Menu
2021-05-13T11:31:20-03:00
Estadão Conteúdo
acima das expectativas

Inflação ao produtor (PPI) sobe acima 0,6% em abril e fica acima do esperado nos EUA

O resultado veio bem acima da expectativa de analistas consultados pelo The Wall Street Journal, que previam aumento de 0,3%.

13 de maio de 2021
10:49 - atualizado às 11:31
estados unidos, eua
Imagem: Shutterstock

O índice de preços ao produtor (PPI, na sigla em inglês) dos Estados Unidos subiu 0,6% em abril ante março, segundo dados com ajustes sazonais publicados hoje pelo Departamento do Trabalho americano. O resultado veio bem acima da expectativa de analistas consultados pelo The Wall Street Journal, que previam aumento de 0,3%.

Já o núcleo do PPI, que exclui os voláteis preços de alimentos e energia, avançou 0,7% na comparação mensal de abril. Neste caso, a projeção também era de aumento menor, de 0,4%.

Na comparação anual, o PPI teve alta de 6,2% em abril, a maior desde que o indicador começou a ser calculado, em novembro de 2010, enquanto o núcleo do índice avançou 4,6%, também a maior variação na série histórica iniciada em agosto de 2014.

Desemprego

Em outro indicador divulgado hoje, o número de pedidos de auxílio-desemprego nos Estados Unidos caiu 34 mil na semana encerrada em 8 de maio, a 473 mil, segundo dados com ajustes sazonais publicados pelo Departamento do Trabalho americano.

O resultado veio abaixo da expectativa de analistas consultados pelo The Wall Street Journal, que previam 500 mil solicitações.

O total de pedidos da semana anterior foi revisado para cima, de 498 mil para 507 mil. Já o número de pedidos continuados teve queda de 45 mil na semana encerrada em 1º de maio, a 3,655 milhões. Esse indicador é divulgado com uma semana de atraso.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

Insights Assimétricos

Preparado para a Super Quarta? O que você precisa saber antes das decisões do Fed e do Copom sobre juros

Um ajuste dos juros, mantendo-os ainda abaixo do neutro (entre 5,5% e 6,5%), seria salutar. Uma alta para além disso, contudo, poderá comprometer a retomada brasileira

Caçadores de tendências

Itaú Asset lança mais 3 ETFs com foco em inovação nas áreas de saúde, tecnologia e consumo dos millennials

Gestora do Itaú agora aposta em índices de empresas globais ligadas a tendências de consumo que estão mudando a sociedade

O MELHOR DO SEU DINHEIRO

As ações das novas petroleiras valem a pena?

Nos recentes movimentos de rotação de carteiras nos mercados, temos nos deparado com a dicotomia Velha Economia (empresas de segmentos tradicionais) e Nova Economia (empresas ligadas à tecnologia e novas formas de consumo). Dentro do que se convencionou chamar de Velha Economia, temos visto o destaque das empresas de commodities, justamente o forte do Brasil. […]

Problemas no paraíso

Cesp, Engie, AES Brasil e mais: seca reduz brilho de ações do setor de geração hídrica

Com menos água, as empresas geram menos em hidrelétricas, mas não ficam livres de cumprir os contratos de fornecimento de energia

Jabuti do bem?

MP da Eletrobras: contratação de térmicas a gás pode diminuir conta de luz, diz estudo da Abegás

A medida vem sendo criticada pela maioria das elétricas, que alegam que ela vai na contramão da modernização e competitividade do setor

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies