Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2021-09-16T19:02:23-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
exposição ao exterior

BTG lança SPXB11, ETF que segue o S&P 500, ampliando possibilidade de exposição ao EUA

S&P 500 é uma carteira teórica das 500 ações mais representativas e negociadas na Bolsa de Nova York e na Nasdaq, com um patrimônio em torno de US$ 20 trilhões; mercado brasileiro já oferece ETFs que usam a mesma referência

16 de setembro de 2021
18:14 - atualizado às 19:02
BTG Pactual Digital
Imagem: Shutterstock

O BTG Pactual está autorizado a lançar no mercado a partir de segunda-feira (20) um novo fundo de índice (ETF) que segue o S&P 500, principal índice referência do mercado norte-americano: o BTG S&P 500, com o código SPXB11.

O documento disponibilizado pela B3 que torna pública a autorização para a negociação do produto não informa taxas. Esta matéria será atualizada.

O SPXB11 tem autorização para ser negociado uma semana depois de o banco lançar o BTG Pactual SMLL, que segue o desempenho do índice de small caps da B3.

O mercado brasileiro já oferece ETFs que usam o S&P 500 como referência: o IVVB11, administrado pelo Citibank e gerenciado pela BlackRock, e o SPXI11, do Itaú Unibanco.

O S&P 500 é uma carteira teórica das 500 ações mais representativas e negociadas na Bolsa de Nova York e na Nasdaq, com um patrimônio em torno de US$ 20 trilhões.

Nos últimos 12 meses, o índice acumula alta de 31%, enquanto o Ibovespa sobe 13%.

ETFs: praticidade e baixo custo

Os ETFs que seguem o índice americano são uma forma prática e de baixo custo de o investidor se expor a esse mercado e ampliar a diversificação da carteira.

Esse tipo de produto, incluindo aqueles que tem as mais variadas referências, tem ganhado força em meio a um aumento dos investidores pessoa física no Brasil.

Quase metade dos mais de 40 fundos existentes no mercado local foram lançados no ano passado. No entanto, os fundos de índice ainda estão presentes em apenas 0,6% das carteiras dos investidores, contra 18% em mercados desenvolvidos.

VÍDEO: ETF vale a pena? Por que os BANCOS estão oferecendo ETFs quase de GRAÇA

Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

Ora, pois

Bradesco deve abrir base em Portugal para ‘seguir’ milionários brasileiros

Movimento de migração de famílias clientes do segmento private do banco após a pandemia levou à retomada dos estudos para entrar no mercado lusitano

De volta aos dois dígitos

Mercado já vê juros de até 11% em 2022

Drible no teto de gastos gerou movimento generalizado nas instituições financeiras para revisar para cima suas projeções para a taxa de juros

Óleo e gás

3R Petroleum (RRRP3) certifica reservas provadas de 185,1 milhões de barris

Companhia divulgou resultado da certificação de reservas do Campo de Papa-Terra, na Bacia de Campos, cuja participação foi adquirida da Petrobras

Valor intangível

As 10 marcas mais valiosas do mundo em 2021 – a líder vale US$ 408,2 bilhões

Apple lidera ranking da Interbrand, seguida de outras big techs; com alta de 184%, Tesla foi a marca com maior salto no seu valor no último ano

Contrata-se

Fintechs fazem mercado de vagas crescer 466%, com foco em tecnologia

Startups de tecnologia para o mercado financeiro procuram talentos sobretudo na área de TI, e alguns processos seletivos são exclusivos para mulheres

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies