Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2021-10-14T07:34:48-03:00
Ricardo Gozzi
PARECE PIADA, MAS NÃO É

A Lei de Murphy aplicada à cadeia de abastecimento global: situação está ruim e vai piorar, adverte a Moody’s

Produção global será prejudicada porque as entregas não serão feitas a tempo, os custos e os preços vão subir e o crescimento do PIB mundial não será tão robusto quanto se esperava, alertam os analistas

13 de outubro de 2021
7:08 - atualizado às 7:34
Porto na China
Imagem: Shutterstock

Pontifica a Lei de Murphy, entre seus diversos corolários, que nada é tão ruim que não possa piorar. A origem das leis de Murphy é controversa, mas o universo de pessimismo que as rege parece ter sido capturado pelos analistas da agência de classificação de risco de crédito Moody’s no que se refere à cadeia de abastecimento global.

A situação já é ruim, com escassez de microchips, congestionamentos de navios em grandes portos pelo mundo e a falta de caminhoneiros em países desenvolvidos. Como resultado, os preços sobem e a recuperação econômica desacelera.

Vai piorar antes de melhorar

Parafraseando a Lei de Murphy, ainda que sem citá-la diretamente, a Moody’s alerta em relatório divulgado esta semana: as interrupções na cadeia de suprimentos "ficarão piores antes de melhorarem".

"À medida que a recuperação econômica global segue ganhando força, o que fica cada vez mais claro é que ela será bloqueada por interrupções na cadeia de suprimentos que surgem em cada canto", escrevem os analistas da Moody's.

Tempestade perfeita

De acordo com eles, “os controles de fronteira, as restrições de mobilidade, a indisponibilidade de um passaporte de vacina global e a demanda reprimida se combinaram para uma tempestade perfeita”.

Consequentemente, a produção global será prejudicada porque as entregas não serão feitas a tempo, os custos e os preços vão subir e o crescimento do PIB mundial não será tão robusto quanto se esperava, continua o relatório, que foi parar na capa do site da CNN.

Antes de continuar, saiba que apresentamos uma análise sobre essa situação no nosso Instagram. Confira abaixo e aproveite para nos seguir por lá (basta clicar aqui). Lá entregamos aos leitores análises de investimentos, notícias relevantes para o seu patrimônio, oportunidades de compra na bolsa, insights sobre carreira e empreendedorismo e muito mais.

Voltando ao assunto, Moody's enxerga a escassez de caminhoneiros como o "elo mais fraco" dessa corrente e aponta para alguns fatores que devem tornar a superação das restrições de oferta “particularmente desafiadora”.

Desafios à frente

Em primeiro lugar, a Moody’s aponta as diferentes táticas adotadas pelos países no combate à pandemia. Enquanto a China busca zerar os casos, os Estados Unidos parecem "mais dispostos a viver com a Covid-19 como uma doença endêmica".

“Isso representa um sério desafio para harmonizar as regras e regulamentos pelos quais os trabalhadores do setor de transporte entram e saem de portos e centros em todo o mundo”, observam os analistas.

Por fim, a Moody's menciona a inexistência de um "esforço global combinado para garantir o bom funcionamento" da rede mundial de logística e transporte.

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

ATENÇÃO, ACIONISTA

Hapvida (HAPV3) vai recomprar até 100 milhões de ações; papéis acumulam queda de 17% no ano

A operadora de saúde anunciou hoje que dará início a um programa de recompra de papéis com duração de até 18 meses

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Ibovespa fecha semana no azul, Nubank valendo bilhões a menos e primeiro ETF cripto dos EUA: veja as principais notícias desta sexta

Em uma limousine brilhante, o Ibovespa chegou atrasado para a festa das bolsas globais — mas chegou.  Os balanços das empresas europeias e americanas abriram as portas do salão de baile: com o bom resultado das companhias, dados mistos da economia e um desenho mais nítido da retirada de estímulos monetários, Wall Street brilhou.  O […]

CRIPTOMOEDAS

Quais as dificuldades na regulamentação do Bitcoin e demais criptomoedas?

Analista de criptomoedas, Valter Rebêlo, comenta sobre o processo de regulamentação das criptomoedas ao redor do mundo

FECHAMENTO DO DIA

Ibovespa tira uma lasquinha da festa das bolsas globais e sobe mais de 1% na semana; dólar recua após atuações do BC

Com uma bolsa descontada após as turbulências recentes, o Ibovespa tinha tudo para chegar cedo nessa festa, mas foi preciso que o Banco Central assumisse a condução para que a B3 tivesse uma chance.

ALGUNS BILHÕES A MENOS

Nubank prepara IPO com listagem na Nasdaq e na B3 até o fim deste ano, mas deve baixar a pedida no valuation

Meses atrás, a startup buscava ir a mercado avaliada em cerca de US$ 100 bilhões; veja o novo valor de mercado segundo o Broadcast

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies