O melhor time de jornalistas e analistas do Telegram! Inscreva-se agora e libere a sua vaga

2020-05-22T11:31:45-03:00
Estadão Conteúdo
EFEITO CORONAVÍRUS

Para FMI, juros devem permanecer baixos por um tempo

Segundo o diretor do departamento monetário e de mercado de capitais, mais de 100 países já solicitaram assistência financeira do Fundo, entre os quais cerca de 50 já começaram a receber os recursos.

22 de maio de 2020
11:31
Fundo Monetário Internacional (FMI)
Imagem: Shutterstock

O diretor do departamento monetário e de mercado de capitais do Fundo Monetário Internacional (FMI), Tobias Adrian, sugeriu que os bancos retenham as receitas em seus balanços, evitando pagamento de dividendos, a fim de preservar as condições de capitais.

"Podemos esperar juros baixos por um bom tempo. Então, nossas expectativas é de que haverá pressões de rentabilidade sobre os bancos", afirmou, durante seminário virtual sobre o Relatório de Estabilidade Financeira Global, divulgado nesta sexta-feira, 22.

Segundo Adrian, mais de 100 países já solicitaram assistência financeira do Fundo, entre os quais cerca de 50 já começaram a receber os recursos.

Ele avalia que o auge da crise financeira provocada pelo coronavírus já passou. "As políticas em países desenvolvidos têm efeitos positivos em economias emergentes. Com o relaxamento das condições financeiras, o acesso a mercados melhorou para os emergentes", analisa.

Na mesma linha, o vice-diretor do departamento monetário e de mercado de capitais do FMI, Fabio Natalucci, afirmou que os emergentes enfrentaram problemas de fuga de capitais na fase inicial da crise, mas que a questão começou a se estabilizar, particularmente nos países com fundamentos econômicos sólidos.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

PORTFÓLIO DE BILHÕES

Aposta contra a Apple (AAPL34)? Veja as mudanças que Warren Buffett, Michael Burry e investidores de elite fizeram nas carteiras

Esses pesos-pesados do mercado financeiros tomaram decisões surpreendentes no primeiro trimestre; confira as mudanças mais significativas que eles fizeram no período

DO BRASIL PRO MUNDO

Guedes tem encontro com Escobari, da General Atlantic, e vai a jantar do BTG; confira a agenda do ministro em Davos

O banqueiro André Esteves, que em abril voltou ao comando do conselho do BTG Pactual, está participando do evento na Suíça

UMA TECH ATRAENTE

É hora da Locaweb? Saiba por que o Deutsche Bank vê ponto de entrada para as ações LWSA3

Banco alemão atualizou a recomendação para a empresa de neutra para compra e vê potencial de valorização de mais de 50% para os papéis

O QUE VEM POR AÍ

Ata do Fed e IPCA-15: confira a agenda de indicadores da semana aqui e lá fora

Nos Estados Unidos, a segunda prévia do PIB no primeiro trimestre também é destaque; na Europa, o PIB da Alemanha é o principal dado

CAMINHO DO MEIO

Menor rejeição e apoio interno no MDB dão vantagem a Simone Tebet; veja os rumos da senadora da terceira via

Maior desafio, segundo marqueteiros, é torná-la popular: 46% do eleitorado desconhece Simone Tebet, segundo pesquisas recentes

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies