Menu
2018-12-28T15:35:22-02:00
Estadão Conteúdo
De saída do banco

Presidente da Caixa vai assumir estatais no governo de João Doria em SP

Nelson de Souza comandará a Empresa Paulista de Planejamento Metropolitano, a Companhia Paulista de Obras e Serviços e a Companhia de Desenvolvimento Agrícola de São Paulo

28 de dezembro de 2018
15:34 - atualizado às 15:35
Governador do estado de São Paulo, João Doria
Atual presidente da Caixa vai integrar a equipe do governador eleito - Imagem: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

O atual presidente da Caixa Econômica Federal, Nelson de Souza, foi anunciado como novo integrante do governo João Doria nesta sexta-feira, 28. Souza vai assumir a Empresa Paulista de Planejamento Metropolitano (Emplasa), a Companhia Paulista de Obras e Serviços (CPOS) e a Companhia de Desenvolvimento Agrícola de São Paulo (Codasp).

A Emplasa está vinculada à Secretaria Estadual da Casa Civil e é responsável pelo planejamento regional e metropolitano do Estado. Já a CPOS supervisiona as avaliações de imóveis urbanos e rurais de propriedade ou interesse da Federação, além de administrar edifícios e elaborar diagnósticos fundiários.

A Codasp é vinculada à Secretaria de Agricultura e Abastecimento e atua no ramo de serviços de infraestrutura voltados ao agronegócio, à irrigação, agricultura, silvicultura, agropecuária, desenvolvimento sustentado, conservação do meio ambiente e dos recursos naturais renováveis.

Souza iniciou a carreira na Caixa Econômica Federal em 1979 e já ocupou os cargos de Diretor Executivo de Gestão de Pessoas, Chefe de Gabinete da Presidência, Superintendente Nacional da Região Nordeste e do FGTS, entre outros. Em abril de 2018 foi nomeado presidente da instituição.

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

entrevista exclusiva

EDP Brasil diz que ações da empresa estão baratas e que recompra é ‘para valer’

Henrique Freire, diretor financeiro da EDP Brasil, fala ao Seu Dinheiro sobre dividendos, aquisições e os planos da companhia que alcançou a marca dos 200 mil acionistas na B3

Especial SD 2 anos

Onde investir R$ 10 mil? Duas ações: uma barata e uma antifrágil na bolsa

Eu compraria poucas ações que, ou estivessem muito baratas olhando um horizonte de 24-36 meses, ou empresas cuja a antifragilidade é tamanha, que tenham saído mais forte dessa pandemia

PANDEMIA NO PAÍS

Covid-19: Brasil registra 863 óbitos e 32.058 novos casos em 24h

Segundo Ministério da Saúde, 86,6% dos paciente estão recuperados

privatização na berlinda

Justiça de Alagoas suspende leilão para concessão de saneamento na B3

No último dia 24, a 1ª Vara da Comarca de Marechal Deodoro negou liminar ao Serviço Autônomo de Água e Esgoto de Marechal Deodoro (SAAE), que pedia a suspensão do processo licitatório

fatia relevante

Gestora Atmos passa a deter 6,68% das ações preferenciais do Inter

Fundo passou a deter cerca de 25,3 milhões de papéis PN do Inter

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements