Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2020-04-08T12:02:49-03:00
Estadão Conteúdo
de olho na crise

Bancos estão alinhados com auxílio emergencial, diz presidente da Caixa

Sobre os saques dos recursos, Guimarães afirmou que a Caixa estima que menos de 1% dos beneficiários precisem dessa via, uma vez que quem não tem internet ou celular pode usar o de outra pessoa próxima

8 de abril de 2020
12:01 - atualizado às 12:02
Pedro Guimarães, presidente da Caixa Econômica Federal
Pedro Guimarães, presidente da Caixa Econômica Federal - Imagem: Fotoka/Divulgação

O presidente da Caixa, Pedro Guimarães, afirmou, em entrevista à Globonews, que o cronograma para saques do auxílio emergencial "provavelmente" deve ser anunciado nesta quinta-feira, 9. "Estamos discutindo internamente, a data seria semana que vem, mas provavelmente anunciaremos amanhã esse cronograma de recebimento na boca do caixa, nos ATMs [caixas eletrônicos] ou nas lotéricas."

Questionado sobre o pagamento de dívidas em outros bancos com esse dinheiro e sobre um entendimento da Federação Brasileira de Bancos (Febraban) com o governo de que as contas que receberiam esses recursos poderiam ser casadas com as contas que têm essas pendências, Guimarães explicou que a Caixa não fará isso, mas que os bancos privados estão "alinhados".

"Do ponto de vista legal e normativo, é uma prerrogativa do Banco Central, Roberto Campos Neto, presidente do BC, que é meu amigo há muito tempo, é uma discussão dele. Mas não há nenhum tipo de dúvida: Bradesco, Itaú e Santander estão alinhados, querem ajudar. O entendimento é claro: esse dinheiro é para um momento emergencial, independentemente de qualquer dívida da população de cheque especial ou cartão de crédito", disse Guimarães.

O presidente da Caixa ainda disse que 99,9% desses recursos estarão nos cincos grandes bancos, e que há nenhum risco. "Febraban é uma instituição muito séria e alinhada."

Sobre os saques dos recursos, Guimarães afirmou que a Caixa estima que menos de 1% dos beneficiários precisem dessa via, uma vez que quem não tem internet ou celular pode usar o de outra pessoa próxima que não vá receber o auxílio para fazer o cadastro no banco e usar o aplicativo Caixa Tem.

Segundo ele, só na terça-feira, 7, o sistema teve cerca de 115 milhões de acessos, sendo que 20 milhões já fizeram o cadastro. A expectativa, explicou ele, era de 10 milhões de cadastros.

O presidente do banco também destacou que a Caixa está em mais de 5.500 municípios, e que essa capilaridade permite um bom relacionamento com prefeituras e Câmaras de Vereadores, facilitando a chegada dos recursos para todos os beneficiários.

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

ÚLTIMO ADEUS?

De malas prontas para deixar a B3, Banco Inter (BIDI11) reverte prejuízo em lucro líquido de R$ 19,2 milhões no terceiro trimestre

O banco digital também celebrou a marca de 14 milhões de clientes no período, um salto de 94% na comparação com o terceiro trimestre de 2020

Tecnologia em foco

As big techs na balança: veja como foi o trimestre de Google, Microsoft e Twitter

Três das principais big techs americanas reportaram seus balanços nesta noite; veja como se saíram Alphabet/Google, Microsoft e Twitter

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Pressão nos juros, Elon Musk mais rico e o brilho das ações das elétricas

As projeções de bancos e economistas para a alta da Selic não param de subir. É possível ver essa tendência semanalmente no boletim Focus, divulgado toda segunda-feira pelo Banco Central, em relatórios de diversas casas de análise e na curva dos juros futuros — que não param de ser revisados para patamares cada vez mais […]

ACIONISTAS FELIZES

Farra dos dividendos: Santander (SANB11), Klabin (KLBN11) e Porto Seguro (PSSA3) anunciam proventos; banco espanhol vai pagar R$ 3 bilhões aos acionistas

Confira mais detalhes sobre os valores por ação, previsão para o pagamento e a data-limite para entrar na festa de cada uma das três empresas

MERCADOS HOJE

Ibovespa volta a cair mais de 2% na véspera da decisão do Copom; inflação salgada e fiscal deteriorado comandaram o dia

O mercado financeiro aguarda ansioso pelas palavras do BC, que devem pesar a recente deterioração do cenário fiscal e a elevação dos preços. O Ibovespa teve novo dia de perdas

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies