Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2020-05-01T16:54:27-03:00
Estadão Conteúdo
país em crise

Déficit do setor público em 2020 será de 8% do PIB

De acordo com a projeção divulgada nesta sexta-feira, 1º, o rombo neste ano chegará a R$ 601,2 bilhões

1 de maio de 2020
16:54
Ministro Paulo Guedes e o secretário Rogério Marinho
Paulo Guedes e Rogério Marinho - Imagem: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados

O Ministério da Economia aumentou a projeção para o déficit primário do setor público para este ano e admitiu, pela primeira vez, um valor acima de R$ 600 bilhões.

De acordo com a projeção divulgada nesta sexta-feira, 1º, o rombo neste ano chegará a R$ 601,2 bilhões (8,27% do PIB), considerando o cenário projetado no Boletim Focus, que estima recuo de 3,34% do PIB. Anteriormente, o pior cenário previsto pela pasta era de um déficit de R$ 515,5 bilhões, considerando queda de 5% no PIB.

Em apresentação divulgada pelo secretário de Fazenda, Waldery Rodrigues, o ministério faz projeções de diferentes cenários. Considerando a previsão de PIB do Focus, o impacto primário das medidas para combate à covid-19 chega a 4,81%. O impacto estimado no resultado primário é de R$ 349,4 bilhões.

Nesse cenário, o déficit do governo central chegaria a R$ 566,6 bilhões (7,79% do PIB), o déficit de estatais é estimado em R$ 3,8 bilhões (0,05% do PIB), e o déficit dos Estados e municípios, R$ 30,8 bilhões (0,42%). Com essa retração de 3,34% do PIB, a dívida bruta do governo geral ficaria em 90,8% do PIB e a dívida líquida do setor público em 66,2%. A necessidade de financiamento do setor público seria de 13,3% do PIB.

No pior dos cenários, que considera recuo de 5,34% do PIB, o déficit do governo central chegaria a R$ 587,1 bilhões. Com essa retração, a dívida bruta do governo geral ficaria em 93,1% do PIB e a dívida líquida do setor público em 67,9%. A necessidade de financiamento do setor público seria de 13,8% do PIB.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

Ventos contrários

Renova Energia não consegue “proteção” contra minoritários da própria empresa

Empresa perdeu ação no TJ-SP que tentata impedir os acionistas de produzirem provas contra a empresa, relativas à investigação sobre desvio de recursos

Preocupação

Vidas secas? Bolsonaro admite que Brasil vive “enorme crise hidrológica”

Presidente citou a falta de chuvas como um dos grandes problemas econômicos do país, juntamente com os efeitos causados pela pandemia

MESA QUADRADA

“Não me arrependo de nada. Só não posso dar conselhos financeiros para ninguém”, diz Bob Wolfenson, o fotógrafo das celebridades entrevistado no 7º episódio do Mesa Quadrada

Em em conversa para o podcast Mesa Quadrada, Dan Stulbach, Teco Medina e Caio Mesquita, conversam sobre dinheiro e carreira com Bob Wolfenson, ícone da fotografia brasileira

Situação preocupante

Cuidado com as luzes acesas! Aneel mantém taxa adicional mais alta na contas de agosto

Tarifa cobrada na bandeira vermelha nível 2 é de R$ 9,49 por 100 quilowatts-hora (kWh), e agência continua avaliando se vai elevar o valor

O melhor do Seu Dinheiro

Os melhores investimentos do mês e as notícias que foram destaque na semana

lém do ranking, tivemos o Ibovespa em queda de 2,60, e uma entrevista exclusiva com o CEO da Ânima Educação, que busca um “modelo Magalu”

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies