financeiros para ninguém”, diz Bob Wolfenson, o fotógrafo das celebridades entrevistado no 7º episódio do Mesa Quadrada

Em em conversa para o podcast Mesa Quadrada, Dan Stulbach, Teco Medina e Caio Mesquita, conversam sobre dinheiro e carreira com Bob Wolfenson, ícone da fotografia brasileira

Situação preocupante

Cuidado com as luzes acesas! Aneel mantém taxa adicional mais alta na contas de agosto

Tarifa cobrada na bandeira vermelha nível 2 é de R$ 9,49 por 100 quilowatts-hora (kWh), e agência continua avaliando se vai elevar o valor

O melhor do Seu Dinheiro

Os melhores investimentos do mês e as notícias que foram destaque na semana

lém do ranking, tivemos o Ibovespa em queda de 2,60, e uma entrevista exclusiva com o CEO da Ânima Educação, que busca um “modelo Magalu”

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies