Menu
2020-03-10T10:19:19-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
conflito de preços

Rússia diz que pode ampliar produção de petróleo rapidamente

Sauditas e russos não conseguiram chegar a um acordo para aprofundar cortes na produção coletiva da Opep+

10 de março de 2020
10:17 - atualizado às 10:19
shutterstock_1150277432
Jelgava, Letônia, 25 de setembro de 2005, estação ferroviária vista de cima com os tanques de petróleo e amônia da Russian Railways. - Imagem: Shutterstock

O ministro de Energia da Rússia, Alexander Novak, disse que o país pode ampliar sua produção de petróleo rapidamente. "Temos o potencial para crescimento da produção", afirmou Novak, em entrevista ao canal de TV estatal Russia 24.

Mais cedo, a petrolífera estatal saudita Saudi Aramco anunciou que irá ampliar sua produção para 12,3 milhões de barris por dia (bpd) em abril.

Na última sexta-feira (06), sauditas e russos não conseguiram chegar a um acordo para aprofundar cortes na produção coletiva da Opep+, grupo formado pela Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) e dez aliados, incluindo a Rússia.

Na ocasião, Moscou rejeitou uma proposta da Opep de ampliar a redução na oferta em 1,5 milhão de barris por dia (bpd), em resposta à ameaça econômica do coronavírus.

*Com informações da Dow Jones Newswires e Estadão Conteúdo

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

Pesquisa da FGV

Presente mais caro: inflação do Dia das Mães é a maior dos últimos quatro anos

Levantamento da FGV mostra que a inflação no Dia das Mães é a maior desde 2017; eletrodomésticos e passagens aéreas tiveram maiores saltos

Expansão

SPX Capital assume operações do Carlyle no país

As operações do Carlyle no Brasil serão absrovidas pela SPX Capital. Com isso, a gestora de Rogério Xavier se expande em private equity

ESTRADA DO FUTURO

Um pé no abismo e outro na casca de banana: como identificar ações de empresas decadentes

Excesso de otimismo, planos mirabolantes e desprezo pela inovação estão entre as receitas para uma empresa falhar, segundo o gestor que se dedicou a descobrir empresas terríveis

Novo competidor

Grupo catarinense que fatura R$ 8,8 bi vai abrir 1º atacarejo no estado de SP

O Grupo Pereira vai abrir uma unidade da Fort Atacadista, sua bandeira de atacarejo, na cidade de Jundiaí; forte competição em SP é desafio

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies