Menu
2019-04-24T12:16:34+00:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Na mira de quem tem grana

Para que cidades os milionários estão se mudando?

Estudo mostra que Dubai, Los Angeles, Melbourne, Nova York, Sydney, Miami e São Francisco caíram nas graças dos endinheirados

20 de abril de 2019
6:05 - atualizado às 12:16
Melbourne, na Austrália
Melbourne é uma das cidades que mais atraem milionários no mundo - Imagem: Shutterstock

Ao contrário do que muita gente pensa, as pessoas mais ricas do mundo não querem mais viver no meio dos badalados centros urbanos clássicos, como Londres e Paris. Hoje em dia, o que os endinheirados querem saber é de destinos mais alternativos, sem abrir mão da boa e velha infraestrutura.

Nesta semana mostramos para você um mapa da migração de riqueza, divulgado pela consultoria sul-africana NWWealth. Esse relatório mostrou que Austrália e Estados Unidos lideraram o ranking de nações com maiores índices absolutos de imigrantes milionários em 2018.

Mas para que cidades especificamente esse grupo de pessoas está se mudando?

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter

O mesmo estudo da NW Wealth mostra que Dubai, Los Angeles, Melbourne, Nova York, Sydney, Miami e São Francisco caíram nas graças dos mais ricos e apareceram no topo da lista de lugares com maior fluxo de imigrantes.

Todas essas cidades, de acordo com a pesquisa, receberam mais de 1.000 milionários ao longo do ano passado.

É interessante notar que Estados Unidos e Austrália monopolizam o ranking, confirmando a mesma tendência observada na lista de nações mais atrativas.

No volume, os clássicos mantêm hegemonia

Um dos aspectos que mais chama a atenção nesse ranking é que na lista não aparece o nome de nenhuma cidade europeia.

O velho continente, que já foi palco das pessoas mais ricas do mundo no passado, hoje é considerado um polo de repulsão de milionários.

Apesar de tudo, esses clássicos destinos ainda concentram a maior parte dos endinheirados em termos absolutos. Nova York, Londres e Tóquio estão no topo dessa lista, com larga vantagem para o terceiro colocado, a cidade de Hong Kong.

E o que esperar do futuro?

A NW Wealth também listou algumas cidades que apresentam o maior potencial de atratividade dos milionários nos próximos dez anos.

Nessa análise, Melbourne é vista como o principal foco de atratividade. A concentração das principais companhias australianas, combinada com a infraestrutura industrial e de serviços, poderá tornar a cidade uma das meninas dos olhos dos ultra-ricos.

Déli, na Índia, também aparece como outro potencial destaque de imigração, apoiada em sua rede de serviços e seu papel de protagonismo, ao lado de Mumbai, na economia indiana.

Confira a lista completa desses novos pólos de riquezas.

Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

Chips e cerébros

Elon Musk fala sobre planos de implantar dispositivos em cérebros humanos já no próximo ano

O bilionário contou em coletiva na última terça feira sobre os próximos passos da Neuralink, um de seus investimentos. Musk deseja acelerar o progresso da comunidade científico rumo à integração mente e inteligência artificial, já usando no próximo ano o dispositivo em humanos. “Então isso não está longe”, comentou.

Novidade no pedaço

Azul e Unidas anunciam parceria para acúmulo de pontos

A partir de sexta-feira, os clientes passam a acumular dois pontos por real gasto e continuarão a ter o desconto de 10% na diária do aluguel dos carros da empresa parceira

Novos dados

Monitor do PIB aponta alta de 0,5% em maio e afasta chances de recessão

Em relação a maio de 2018, o PIB cresceu 4,3%, mas o resultado foi contaminado pela fraca base de comparação, já que a atividade econômica de maio do ano passado foi atingida em cheio pela greve de caminhoneiros

ficou mais pobre

Bill Gates perde 2º lugar em ranking dos mais ricos da Bloomberg

Com US$ 107 bilhões, empresário perdeu o posto para o CEO da empresa de artigos de luxo LVMH – dona da marca Louis Vuitton

Saldo negativo

Indústria paulista fecha 13 mil postos de trabalho em junho, diz Fiesp

Mesmo com o fechamento das 13 mil postos no mês passado, a indústria contabilizou saldo positivo no primeiro semestre, com a abertura de 2,5 mil vagas, um aumento de 0,11% sobre o semestre anterior

Títulos públicos

Veja os preços e as taxas do Tesouro Direto nesta quarta-feira

Confira os preços e taxas de todos os títulos públicos disponíveis para compra e resgate

Alternativas para a Previdência

Guedes elogia ideia de PEC paralela para incluir Estados e municípios na reforma

Paulo Guedes, ministro da Economia, afirmou que a inclusão de Estados e municípios geraria economia de R$ 350 bilhões

Blog da Angela

Os dilemas de Paulo Guedes para liberar o saque de FGTS e PIS/Pasep

Mais complexa, liberação de contas ativas do FGTS tem impacto positivo que poderá ser potencializado pelo corte da taxa Selic no próximo Copom

Privatização

Governo muda de tática para vender Eletrobras

Com o dinheiro que captar com a venda das ações na B3, a bolsa paulista, a Eletrobras vai pagar à União pelo direito de operar usinas hidrelétricas a preços de mercado

sem perturbação

Plataforma para não receber ligações de telemarketing tem 620 mil inscrições

Número se refere apenas até as 17 horas desta terça-feira, 16. No mesmo dia, o sindicato que representa as operadoras, divulgou que nas primeiras 12 horas de funcionamento o site nãomeperturbe teve 328 mil cadastros

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements