';

🔴 O ‘NOVO PETRÓLEO’ FOI ENCONTRADO E JÁ É MOTIVO DE DISPUTA NO MUNDO — DESCUBRA AQUI

Cotações por TradingView
2021-06-29T18:25:24-03:00
Estadão Conteúdo
dados dos setor

Setor de seguros faturou em abril R$ 10,5 bilhões, alta de 17,3%

Em 2021, o ganho acumulado é de R$ 42,9 bilhões, crescimento de 13,4%, segundo o Boletim IRB+ Mercado

29 de junho de 2021
18:25
Moeda de um real
Imagem: Shutterstock

O setor de seguros faturou R$ 10,5 bilhões em abril, alta de 17,3% em relação ao mesmo mês do ano passado, segundo o Boletim IRB+ Mercado.

O faturamento marca a 11ª alta mensal consecutiva para o setor. Em 2021, o ganho acumulado é de R$ 42,9 bilhões, crescimento de 13,4% ante o primeiro quadrimestre de 2020, equivalente a R$ 5 bilhões adicionais.

Os principais destaques de abril foram Rural e Vida, subindo 45,2% e 26,3%, respectivamente, segundo a análise. O Rural teve declínio nos sinistros de 18% ao longo do primeiro quadrimestre, conferindo uma das menores taxas de sinistralidade da série histórica (57,4%).

Do total de R$ 5 bilhões a mais que o setor faturou no acumulado de 2021 até abril, os ramos Vida e Corporativo de Danos, individualmente, foram responsáveis por R$ 1,7 bilhão e R$ 1,6 bilhão, nessa ordem.

Enquanto isso, no setor de automóveis, a taxa de sinistralidade, de 54,3%, se manteve em patamares baixos, o que favoreceu os resultados do mercado.

O levantamento informa ainda que o índice de Sinistros Ocorridos sobre o Faturamento de Competência apresentou aumento de 10,7 pontos porcentuais em abril na comparação com o mesmo mês de 2020. No quadrimestre, a taxa também apresentou incremento: 4,8 pp a mais em relação ao porcentual registrada no mesmo período de 2020.

O Boletim IRB+Mercado, relatório da plataforma IRB+Inteligência, resume as operações de seguros a partir dos dados públicos disponibilizados pela Susep em 7 de junho, considerando os seguros de danos, responsabilidades e pessoas.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

CRIPTOS EM ALTA

Bitcoin (BTC) sobe mais de 10% na semana enquanto criptomoeda Aptos (APT) opera ‘milagre’ e dispara mais de 130%; entenda

26 de janeiro de 2023 - 10:32

O protocolo chegou a ser avaliado em aproximadamente US$ 4 bilhões em setembro, um mês antes de ser lançado oficialmente

MARKET MAKERS

O efeito assustador da alavancagem: Como avaliar o patrimônio de uma empresa endividada?

26 de janeiro de 2023 - 9:43

Quanto mais endividada uma empresa, maior é o risco do investimento — e o caso de Americanas mostra que, a companhia tiver mais dívida do que capacidade de gerar caixa, uma hora o negócio degringola

TEM FUNDAMENTO?

CVM pede explicações à Oi (OIBR3) após ação disparar 90% em 4 pregões; acionistas querem destituir conselho

26 de janeiro de 2023 - 8:51

Mesmo com a alta recente, as ações da Oi acumulam queda de 77% nos últimos 12 meses. Em cinco anos, a operadora perdeu mais de 90% do valor na B3

CAÇADOR DE TENDÊNCIAS

Day trade na B3: Oportunidade de lucro de 6% com ações da Vibra (VBBR3); confira a recomendação

26 de janeiro de 2023 - 8:07

Identifiquei uma oportunidade de swing trade baseada na análise quant – compra dos papéis de Vibra (VBBR3). Veja os detalhes

O MELHOR DO SEU DINHEIRO

A temporada de balanços vai começar: Resultado da Cielo, calote da Americanas, ações da Netflix e outras notícias do dia

26 de janeiro de 2023 - 8:05

A expectativa é de que os balanços do setor de varejo sejam analisados com mais minúcia que de costume após o rombo no resultado da Americanas

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies