🔴 EVENTO GRATUITO: COMPRAR OU VENDER VALE3? INSCREVA-SE

Camille Lima
Camille Lima
Repórter no Seu Dinheiro. Estudante de Jornalismo na Universidade Municipal de São Caetano do Sul (USCS). Já passou pela redação do TradeMap.
DESESTATIZAÇÃO

A privatização da Sabesp (SBSP3) vem aí: oferta de ações deve sair entre o fim de maio e agosto na B3, diz CEO; veja o cronograma

Após a privatização, a Sabesp pode investir em novas concessões inclusive fora de São Paulo, segundo André Salcedo, CEO da companhia

Camille Lima
Camille Lima
2 de abril de 2024
12:52 - atualizado às 12:36
Privatização da Sabesp (SBSP3)
Privatização da Sabesp (SBSP3) - Imagem: Divulgação

A tão esperada oferta de ações que vai tirar o controle da Sabesp (SBSP3) das mãos do governo do Estado de São Paulo deve ter início em até dois meses — e quem diz isso é o CEO da companhia de saneamento paulista, André Salcedo.

“A gente poderia lançar uma oferta entre o final do mês de maio e o início de junho, podendo executar a oferta até agosto”, afirmou o presidente da empresa de saneamento, durante o Brazil Investment Forum, evento do Bradesco BBI.

Questionado sobre o tamanho da oferta de ações a ser lançada, o CEO da Sabesp afirmou que ainda não há definição. No mercado, porém, fala-se em uma operação entre R$ 15 bilhões e R$ 20 bilhões. 

Salcedo destacou que a companhia atualmente trabalha com os números que vêm sendo citados pelo governo, de que o Estado reduza a participação na Sabesp dos atuais 50,3% para algo entre 15% e 30%.

O presidente ainda afirmou que não existe definição sobre a necessidade de uma oferta primária de ações — isto é, quando o dinheiro levantado vai direto para o caixa da empresa.

A oferta de ações da Sabesp vai envolver ainda a entrada de um investidor de referência no capital. Mas não há nenhuma decisão sobre eventuais condições especiais para esse investidor estratégico, de acordo com o CEO.

O cronograma de privatização da Sabesp (SBSP3)

Durante evento do Bradesco BBI, André Salcedo traçou um cronograma para a operação de desestatização da empresa, dividido em três “marcos” principais: a convocação de assembleias e o lançamento da oferta de privatização na bolsa brasileira.

De acordo com o CEO da Sabesp (SBSP3), o processo de consulta pública para discutir novos termos do novo modelo de contrato de concessão entre a empresa e os municípios paulista e de uma nova regulamentação do setor precisa ser fechado.

Na visão de Salcedo, a expectativa é que a publicação desse documento saia ainda nos próximos dias.

Assim que fechadas as revisões das contribuições da consulta pública, o governo poderá convocar a primeira assembleia da URAE (Unidade Regional de Água e Esgoto de Municípios que deve utilizar o mesmo sistema de saneamento) próximo do início de maio.

A assembleia deve colocar em votação o regimento interno da URAE, com eleição de um conselho e diretoria. A reunião ainda autoriza o representante dos municípios a assinar o contrato com a Sabesp.

“Nós precisamos também convocar uma outra assembleia nos próximos dias para alteração do estatuto que vai figurar após a transação, que deve acontecer mais ou menos no início de maio”, disse, durante painel no evento.

Segundo Salcedo, o objetivo da Sabesp é usar os números financeiros da companhia do primeiro trimestre de 2024, que serão publicados em 09 de maio.

“Esse é o cronograma com que estamos trabalhando, que nos possibilita uma flexibilidade para acomodar eventuais atrasos. É um processo de privatização, então devemos estar preparados para eventuais decisões que suspendam o processo.”

A vida após a privatização

O CEO da Sabesp (SBSP3) também revelou os planos de “vida após a privatização” da companhia de saneamento paulista. Na visão de Salcedo, assim que concluída a desestatização, a empresa deve ampliar o horizonte para além do Estado de São Paulo.

“É natural para uma empresa do porte da Sabesp e com a capacidade de geração de caixa que tem”, disse o CEO.

Para o executivo, a empresa tem “capacidade e interesse em olhar outros projetos”, mas inicialmente se sente mais confortável em relação a investimentos em concessões plenas fora do Estado.

“Não sei se é competitivo em PPP [Parceria Público-Privada, um contrato administrativo entre o poder público e uma empresa privada de prestação de serviço], mas tem muitas alavancas de valor.”

Além disso, segundo o presidente da Sabesp, o porte e a região dos municípios também são critérios usados pela companhia para avaliação desses potenciais investimentos. 

Compartilhe

AGORA VAI?

Sabesp (SBSP3): Câmara de São Paulo retoma debate da privatização, mas vereador contrário à proposta defende plebiscito

23 de abril de 2024 - 19:47

O projeto de lei que possibilita a privatização foi aprovado em primeira votação no dia 17 deste mês, mas não há data prevista para a segunda votação, que será definitiva

CONFORME O COMBINADO

Acionistas da Cielo (CIEL3) rejeitam novo laudo de avaliação em oferta de Bradesco e Banco do Brasil para fechar o capital da empresa

23 de abril de 2024 - 19:26

A rejeição ocorre após um acordo entre parte dos minoritários e os bancos que elevou para R$ 5,60 o preço por ação na OPA, uma alta 4,67% ante a oferta original

A MÁGICA DO BILIONÁRIO

Elon Musk é um encantador de investidores? Por que a Tesla tem o menor resultado em três anos e as ações TSLA sobem forte em Nova York

23 de abril de 2024 - 18:55

A fabricante de carros elétricos anunciou lucro e receita piores do que o esperado no primeiro trimestre de 2024 e viu seus papéis avançaram quase 10% no after market; entenda o que animou os investidores

OPERAÇÃO APROVADA

Weg (WEGE3) recebe sinal verde dos investidores para aumentar o capital em R$ 1 bilhão

23 de abril de 2024 - 18:29

A operação será feita por meio da incorporação de parte do saldo de reserva e retenção de lucros para investimentos da empresa

SOBRETAXA NA SIDERURGIA

Novo imposto do aço: Governo aumenta taxa para importação em meio a apelo das siderúrgicas. Vem impacto na inflação?

23 de abril de 2024 - 17:45

A alíquota subirá para 25% quando as cotas estabelecidas pelo governo forem ultrapassadas; veja os produtos que podem ser sobretaxados

DE OLHO NAS REDES

Novo Ozempic? “Cópia” da caneta emagrecedora será distribuída no Brasil por small cap que já disparou 225% — Ambev sofrerá? 

23 de abril de 2024 - 15:55

As ações desta small cap brasileira chegaram a disparar mais de 70% com a notícia: um medicamento similar ao Ozempic será distribuído no Brasil. Em seis meses, a alta já ultrapassa os 225% na bolsa.  “O remédio é um dos maiores temas do mercado de uns tempos para cá — ao lado da inteligência artificial”, […]

REAÇÃO AO RESULTADO

Mais um trimestre para esquecer? Usiminas cai forte na B3 após balanço do 1T24. Saiba o que o CEO da siderúrgica disse sobre os resultados

23 de abril de 2024 - 13:59

“2024 começou com forte importação e competição desleal”, afirmou o CEO da Usiminas, Marcelo Chara, em teleconferência com analistas

A CALORIA QUE VALE A PENA

Vai um Assaí aí? Por que esse bancão resolveu mudar a recomendação das ações ASAI3 — papéis reagem e sobem na B3

23 de abril de 2024 - 12:45

O JP Morgan elevou a recomendação para as ações do Assaí, com preço-alvo de R$ 17,50 para dezembro de 2024 — os papéis chegaram a ocupar o terceiro lugar no pódio de altas do Ibovespa; saiba por que chegou a hora de comprar

FRUTOS DO MATRIMÔNIO

3R Petroleum (RRRP3) e Enauta (ENAT3): esse bancão diz o que esperar da fusão entre as petroleiras juniores da B3 — e qual ação comprar agora

22 de abril de 2024 - 18:44

Na projeção do banco, o casamento entre as junior oils pode ser concluído até o fim do 3T24 — e já conta o que os investidores devem esperar pela frente

TER OU NÃO TER

Lula liberou os dividendos extraordinários da Petrobras (PETR4) e pode vir mais por aí — chegou a hora de comprar as ações para aproveitar a oportunidade?

22 de abril de 2024 - 13:55

Cinco bancões revisitaram as indicações para os papéis da estatal depois do anúncio de sexta-feira (19); saiba o que fazer com os ativos agora

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar