🔴 [TESTE GRÁTIS] 30 DIAS DE ACESSO A SÉRIE RENDA IMOBILIÁRIA – LIBERE AQUI

Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
No Seu Dinheiro você encontra as melhores dicas, notícias e análises de investimentos para a pessoa física. Nossos jornalistas mergulham nos fatos e dizem o que acham que você deve (e não deve) fazer para multiplicar seu patrimônio. E claro, sem nada daquele economês que ninguém mais aguenta.
NOVOS PLANOS

Elon Musk desafia Biden? Por que a Tesla resolveu instalar uma fábrica na China em meio às tensões geopolíticas com os EUA

A montadora de Elon Musk já possui uma unidade de fabricação de carros em Xangai. Agora, sua ideia é construir células para armazenamento de energia em escala de rede, um setor bem menor

Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
10 de abril de 2023
10:15 - atualizado às 11:41
O bilionário Elon Musk
O bilionário Elon Musk - Imagem: Shutterstock

Que o empresário Elon Musk adora uma provocação, isso todo mundo sabe bem. Mas agora ele deu um novo passo bem polêmico ao provocar Joe Biden, presidente dos Estados Unidos. Tudo porque decidiu instalar uma fábrica de baterias na China, apesar das tensões geopolíticas travadas entre os dois países.

Sem se importar com essa briga, a ideia de Musk acaba ajudando a China a se consolidar ainda mais como um destaque no topo da cadeia global de fornecimento e armazenamento de energia.

Essa nova fábrica de Elon Musk deve justamente armazenar energia em larga escala, nomeada como Megapack.

A empreitada de Elon Musk foi anunciada durante uma cerimônia no domingo, com a presença de Tom Zhu, vice-presidente sênior de automóveis da Tesla, e funcionários do governo de Xangai, além do vice-prefeito Wu Qing.

Elon Musk vai começar a obra em breve

Se tudo correr como planejado, a construção da nova fábrica de Elon Musk deve começar no terceiro trimestre deste ano, com produção prevista para meados de 2024.

  • Ainda tem dúvidas sobre como fazer a declaração do Imposto de Renda 2023? O Seu Dinheiro preparou um guia completo e exclusivo com o passo a passo para que você “se livre” logo dessa obrigação – e sem passar estresse. [BAIXE GRATUITAMENTE AQUI]

A China já possui mais de 1.400 gigawatts-hora de capacidade de fabricação de baterias, com outros 6 mil gigawatts-hora em construção ou anunciados.

Já os Estados Unidos têm o segundo maior gasoduto que existe, com cerca de mil gigawatts-hora de capacidade, mas a grande maioria ainda não foi construída.

Vale dizer que, ao contrário do esperado, essa nova fábrica de Elon Musk não deve atender exclusivamente os carros elétricos feitos pela Tesla. Sua ideia é construir células para armazenamento de energia em escala de rede, um setor bem menor.

De acordo com a Agência Internacional de Energia, havia cerca de 19,3 gigawatts-hora de armazenamento deste tipo de energia instalada no final de 2020. Acredita-se que esse número cresça para mais de 150 gigawatts-hora até 2026.

A ambição de Musk — e ele não tem poucas — é que o armazenamento deste tipo chegue ao mesmo nível das demais fontes de energia renovável, auxiliando no trabalho de descarbonização da indústria.

O plano diretor da Tesla prevê que cerca de 46.200 gigwatts-hora de armazenamento de bateria estacionária precisam ser instalados nos próximos 20 anos.

Ainda segundo a Tesla, a Megapack é uma grande bateria que serve para ajudar a estabilizar as redes de energia. Cada unidade pode armazenar energia suficiente para abastecer uma média de 3.600 residências por uma hora.

A nova fábrica produzirá inicialmente 10.000 Megapacks por ano, algo equivalente a cerca de 40 gigawatts-hora de armazenamento de energia.

Como esse encontro aconteceu

Na hora de fazer negócios, é muito provável que outras questões sejam deixadas de lado, mesmo que isso signifique ignorar brigas políticas. E foi assim que aconteceu esse encontro de Musk com os chineses.

Segundo a Bloomberg, as autoridades da China já negociavam com o executivo há anos — eles ajudaram Musk a colocar de pé a primeira fábrica da Tesla fora dos Estados Unidos no começo de 2019, além de terem dado aquela força para que a empresa retomasse sua produção rapidamente após as interrupções provocadas pela pandemia.

Pouco a pouco, a China foi se tornando um mercado extremamente importante para a Tesla, apesar de episódios conflituosos que envolvem o medo que os chineses têm sobre a coleta de seus dados por parte de uma empresa americana.

O grande problema é que essa união dê novos frutos justamente quando as relações entre Pequim e Washington estão estremecidas. Mas Musk parece não se importar e vem, inclusive, dando declarações públicas que exaltam a importância da China e suas montadoras no setor automotivo.

Enquanto isso, empresas como a Apple repensam a existência de sua produção no país asiático, especialmente após o episódio do misterioso balão chinês que teria invadido o espaço aéreo americano para espionar o país.

Compartilhe

OS ARGUMENTOS DO MINISTRO

Haddad responde aos mercados sobre ruídos provocados por meta fiscal; veja o que o ministro falou

16 de abril de 2024 - 19:06

Haddad argumentou que o ajuste estabelece uma trajetória “completamente em linha” com o que se espera no médio prazo de estabilidade da dívida

REALITY SHOW

A final do BBB 24 está aí: Quanto o prêmio recorde de R$ 2,92 milhões renderia se o vencedor resolvesse viver de renda?

16 de abril de 2024 - 18:29

O Big Brother Brasil pagará o maior prêmio da história na final desta edição, com Davi, Isabelle e Matheus na disputa. Mas é possível viver apenas com a bolada?

DE OLHO NAS REDES

Petrobras (PETR4) é uma das melhores petroleiras do mundo, mas ‘risco Lula’ empaca: “ações podem desabar da noite pro dia” — o que fazer com os papéis? 

16 de abril de 2024 - 15:51

“Se você focar apenas em resultados, a Petrobras (PETR4) é uma das melhores petroleiras do mundo”. É assim que o analista Ruy Hungria começa sua participação no mais recente episódio do podcast Touros e Ursos. Ele explica que a estatal tem margens até melhores do que as gigantes do setor — como Chevron, Exxon e […]

NAS ALTURAS

Dólar em R$ 5,28: os dois eventos que fizeram a moeda norte-americana atingir o maior patamar em mais de um ano

16 de abril de 2024 - 11:44

Entenda por que os investidores buscam abrigo em ativos considerados porto seguro como o ouro e os títulos do Tesouro dos EUA

LOTERIAS

Lotofácil: Apostador “virtual” fatura prêmio milionário sozinho; Mega Sena sorteia hoje bolada de R$ 66 milhões

16 de abril de 2024 - 9:39

Enquanto a Quina e a Lotomania acumularam, a Lotofácil registrou um vencedor ontem. Confira os números sorteados nas principais loterias da Caixa Econômica Federal

SHINE BRIGHT

Ouro a US$ 3 mil: por que o Citi enxerga disparada de 26% do metal precioso — e nem tudo tem a ver com as guerras

16 de abril de 2024 - 9:02

Para os especialistas do Citigroup, a commodity deve ser impulsionada pelo aumento da demanda dos investidores institucionais e dos bancos centrais

Prévia do orçamento

Governo propõe reajuste de mais de 6% no salário mínimo em 2025; veja qual será o valor

15 de abril de 2024 - 17:45

O cálculo segue a projeção para o INPC, índice oficial de inflação no Brasil, mais o crescimento do PIB em 2023

SPOILERS DA PLDO

Sem superávit: Haddad confirma meta fiscal de déficit zero em 2025 e planos para aumentar a arrecadação

15 de abril de 2024 - 17:09

Vale relembrar que, há um ano, a equipe econômica havia estabelecido que buscaria fazer um superávit de 0,5% do PIB em 2025

MADE IN BRAZIL

O milho que vale ouro: quebra de safra da África dá tração ao agronegócio brasileiro e pode mexer com gigantes como a BRF (BRFS3)

15 de abril de 2024 - 14:15

A seca provocada pelo El Niño reduziu o cultivo de milho da África do Sul em pelo menos 20% e a do Zimbábue em cerca de 60%

VENDE COMO ÁGUA

Brasil retoma autossuficiência de alumínio e produção avança 24% em 2023; ainda existe espaço no mercado?

14 de abril de 2024 - 15:31

A recuperação na oferta acontece, principalmente, devido ao religamento do complexo industrial da Alumar, no Maranhão

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies