Menu
2020-02-27T18:21:48-03:00
Estadão Conteúdo
Negócio em aberto

Bayer concorda com nova revisão sobre aquisição da Monsanto

Empresa vai permitir que um especialista independente revise suas regras e examine os seus principais negócios

27 de fevereiro de 2020
18:21
bayer
Bayer - Imagem: Shutterstock

A Bayer concordou com uma nova revisão sobre a compra da Monsanto, companhia norte-americana do setor de biotecnologia, sementes e defensivos adquirida em junho de 2018, afirmou a empresa alemã nesta quinta-feira, 27.

Segundo comunicado, a Bayer vai permitir que um especialista independente revise suas regras e examine os seus principais negócios. Os resultados serão publicados em seu site no fim de março.

A revisão vai incluir, ainda, uma análise da avaliação da Bayer sobre os riscos da compra da Monsanto, após acionistas apontarem como excessivamente arriscados, tendo em vista que a aquisição mergulhou a Bayer em uma série de batalhas legais sobre a produção do defensivo Roundup, feito à base de glifosato.

Os autores das ações alegam que o glifosato seja causador de câncer. A medida representa um esforço da farmacêutica alemã para apaziguar os investidores antes da reunião de acionistas, em abril.

Até o momento, é esperado que a empresa avance na resolução dos processos legais.

O presidente-executivo da Bayer, Werner Baumann, reiterou que a empresa fechará um acordo apenas se puder trazer uma "conclusão razoável" para toda a batalha legal, o que significa que também deve incluir uma solução para evitar ações judiciais contra a Bayer no futuro.

"Vamos buscar os três recursos em todas as instâncias judiciais, se necessário", disse Baumann em comunicado.

As concessões ocorrem um dia após a empresa química e farmacêutica divulgar que o presidente, Werner Wenning, deixará o cargo antes do planejado, sendo substituído por Norbert Winkeljohann a partir de abril.

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

escolha da CEO

Criptomeme bilionário, $moda$ de Hering e Arezzo, aposta contra o BC… veja o que bombou na semana no Seu Dinheiro

Você apostaria contra o Banco Central do Brasil?  Não falo de apostas mequetrefes com a turma do escritório, do tipo “quem perder paga uma rodada”.  Estou falando de colocar o seu patrimônio em investimentos que podem dar retornos altos se o BC estiver errado. Pois é justamente o que defende Rogério Xavier, da SPX Capital, um […]

empresa de porto alegre

Startup Zenvia entra com pedido de IPO na Nasdaq

Empresa quer levantar até US$ 100 milhões; oferta terá seus recursos destinados para pagar o montante utilizado na aquisição da startup D1, entre outros

LDO

LDO de 2022 prevê ‘vacinas’ contra manobras do Orçamento

Proposta exclui a possibilidade de indicação das emendas de relator e proíbe o Congresso de subestimar despesas obrigatórias sem aval do Executivo

negociações no varejo

Negociação de venda da Hering à Arezzo envolve questões de negócio e familiares

Alta cúpula da Arezzo passou os últimos dias em reuniões e deverá formar um grupo de trabalho para tratar sobre a proposta para a Hering, afirmou uma fonte

fique de olho

Itaú anuncia pagamento de juros sobre capital próprio

Serão R$ 0,05648 por ação, com retenção de 15% de imposto de renda na fonte; pagamento é uma antecipação aos aos dividendos e JPC do resultado de 2021

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies