Menu
2020-05-05T07:44:09-03:00
Agência Brasil
números oficiais

Em novo boletim, ministério confirma 107,7 mil infectados por covid-19

A partir desta segunda, segundo informou a assessoria do Ministério da Saúde, a pasta divulgará dois balanços diários, um às 15h e outro às 19h

5 de maio de 2020
7:44
coronavírus
Imagem: Shutterstock

O Ministério da Saúde (MS) divulgou, às 20h45, a segunda atualização dos dados do novo coronavírus referentes a esta segunda-feira (4), representando uma nova metodologia de divulgação dos dados.

As informações mais recentes dão conta de 107.780 pessoas contaminadas, sendo 6.633 registros a mais (7%) em relação a ontem (3). A partir desta segunda, segundo informou a assessoria do Ministério da Saúde, a pasta divulgará dois balanços diários, um às 15h e outro às 19h.

O número de mortes subiu para 7.321, sendo 296 mortes nas últimas 24h. Além disso, o número de pessoas recuperadas da doença chegou a 45.815, o equivalente a 42,5% do total de casos. Estão em acompanhamento 54.644 (50,7%) dos pacientes confirmados e 1.427 mortes continuam em investigação.

São Paulo se mantém como epicentro da pandemia no país, concentrando o maior número de falecimentos (2.654). O estado é seguido pelo Rio de Janeiro (1.065), Ceará (712), Pernambuco (691) e Amazonas (584).

Visita a Manaus

O ministro da Saúde, Nelson Teich, visitou hoje hospitais na capital do Amazonas. Acompanhado do prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto, Teich visitou as instalações do Hospital de Campanha Municipal Gilberto Novaes, além do Hospital de Retaguarda Nilton Lina e do Hospital Delphina Rinaldi Abdel Azir.

O ministro também se reuniu com autoridades locais para acompanhar as ações desenvolvidas no enfrentamento à covid-19. O ministro viajou ontem a Manaus, que tem registrado o quinto maior número de casos (7.242) e mortes (584) do país.

Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

seu dinheiro na sua noite

Fidelidade em baixa com a pandemia

Não, não estou falando da fidelidade entre casais. Até porque, por mais que a convivência excessiva em família na quarentena tenha abalado alguns casamentos, o momento não anda muito propício às puladas de cerca. Estou falando do setor de fidelidade, que abarca as empresas de programas de pontos e milhagem, sobretudo aqueles ligados às companhias […]

Empresa ligada à Vale

Justiça aprova pedido de Recuperação Judicial da Samarco

RJ não terá impacto nas atividades operacionais da mineradora, nem nas ações de reparação e compensação pela tragédia de Mariana

FECHAMENTO

Ibovespa ignora tensão em Brasília e NY no vermelho e avança 1%; dólar também sobe

Enquanto as blue chips garantiram o bom desempenho do Ibovespa, o dólar avançou 0,84%, pressionado pelo noticiário em Brasília

Exaltou integração

Presidente do Banco Central não enxerga competição entre bancos e fintechs

Segundo Campos Neto, a integração entre as mídias sociais e o sistema financeiro é maior inovação que existe no momento

Menos pontos e milhas

Setor de empresas de fidelidade encolhe quase 30% em 2020

O segmento de fidelidade movimentou R$ 5,3 bilhões em 2020, segundo a Associação Brasileira das Empresas do Mercado de Fidelização (ABEMF)

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies