Menu
2020-02-26T11:36:19-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
MERCADOS HOJE

Bolsas europeias terminam mais um dia em queda acentuada, de olho no coronavírus

Outro que registrou perdas foi o índice acionário italiano, mas em menor grau. Após registrar a maior contração entre as bolsas ontem, o índice da Itália (FTSE-MIB) recuou 1,44% e fechou em 23.090,44 pontos nesta terça-feira

25 de fevereiro de 2020
16:41 - atualizado às 11:36
Gráfico indicando queda
Gráfico indicando queda - Imagem: Shutterstock

Depois de cair mais de 3% no pregão de ontem, as bolsas da Europa ampliaram as perdas hoje (25). De olho na rápida disseminação do novo coronavírus em países além da China, como Itália, Coreia do Sul e Irã, o índice pan-europeu Stoxx 600 teve queda de 1,76%, a 404,60 pontos.

Outro que registrou perdas foi o índice acionário italiano, mas em menor grau. Após registrar a maior contração entre as bolsas ontem, o índice da Itália (FTSE-MIB) recuou 1,44% e fechou em 23.090,44 pontos nesta terça-feira.

No Reino Unido, o FTSE 100 recuou 1,94%; o francês CAC 40 também contraiu 1,94%; o alemão DAX 30 teve queda de 1,88%; o espanhol IBEX 35 reportou desvalorização de 2,45% e o português PSI 20 caiu 2,28%.

Além da preocupação com os impactos econômicos que o vírus pode gerar, a Alemanha reportou que o seu Produto Interno Bruto (PIB) ficou estável no último trimestre do ano passado ante o terceiro trimestre de 2019.

Já na comparação anual, houve alta de 0,4%, de acordo com revisão apresentada hoje. Tais dados reforçam a ideia de que a economia pode desacelerar ainda mais com o novo coronavírus.

Mais casos na Europa

De acordo com informações da Agência Estado, o número de casos confirmados da doença na Itália chegou a 283. Sete pessoas já morreram por lá. O epicentro do surto está na região norte do país, onde cerca de 11 cidades estão em quarentena.

A Coreia do Sul, por sua vez, relatou 977 casos e dez óbitos, enquanto o Irã reportou que há pelo menos 95 infectados - incluindo o vice-ministro de Saúde do país, Iraj Harirch; o número de mortos chega a 15 no país iraniano.

Mas há quem diga que o Irã possa ter omitido o número real de casos. Em coletiva de imprensa hoje pela manhã, o secretário de Estado dos Estados Unidos, Mike Pompeo, afirmou que o governo americano está "profundamente preocupado" com a possibilidade de o Irã ter suprimido informações vitais sobre os casos locais de coronavírus.

Hoje, países como Áustria, Croácia e Suíça também anunciaram seus primeiros casos.

*Com Estadão Conteúdo

Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

Se ligue nos prazos

Você ganhou mais 60 dias para declarar o imposto de renda. Mas por onde começar?

A Leão aliviou e você agora tem até o dia 30 de junho para prestar contas. Aproveite o período em casa e faça a sua declaração sem erros

gigante asiático

China teve sinais de recuperação no comércio externo em março, diz governo

Setor exportador chinês continua enfrentando obstáculos ligados à disseminação do coronavírus no exterior

de olho no ipca

Inflação desacelera para 0,07% em março, mas preço dos alimentos avança após coronavírus

Maior contribuição negativa foi do grupo dos transportes, que recuou 0,90% – a queda foi de 16,75% no item passagens aéreas, que, segundo IBGE, não necessariamente reflete a crise do coronavírus

Tudo que vai mexer com seu dinheiro hoje

13 notícias para você começar o dia bem informado

O Seu Dinheiro traz hoje uma entrevista com Sergio Werlang, um dos mentores do sistema de metas de inflação. Ele criticou a atuação do Banco Central durante a crise do coronavírus e vê espaço para juros menores. Hoje mesmo vamos conhecer os números da inflação de março e verificar os primeiros impactos do coronavírus e […]

efeitos da crise

Petrobras cancela datas de pagamento de dividendos com base no resultado de 2019

Segundo a estatal, o montante é de R$ 1,7 bilhão (R$ 0,233649 por ação ordinária e R$ 0,000449 por ação preferencial)

de olho na crise

Japão aprova pacote de quase US$ 1 trilhão

Como se esperava, o governo japonês também declarou estado de emergência por um mês em função da covid-19

aquisição em meio a crise

Totvs compra Wealth Systems por R$ 27 milhões

Segundo a companhia, serão R$16,7 milhões pagos à vista aos vendedores e R$10,3 milhões a serem pagos em fevereiro de 2021

Esquenta dos mercados

Véspera de feriado é marcada por otimismo com relação à crise do petróleo e covid-19

Opep+ se reúne virtualmente e expectativa é por um novo corte na produção, com resolução do impasse entre os países exportadores. No Brasil, o dia é marcado pela divulgação do IPCA de março

economista atento

Governadores negociam com o Congresso a ‘mãe de todas as bombas fiscais’, diz Marcos Lisboa

Presidente do Insper calcula em mais de R$ 150 bilhões o impacto para a União do projeto emergencial de socorro a Estados e municípios

avaliação

Fitch reafirma rating ‘A’ da Arábia Saudita, com perspectiva estável

Agência de classificação de risco avalia que o rating reflete a forte posição fiscal e das contas externas

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements