Menu
2020-06-16T07:47:49-03:00
Estadão Conteúdo
integrante de secretaria especial

Substituto de Mansueto, Bruno Funchal assumirá Tesouro em 31 de julho

O economista Bruno Funchal vai assumir o cargo de secretário do Tesouro Nacional em 31 de julho, confirmou no período da tarde desta segunda-feira, 15, o Ministério da Economia

15 de junho de 2020
18:18 - atualizado às 7:47
Bruno Funchal
Imagem: TV Educativa ES/ Reprodução

O economista Bruno Funchal vai assumir o cargo de secretário do Tesouro Nacional em 31 de julho, confirmou no período da tarde desta segunda-feira, 15, o Ministério da Economia. O jornalista de O Estado de S. Paulo José Fucs antecipou mais cedo que Funchal havia sido o escolhido para substituir Mansueto Almeida, que anunciou estar deixando o cargo.

Em nota, a pasta comunicou que iniciou o transição do comando, ocupado desde abril de 2018 por Mansueto Almeida.

Funchal é bacharel pela Universidade Federal Fluminense (UFF) e doutor em Economia pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), com pós-doutorado pelo Instituto Nacional de Matemática Pura e Aplicada (IMPA). É professor titular da FUCAPE Business School e foi pesquisador visitante na Universidade da Pensilvânia.

Em 2017 e 2018, Funchal foi Secretário de Fazenda do Espírito Santo e atuou como um dos responsáveis pelo processo de ajuste das contas estaduais.

Na nota, o Ministério da Economia destacou que ele estava no cargo quando o Estado foi "o único que recebeu nota A" na classificação de risco do Tesouro Nacional.

Desde o início do governo Jair Bolsonaro, o futuro secretário do Tesouro integra a equipe da Secretaria Especial de Fazenda como diretor de programa e "trabalha pelo ajuste fiscal do País", diz a nota. Ele foi um dos técnicos responsáveis para elaboração do projeto do Pacto Federativo.

"O Ministério da Economia agradece a Mansueto Almeida pelo compromisso com a equipe que chegou com o novo governo e por todo trabalho realizado à frente do Tesouro Nacional em prol do reequilíbrio das contas do País", diz o comunicado.

Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

Fechamento da semana

Real ganha do dólar na semana e bolsa sobe mais de 2% com economia americana nem tão aquecida e Copom incisivo

Os problemas domésticos foram para baixo do tapete e os fatores externos ajudaram o Real a se valorizar e a bolsa a romper resistências importantes. Confira um resumo da semana.

Mudou de ideia?

Elon Musk passa a recomendar cautela com o dogecoin às vésperas de sua participação no SNL

O bilionário, que já fez a moeda-meme disparar 60% com apenas um tweet, exibiu um alerta para as limitações do mercado de criptoativos

pandemia

Estudo aponta relação entre negacionismo de Bolsonaro e evolução da pandemia no Brasil

Segundo o levantamento, em cidades onde o presidente obteve mais de 50% dos votos no segundo turno das eleições de 2018, número de mortes foi 415% maior do que nos municípios onde ele perdeu o pleito

Insistência incomoda

Ex-presidente do BC Affonso Pastore acredita que ajuste parcial da Selic é insustentável

O economista defende o reconhecimento explícito de que a instituição perseguirá o ajuste integral da taxa básica de juros

Turbulência

Latam reduz prejuízo em 79% e anota perda de US$ 430,8 milhões no 1º trimestre

A receita operacional total da aérea foi de US$ 913,1 milhões no primeiro trimestre, queda de 61,2% sobre o mesmo período de 2020

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies