Menu
André Franco
Crypto News
André Franco
É engenheiro e especialista em criptomoedas da Empiricus
Dados da Bolsa por TradingView
2019-04-05T14:47:39-03:00
Crypto News

Long bitcoin, short JPM coin

Conheça a criptomoeda totalmente controlada pelo JP Morgan, que terá como missão ajudar na transferência de recursos internacionais do banco

21 de fevereiro de 2019
6:02 - atualizado às 14:47
Logo do J.P. Morgan na tela de um computador
JP Morgan anunciou nesta semana sua mais nova ideia "inovadora"Imagem: Shutterstock

“Está longe de cumprir a promessa de criar um ecossistema pelo qual todos os participantes possam utilizar uma moeda digital universalmente aceita e resgatável.” Will Martino, ex-funcionário do J.P. Morgan e fundador da Kadena, sobre a JPM coin.

O trecho acima se refere à mais nova ideia “inovadora” que o J.P. Morgan anunciou nesta semana.

Uma criptomoeda totalmente controlada pelo banco que vai ajudar na transferência de recursos internacionais.

E como vemos esse movimento?

Bem assim:

Primeiro, eles riram daqueles que cogitavam falar que bitcoin era uma moeda.

Depois, tentaram separar duas coisas indissociáveis: criptomoeda e blockchain.

Agora, eles copiaram.

Nada mais que o curso natural da inovação e da disrupção.

Acostumar-se a ser apontado como errado para um dia ser ovacionado é o ciclo vivido por aqueles que se arriscam.

Foi assim com a energia elétrica, o avião e a internet.

Em 1995, todo aquele papo de que a internet mudaria a forma como as empresas trabalhavam era tido apenas como papo dos mais jovens e otimistas com o mundo.

Hoje, todas as mais mirabolantes ideias pensadas antes dos anos 2000 não apenas são verdades como também não dá para viver sem elas.

Não existe mais a ideia de estar ou não conectado. Simplesmente estar online é tão intrínseco ao mundo em que vivemos como respirar.

E grande parte do poder que a internet tem se centra no seu poder de rede, a famosa lei de Metcalfe.

Quanto maior a rede, maior o seu valor.

E, veja, na JPM Coin, a primeira falha, e a mais crucial para seu futuro, é exatamente a limitação do crescimento da sua rede.

Provavelmente não será uma rede que o banco vai permitir que qualquer pessoa acesse.

Para facilitar ao leitor menos técnico, a situação é similar ao que existe entre a internet e a intranet.

Não existe uma competição entre o que é melhor hoje em dia – a internet, global e distribuída, ou a intranet da sua empresa, centralizada e lenta.

A primeira é incomparavelmente mais rápida, completa e evolui naturalmente.

No entanto, se voltássemos algumas décadas, elas apresentariam desempenhos semelhantes nos anos 1990.

É por isso que hoje é possível comparar a JPM coin e o bitcoin e arrancar suspiros da plateia menos entendida.

Mas o bitcoin é diferente da moeda do banco e, no futuro, essa discrepância de potencial e resultado vai ficar cada vez mais clara.

Long bitcoin, short JPM coin.

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

De olho na bolsa

Esquenta dos mercados: exterior tem dia de correção e bolsa brasileira deve ter desempenho fraco por mais um dia após fala de Paulo Guedes sobre teto de gastos

Os balanços do exterior devem movimentar os negócios, com Evergrande de volta ao radar após fracasso na venda de uma subsidiária

LAVANDO AS MÃOS

Guedes se isenta e diz que formato do Auxílio Brasil está ‘a cargo da política’

Segundo o ministro, governo teve de fazer um ‘encaixe’ dentro do arcabouço fiscal existente

Entrevista

Um dos maiores gestores de fundos imobiliários do mercado avisa: os shoppings estão baratos e o investidor ainda não percebeu

CEO da HSI, que tem R$ 11 bilhões sob gestão, diz que os shoppings estão começando a apresentar resultados como os de antes da pandemia e vê demanda de residencial alto padrão ainda forte

Casamento legal

Cade mantém aprovação de compra de fatia da BRF (BRFS3) pela Marfrig (MRFG3)

A conselheira que havia pedido a reabertura da análise da operação mudou de posição e desistiu da reavaliação

SEGURADORA EM APUROS

Vítima de ataque cibernético, Porto Seguro (PSSA3) diz ter restabelecido canais após quase uma semana de instabilidade

Corretores ouvidos pela reportagem disseram que, nos últimos dias, os sistemas da seguradora apresentaram problemas

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies