Menu
2019-10-24T10:30:12-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
O sonho da casa própria

Caixa adotará crédito habitacional prefixado em 2020, diz presidente do banco

Para Guimarães, o momento econômico do país é propício a quem deseja adquirir uma casa própria. “É um bom momento, porque você tem redução de taxa de juros”, completa.

24 de outubro de 2019
8:18 - atualizado às 10:30
Caixa Econômica Federal
Agência da Caixa Econômica Federal em São Paulo - Imagem: Itaci Batista/Estadão Conteúdo

O presidente da Caixa, Pedro Duarte Guimarães, disse nesta quarta-feira (23) que o banco vai adotar crédito habitacional prefixado, com taxa fixa, a partir de 2020. Guimarães fez uma palestra nesta quarta-feira na Fundação Getúlio Vargas, no Rio de Janeiro.

Guimarães disse que a ideia é lançar o crédito imobiliário sem IPCA e sem TR até junho do ano que vem. "Ou seja, sem nenhum tipo de correção. E isto é importante, porque é o natural no resto do mundo", afirmou.

"Quando você lança este tipo de financiamento é o mais fácil para poder securitizar e o mais fácil de poder, como cliente, comparar. Quando você tem uma taxa fixa, é muito mais claro para a sociedade e a minha impressão é que os demais bancos virão também [para este sistema]”, disse o presidente da Caixa.

Para Guimarães, o momento econômico do país é propício a quem deseja adquirir uma casa própria. “É um bom momento [para comprar imóveis], porque você tem redução de taxa de juros. Nós estamos já retomando [o crescimento], os indicadores todos dizem, e quando você tem uma economia mais aquecida, o preço do imóvel sobe muito. Então, este é o momento em que você tem crédito imobiliário e o preço dos imóveis ainda não reagiu”, disse.

Salão do Imóvel

Para o presidente do banco, as feiras regionais são uma boa oportunidade para se adquirir um imóvel. “A Caixa é o banco de todos os brasileiros. É o banco da habitação. A participação de feiras em todo o Brasil proporciona um ambiente de concretização de negócios no setor da construção civil, contribuindo para o desenvolvimento da economia e facilitando a realização da compra da casa própria”, disse ele.

No Rio, o Salão do Imóvel ocorrerá de sexta-feira (25) a domingo (27), no estacionamento do Shopping Nova América, na zona norte. O atendimento será das 14h às 20h, na sexta-feira; das 10h às 20h, no sábado, e das 10h às 19h, no domingo.

O banco estará presente nos eventos ofertando linhas de crédito com taxas efetivas a partir de 7,50% ao ano, mais TR, ou a partir de 2,95% ao ano, mais IPCA. Também será ofertada a cota de 90% para repasse de unidades financiadas pela Caixa.

A Caixa, com o apoio dos corretores credenciados, atenderá os clientes interessados nos imóveis de propriedade do banco. Serão disponibilizados imóveis nas modalidades de leilão, disputa aberta, disputa fechada e venda online, com possibilidade de compra de imóveis com preços e condições especiais em diversas cidades.

Municípios atendidos

Guimarães disse que, em 2020, a Caixa estará presente em todos os municípios brasileiros. “Nós estamos em 5.415 municípios e vamos chegar aos 5.570 até o ano que vem. Com lotéricas, correspondentes bancários e eventualmente com agências”.

Segundo o presidente, uma das novidades será a utilização de pagamentos com cartões de crédito nas agências, por meio de um produto que será anunciado em breve.

*Com Agência Brasil 

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

números da pandemia

Brasil chega a 72,1 mil mortes por covid-19, diz Ministério da Saúde

Foram registrados 24.831 novos casos da doença; total chegou a 1.864.681

entrevista

‘Brasil virou pária do investimento internacional’, diz Persio Arida

Um dos signatários da carta de ex-ministros da Fazenda e do BC em defesa de uma retomada econômica “verde”, ele observa que o presidente tem feito uma “política ambiental horrenda” e na contramão do mundo

ao menos sete parlamentares

Verba de gabinete é usada para lucrar na internet

Deputados da base governista recorreram a empresas contratadas com dinheiro da cota parlamentar e assessores pagos pela Casa para gerir canais monetizados no YouTube

entrevista

‘Caminhamos para o precipício ambiental’, diz CEO da Suzano

Walter Schalka diz que a sustentabilidade tem de unir empresas e governo para que o Brasil possa virar uma potência ambiental no mundo

decisão da justiça

Ex-secretário, vereador e empresário de Marília tornam-se réus por fraudes

De acordo com o Ministério Público Federal, o grupo é acusado de corrupção ativa e passiva, peculato, lavagem de dinheiro e falsidade ideológica.

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements