Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2021-07-14T16:56:01-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
De olho no dragão

Powell reconhece guinada da inflação, mas garante que os preços vão baixar

O presidente do Federal Reserve voltou a falar em fatores transitórios para justificar a alta dos preços em uma audiência da Câmara dos Representantes

14 de julho de 2021
16:55 - atualizado às 16:56
Jerome Powell em audiência no Congresso americano
Imagem: Divulgação

O presidente do Federal Reserve, Jerome Powell, afirmou nesta quarta-feira (14) que "a inflação está bem acima de 2%, mas se baixar em seis meses, então veremos que o arcabouço da política monetária está funcionando."

A autoridade, que participa de uma audiência na Câmara dos Representantes dos Estados Unidos, também alertou para o perigo de agir com base na alta temporária dos preços: "francamente, seria um erro mudar a política monetária de forma prematura".

Mais cedo, o Livro Bege, que é um sumário de opiniões que embasa as decisões de política monetária no país, mostrou que sete dentre os 12 distritos observaram um forte aumento nos preços.

Jerome Powell ressaltou que "a inflação está mais alta do que visto antes, mas está dentro do arcabouço de política monetária" e o banco central americano monitora atentamente a variação mensal média de preços nos EUA.

Powell também salientou que se a alta de preços ocorre de uma vez só, a instituição não reage com mudanças na política monetária. "Há hoje uma tempestade perfeita na economia com alta demanda e baixa oferta, mas ela vai passar. Os preços voltarão a baixar."

Porém, caso as previsões não se realizem, ele garante: "se virmos que a inflação continuar materialmente alta por um longo tempo, absolutamente vamos mudar nossa política".

Desemprego

O dirigente disse não acreditar que os Estados unidos não possam voltar a ter uma taxa de desemprego de 3,5%. "Levou uma longa jornada de oito anos para atingirmos este patamar."

Powell destacou que ainda há um grande "caminho" até o país alcançar novamente o nível de ocupação registrado em fevereiro de 2020, dado que a taxa está hoje em 5,9%. "Uma das condições para subir juros é a taxa de desemprego estar perto de pleno emprego."

Sua visão para a meta é otimista. Para ele "muitas pessoas voltarão a trabalhar e os salários avançarão" nos próximos seis meses.

Compra de ativos

O presidente do Federal Reserve também afirmou que "é difícil ser preciso sobre o que define progresso substancial adicional para mudar política monetária".

Powell afirmou que houve uma nova rodada de discussões sobre tapering na última reunião do Fed, mas reforçou que as projeções da instituição apontam que preços baixarão com abertura plena da economia.

Moedas digitais

Por fim, a autoridade monetária também revelou que a instituição está fazendo consultas públicas sobre moedas digitais de bancos centrais (CBDC, na sigla em inglês)e prometeu a divulgação de um texto sobre seus potenciais benefícios e riscos.

Powell destacou que "precisamos de arcabouço regulatório para moedas estáveis, que ainda não temos." Contudo, ele apontou que "é um argumento forte quando alguém diz que se Fed tivesse CBDC não teríamos criptomoedas".

*Com informações do Estadão Conteúdo

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

COMPRA PROGRAMADA

‘Vale Gás’: Ultragaz cria cartão que permite ‘congelar’ o preço e parcelar a compra do gás de cozinha

O GLP é um dos derivados de petróleo afetado pela alta do dólar frente ao real e pela valorização da commodity no mercado internacional

SALTO COM FINANÇAS

Itaú (ITUB4) escala 53 posições em ranking e se torna único brasileiro entre 500 marcas globais mais valiosas; veja lista completa

Além de figurar entre as marcas mais valiosas, o Itaú conquistou uma posição na lista dos 250 principais CEOs ou “guardiões de marca”

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Volatilidade a mil com decisão de juros do Fed, reabertura do fundo da Dynamo e nova aquisição da Petz: veja o que mexeu com o mercado hoje

O bom humor nos mercados era tanto nesta quarta-feira (26) que nem parecia dia de decisão de juros pelo Federal Reserve, o banco central americano. As bolsas americanas e europeias operavam em alta, ainda em clima de recuperação das perdas do início da semana, e o Ibovespa subia mais de 1,5%, ainda puxado pela entrada […]

Por que choras, Elon Musk?

Tesla (TSLA34) entrega balanço de gala, mas escassez de insumos produtivos azeda noite da montadora de Elon Musk e ações despencam em NY

O resultado da montadora veio recheado de recordes no quarto trimestre, mas os investidores concentraram-se em outra linha do balanço

Fechamento Hoje

NY desanda após fala de Powell, mas Ibovespa ainda consegue fechar em alta de quase 1%; dólar sobe na reta final

Decisão de juros do Federal Reserve até que agradou os mercados, mas discurso duro do presidente da instituição virou o humor dos mercados

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies