A AÇÃO QUE ESTÁ REVOLUCIONANDO A INFRAESTRUTURA DO BRASIL E PODE SUBIR 50%. BAIXE UM MATERIAL GRATUITO

2021-07-08T11:37:51-03:00
Rafaella Bertolini
Dragão ainda feroz

IPCA vem dentro do esperado pelos analistas, mas tendência ainda preocupa

Inflação oficial teve alta de 0,53% em junho, ante uma projeção média de 0,52% dos analistas; acumulado em 12 meses é de 8,35%

8 de julho de 2021
11:11 - atualizado às 11:37
Nota 100 Reais Rasgada Inflação IPCA
Imagem: Montagem Andrei Morais / Shutterstock

O mercado sempre busca acertar as previsões sobre os principais indicadores econômicos, para fazer as escolhas mais certeiras possíveis. E mesmo ainda assustando pela alta acumulada, a inflação oficial de junho ficou praticamente dentro do esperado.

O IBGE divulgou o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (IPCA) de junho, que ficou em 0,53%, ante a expectativa dos economistas de 0,52%, segundo as projeções do Broadcast.

Porém, o acumulado dos últimos 12 meses nos mostra que o dragão permanece arisco, já que a inflação está em 8,35%. Em 2021, o índice acumula taxa de 3,77%. Lembrando que o centro da meta estipulada pelo Conselho Monetário Nacional (CMN) é de 3,75%.

Dos nove grupos de produtos e serviços pesquisados, oito tiveram alta de preços em junho, e novamente o maior impacto veio de habitação, que registrou um aumento de 1,10%. 

Alívio da energia elétrica

Entre as surpresas desagradáveis da última divulgação, a energia elétrica sem dúvidas foi protagonista, afinal, em maio o avanço foi de 5,73%. Para  junho, o resultado foi mais sútil e a alta desacelerou para 1,95%, mas ainda assim exerceu o maior impacto individual no índice do mês.

Ainda em habitação, também chama a atenção a alta expressiva da taxa de água e esgoto que subiu 1,04%, e também os preços do gás de botijão (+1,58%) e do gás encanado (+5,01%).

O grupo de alimentação registrou alta de 0,43%, muito próxima à do mês anterior (+0,44%). Alimentação a domicílio passou de 0,23% em maio para 0,33% em junho, puxado principalmente pelas carnes (1,32%), que subiram pelo quinto mês consecutivo e acumulam alta de 38,17% em 12 meses.

A alimentação fora do domicílio (+0,66%) desacelerou em relação a maio (+0,98%), principalmente por conta do item lanche (0,24%), cujos preços haviam subido 2,10% no mês anterior. Já a refeição subiu 0,85%, enquanto havia apresentado alta de 0,63% em maio.

O que dizem os analistas

Para Étore Sanchez, economista-chefe da Ativa Investimentos, o IPCA de junho surpreendeu positivamente, já que a projeção da casa era de 0,62% em junho.

Mas o economista chama atenção para os núcleos do indicador, que mostram uma tendência de continuidade da aceleração.

"De imediato, olhando os números, deveremos assistir a projeção para 2021 do IPCA recuar dos 6,1% para cerca de 6,0%, apenas por incorporar o desvio de hoje”, afirma Sanchez.

O presidente da Associação Brasileira de Educadores Financeiros (ABEFIN), Reinaldo Domingos, afirma que a variação de 8,35% em 12 meses, mesmo que ainda alta, não é a real.

"Infelizmente observo que para o dia a dia da população esse índice é muito maior. Basta observar os preços dos alimentos e da energia elétrica, que foi a grande vilão desse índice, e que terá efeito cascata nos outros preços", analisa.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

ACELERANDO NA RETA

Bitcoin (BTC) busca os US$ 25 mil, mas alta é ofuscada por disparada de 12% do ethereum (ETH); confira que movimenta as criptomoedas hoje

11 de agosto de 2022 - 10:09

Os investidores estão otimistas com a atualização do ethereum: em julho deste ano, o ETH acumulou alta de 57,7% e sobe 14,9% nos primeiros dias de agosto

NADA DIPLOMÁTICO

Paulo Guedes fala em “ligar o foda-se” para França, maior empregador estrangeiro no Brasil

11 de agosto de 2022 - 9:36

O país europeu é terceiro que mais investe no Brasil; as exportações para a França vêm crescendo 18% neste ano

MERCADOS AO VIVO

Bolsa hoje: Ibovespa sobe após índice mostrar deflação ao produtor nos EUA em julho; dólar recua para R$ 5,07

11 de agosto de 2022 - 9:08

RESUMO DO DIA: Os investidores tentam ampliar os ganhos da sessão anterior e as bolsas internacionais sobem hoje. Após o dado de inflação ao consumidor animar, desta vez as bolsas são embaladas pelo índice de preços ao produtor (PPI), que mostrou um resultado melhor que o esperado, com deflação de 0,5% em julho. Por aqui, […]

Como eles investem?

Quem investe melhor, Lula ou Bolsonaro? Confira o patrimônio e as aplicações dos candidatos à Presidência

11 de agosto de 2022 - 9:00

Candidatos às eleições de 2022 divulgaram seus bens à Justiça Eleitoral, e o Seu Dinheiro analisou as “carteiras” de cada um deles; quem é o melhor investidor?

BOMBOU NAS REDES

A catástrofe na Rússia que Putin não quer que o Ocidente descubra: Estados Unidos e aliados estão causando um verdadeiro estrago na economia do país; veja os maiores impactos

11 de agosto de 2022 - 8:37

Enquanto algumas matérias derrotistas apontam a Rússia ‘à prova’ de sanções, um estudo de Yale afirma que os efeitos são catastróficos; entenda detalhes

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies