🔴 É HOJE! COMO COMPRAR CARROS COM ATÉ 50% DE DESCONTO NA TABELA FIPE – CONHEÇA A ESTRATÉGIA

Larissa Vitória
Larissa Vitória
É repórter do Seu Dinheiro. Formada em jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP), já passou pelo portal SpaceMoney e pelo departamento de imprensa do Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT).
INADIMPLÊNCIA NO AGRO

Usina presente no portfólio de dois Fiagros da XP pede recuperação judicial; administradora promete adotar medidas contra possível calote

Os fundos XPAG11 e XPCA11 foram notificados de que a Usina Açucareira Ester, devedora de um CRA que está no portfólio de ambos, entrou com um pedido de RJ na semana passada

Foto aérea histórica da Usina Ester | Fiagros
Imagem: Divulgação

O agronegócio é considerado o motor da economia brasileira, apelido que vem dos recordes sucessivos de produção e venda e o grande peso do setor no PIB do país. Por isso, apesar de ainda jovem, a indústria de Fundos de Investimento em Cadeias Agroindustriais (Fiagros), cresce cada vez mais.

O número de investidores de Fiagros-FII — categoria com foco imobiliário e disponível para investidores em geral — quintuplicou em um ano e chegou a 259,9 mil em abril, segundo o último boletim mensal de Fiagros da B3.

Mas, mesmo com toda a força do agronegócio e a popularidade recente, os ativos ainda estão sujeitos a um mal afeta a renda variável em 2023: a onda de recuperações judiciais que começou ainda em janeiro e acende um alerta no mercado de crédito.

Os fundos XP Crédito Agro (XPAG11) e XP Crédito Agrícola (XPCA11) foram notificados de que a Usina Açucareira Ester, devedora de um Certificado de Recebíveis do Agronegócio (CRA) que está no portfólio de ambos, entrou com um pedido de RJ na semana passada.

O XPAG11, negociado exclusivamente pela XP, detém cerca de R$ 23,7 milhões em títulos da usina, o que representa 1,63% de seu patrimônio líquido.

Já o XPCA11 está menos exposto ao problema: são R$ 5 milhões investidos no CRA, com peso de 1,16% no PL. Com isso, suas cotas operavam em alta de 0,71% na B3 por volta das 15h desta segunda-feira (15), a R$ 9,87.

Em comunicado enviado ao mercado na última sexta-feira (12), os Fiagros relembram que, assim como os CRIs, os Certificados de Recebíveis do Agronegócio possuem garantias que podem ser acionadas em momentos como este.

Os termos do CRA em questão incluem a alienação fiduciária de soqueiras — raiz que resta após a colheita da cana e dará origem à novas plantas — e hipoteca de bens imóveis. Mas a recuperação judicial impede a execução dessas garantias por enquanto.

“O fundo adotará e realizará o acompanhamento processual da RJ para que sejam adotadas todas as medidas necessárias para obter o pagamento dos valores devidos pela Usina Ester”, diz a XP Investimento, administradora dos dois fundos.

  • Já sabe como declarar seus investimentos no Imposto de Renda 2023? O Seu Dinheiro elaborou um guia exclusivo onde você confere as particularidades de cada ativo para não errar em nada na hora de se acertar com a Receita. Clique aqui para baixar o material gratuito.

Calotes de CRIs também afetam Fiagros

A recuperação judicial da Usina Ester não é o primeiro caso de empresas com problemas afetando o portfólio de Fiagros neste ano. Em fevereiro, o fundo Valora CRA (VGIA11) foi um dos impactados pela reestruturação de dívidas da Cooperativa Languiru.

O VGIA11 detém cerca de R$ 99 milhões em CRAs da companhia sul riograndense e, segundo o último relatório gerencial divulgado, segue acompanhando o processo de adição e reestruturação das garantias das operações. 

E não só os CRAs têm preocupados os investidores: alguns de seus “primos da cidade” utilizados pelo setor geraram dor de cabeça. Cinco Fiagros e FIIs detentores de Certificados de Recebíveis Imobiliários (CRIs) da Usina Serpasa acompanham a reestruturação da companhia.

Os CRIs foram emitidos entre março e abril do ano passado para a construção de uma usina sucroalcooleira na Bahia. A planta deveria ter entrado em funcionamento no primeiro semestre deste ano, mas um problema com a emissão de licenças pelo órgão regulador atrasou o evento.

Sem operação para gerar recursos, os controladores da usina tiveram de desfazer-se de um imóvel em março para retomar parcialmente o pagamento de juros dos CRIs e contrataram a consultoria Alvarez & Marsal — a mesma que atua na recuperação judicial da Americanas — para ajudar na gestão operacional e financeira do negócio.

“O grupo segue em processo de negociação de novos ativos imobiliários pertencentes à família Paranhos Ferreira [dona da Serpasa] como alternativa de levantamento de recursos e aporte de capital na companhia”, cita o BTG Pactual Agro Logística (BTAL11) em seu último relatório.

Além dele, os FIIs Vinci Credit Securities (VCRI11) e Vectis Juro Real (VCJR11) e os Fiagros Vinci Crédito Agro (VICA11) e Vectis Datagro (VCRA11) confirmaram a exposição aos ativos ligados à usina.

Compartilhe

MERCADOS HOJE

Esquenta dos mercados: Bolsas internacionais amanhecem pressionadas após dados regionais; Ibovespa reage à notícia sobre Petrobras (PETR4)

21 de maio de 2024 - 7:21

RESUMO DO DIA: As bolsas internacionais começam o dia no vermelho, após uma sucessão de pregões positivos. Além disso, as principais praças do mundo operam em baixa em virtude de dados locais. Na Ásia, os investidores reagem à uma tentativa do governo chinês de reanimar o mercado imobiliário do país, após a pior fase da […]

DANÇA DAS CADEIRAS

Exclusivo: Verde Asset reformula área de ações com a saída de três profissionais; Stuhlberger vai decidir risco no dia a dia

21 de maio de 2024 - 7:20

A reestruturação do time de ações acontece em um período turbulento para a indústria de fundos; fundo Verde perde para o CDI nos últimos 12 meses

MERCADOS HOJE

Bolsa hoje: Com pressão de Vale, Ibovespa começa a semana em queda; dólar sobe a R$ 5,10

20 de maio de 2024 - 17:20

RESUMO DO DIA: O principal índice da bolsa brasileira entrou na penúltima semana de maio de olho no retrovisor. Isso porque os desdobramentos da saída de Jean Paul Prates da presidência da Petrobras (PETR4) seguiram sendo o foco dos investidores locais. O Ibovespa terminou o dia com baixa de 0,31%, aos 127.750 pontos. Já o […]

INVESTIMENTOS

À procura de dividendos? Itaú Asset lança ETF que distribui renda para investidores 

20 de maio de 2024 - 15:14

Sob o código DIVD11, o fundo do Itaú começa a ser negociado em 11 de junho e com referência ao Índice de Dividendos da B3, o IDIV

QUEM CONTROLA O CONTROLADOR

Em vitória dos minoritários, Braskem (BRKM5) sobe forte na B3 após Novonor ser condenada a pagar indenização bilionária à companhia

20 de maio de 2024 - 11:23

Controladora da Braskem, Novonor foi condenada a indenizar a petroquímica em cerca de R$ 5,5 bilhões em processo aberto por acionistas minoritários

REVISÃO

Santander reduz projeção do Ibovespa para 145 mil pontos e muda carteira para enfrentar turbulência; veja as ações favoritas dos analistas

20 de maio de 2024 - 10:59

Mesmo com a redução da projeção em 15 mil pontos, o banco espera crescimento do Ibovespa em 13% neste ano e um retorno de 15% de lucro por ação

ANOTE NO CALENDÁRIO

Agenda econômica: noticiário esfria após semana de dança das cadeiras na Petrobras (PETR4); encontro do CMN é destaque no Brasil

20 de maio de 2024 - 8:15

Lá fora, os investidores acompanham vários discursos de integrantes do Federal Reserve para buscar um direcionamento do futuro dos juros no país

MERCADOS HOJE

Bolsa hoje: Petrobras (PETR4) limita ganhos do Ibovespa; dólar cai a R$ 5,10 e recua mais de 1% na semana

17 de maio de 2024 - 17:35

RESUMO DO DIA: Como uma montanha-russa, o Ibovespa iniciou a semana em alta com a ata do Copom que aliviou, momentaneamente, o temor dos investidores. Mas Petrobras (PETR4) roubou a cena com a demissão repentina de Jean Paul Prates da presidência da estatal. Com isso, o Ibovespa termina a última sessão da semana em baixa […]

MERCADOS HOJE

Bolsa hoje: Ibovespa se recupera do tombo de Petrobras (PETR4) e fecha em alta; dólar cai a R$ 5,13

16 de maio de 2024 - 17:40

RESUMO DO DIA: Após um dia de tensão por conta das mudanças na Petrobras (PETR4), o Ibovespa conseguiu conter as perdas embalado pelas máximas em Wall Street. O principal índice da bolsa brasileira terminou a sessão com alta de 0,20%, aos 128.283 pontos. O dólar fechou a R$ 5,13, com baixa de 0,13% no mercado […]

TEMPOS DE GLÓRIA CHEGARAM?

Nas alturas: Dow Jones ultrapassa os 40 mil pontos pela primeira vez na história 

16 de maio de 2024 - 16:30

Quando começou a operar, Dow Jones era composto apenas por 12 ações. Hoje, o índice tem ações das 30 maiores empresas dos Estados Unidos

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar