Menu
2020-03-05T20:04:05-03:00
Estadão Conteúdo
REFORMA TRIBUTÁRIA

Guedes diz que enviará reforma tributária na próxima semana

Guedes participou nesta quinta-feira, 5, de almoço com o presidente da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), Paulo Skaf, e empresários. Também esteve presente o presidente da República, Jair Bolsonaro

5 de março de 2020
20:03 - atualizado às 20:04
Entrevista coletiva do ministro da economia, Paulo Guedes
Imagem: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

O ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou que vai enviar a reforma tributária a semana que vem. Na quarta-feira, 4, a Comissão Mista que vai cuidar do assunto no Congresso realizou sua primeira reunião sob a presidência do senador Roberto Rocha (PSDB-MA).

Guedes participou nesta quinta-feira, 5, de almoço com o presidente da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), Paulo Skaf, e empresários. Também esteve presente o presidente da República, Jair Bolsonaro.

Nesta quinta, a Fiesp, a realizou a primeira reunião do Conselho Superior Diálogo pelo Brasil, tem a participação de 34 empresários e executivos, entre eles André Bier Gerdau Johannpeter (Gerdau), Luiz Carlos Trabuco Cappi (Bradesco), Flavio Rocha (Riachuelo) e Carlos Alberto de Oliveira Andrade (Caoa).

Orçamento Impositivo

Sobre os atritos do presidente Bolsonaro com o Congresso, Guedes classificou como aprendizado sobre o Orçamento Impositivo. "Em qualquer democracia do mundo, o Parlamento vota o Orçamento."

No início da semana, o Ministério da Economia disse que o próprio ministro havia pedido ao presidente Jair Bolsonaro para que fosse suspensa a competência repassada ao ministro para decidir sobre atos orçamentários.

De acordo com Guedes, "há um período de aperfeiçoamento institucional". "Estamos mexendo nos orçamentos. É natural que o Congresso empurre um pouco e que o Executivo lute pelo seu espaço", disse.

O ministro ainda disse confiar nas reformas. "O presidente está encaminhando e a governabilidade está acontecendo", afirmou.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

efeito pandemia

Setor público tem déficit primário de R$ 64,559 bi em setembro, diz BC

Em função da pandemia, cujos efeitos econômicos se intensificaram em março, o governo federal e os governos regionais passaram a enfrentar um cenário de forte retração das receitas e aumento dos gastos públicos.

AINDA RUIM

Taxa de desemprego atinge 14,4% no trimestre até agosto, a maior desde 2012

País registrou 13,794 milhões de desempregados no período, aumento de 8,5%

VAREJO COMPETITIVO

Fast Shop aposta em conceito ‘luxo’ contra gigantes

Segundo presidente da empresa, expansão em 2020 deve ser de 15% a 20%, elevando a receita do negócio para próximo (ou além) de R$ 5 bilhões

Exile on Wall Street

Tempos modernos, vícios antigos

A indústria ainda tem muito a evoluir no sentido de democratizar produtos eficientes e boas práticas que permitam ao investidor comum internacionalizar sua carteira

Títulos públicos

Veja os preços e as taxas do Tesouro Direto nesta sexta-feira

Confira os preços e taxas de todos os títulos públicos disponíveis para compra e resgate

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies