Menu
2020-03-08T21:38:37-03:00
Bruna Furlani
Bruna Furlani
Jornalista formada pela Universidade de Brasília (UnB). Fez curso de jornalismo econômico oferecido pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). Tem passagem pelas editorias de economia, política e negócios de veículos como O Estado de S.Paulo, SBT e Correio Braziliense.
IPO

Boa Vista SCPC entra com pedido para IPO na CVM

A companhia também disse que os recursos captados serão destinados a novas iniciativas (6%) e aquisições (94%)

4 de março de 2020
21:08 - atualizado às 21:38
boa vista
Imagem: YouTube

Mais uma empresa entrou com pedido de registro na CVM para abrir capital na bolsa. Agora é a vez da birô de crédito Boa Vista SCPC, que fará uma oferta primária e secundária de ações ordinárias e que pretende entrar no Novo Mercado. As informações foram disponibilizadas agora à noite (4) no site da CVM.

No documento, a empresa informa que, na oferta de distribuição secundária (em que o valor captado vai diretamente para o bolso do acionista vendedor), os acionistas vendedores serão a TMG e o Clube de Diretores Lojistas do Rio de Janeiro (CDL Rio). Mas a empresa não informou mais detalhes sobre preço da ação e volume.

A companhia também disse que os recursos captados serão destinados a novas iniciativas (6%) e aquisições (94%). No caso das novas iniciativas, a SCPC disse que isso vai envolver "a criação de uma fábrica de algoritmos, que visa ampliar a velocidade de criação de novos algoritmos avançados, para atender as demandas de atuais e futuros clientes em variados segmentos de atuação, expandindo a utilização de algoritmos avançados para diversas aplicações além do crédito".

Já no caso das aquisições, a companhia destacou que elas terão como foco "desenvolver e fortalecer sua presença no mercado direto ao consumidor (B2C); acelerar as capacidades analíticas da Companhia; capturar a demanda por ferramentas de gerenciamento de riscos anti-fraude; acelerar o crescimento no segmento de Marketing Services; e ampliar sua presença no mercado de recuperação de recebíveis".

O capital social da companhia hoje é de R$ 202.129.458,10. Entre os riscos de investimentos colocados em seu prospecto preliminar estão possíveis incidentes de segurança cibernética que podem resultar em perdas para os negócios, além de falhas no sistema de processamento ou em processos críticos da companhia.

O banco coordenador líder é o JPMorgan. Citi e Morgan Stanley também participam da oferta.

Números da companhia

No prospecto preliminar, a empresa informou que reportou lucro líquido de R$ 74,432 milhões em 2019, uma alta de 58,1% em relação ao registrado um ano antes.

A receita líquida, por sua vez, foi de R$ 661,863 milhões em 2019, o que representa uma expansão de 10,2%. Já o Ebitda ajustado (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) foi de R$ 285,193 em 2019, ou seja, houve um crescimento de 22,2% ante o ano anterior.

Com relação ao endividamento da companhia, a SCPC divulgou que a relação entre a dívida líquida e o Ebitda ficou em 0,82 vez em 2019, ante 0,62 vez em 2018.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

Funcionários com covid-19

Secretaria do Espírito Santo confirma 53 infectados na plataforma Macaé da Petrobras

Segundo a Sesa, a comunicação da Petrobras sobre a ocorrência aconteceu nesta quarta-feira. Estatal disse mais cedo ao Broadcast que a plataforma era da SBM

Seu Dinheiro na sua noite

Sobe no tuíte, cai no (quase) fato

Você já deve ter ouvido alguma vez a expressão “sobe no boato, cai no fato”. Alguém se lembra dela toda vez que a bolsa sobe diante de algum rumor e cai logo depois da confirmação. Isso acontece porque o tal mercado sempre tenta se antecipar aos acontecimentos. Quando eles se materializam, os preços em geral […]

Atualização sobre covid-19

Brasil registra 941 mortes por coronavírus desde início de pandemia

O resultado marca um aumento de 17% de mortes no Brasil em relação a ontem, quando foram registrados 800 óbitos

Alívio intenso

Ibovespa fecha em queda, mas ainda acumula ganhos de mais de 11% na semana; dólar cai a R$ 5,09

O Ibovespa teve a melhor semana desde março de 2016, sustentado pelo viés mais otimista visto no exterior nos últimos dias. O dólar à vista também passou por um alívio importante, recuando mais de 5% na semana

Socorro financeiro

Maia acusa equipe econômica de dar informações falsas em projeto para estados

Presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ) acusou a equipe econômica de dar informações falsas no projeto de socorro emergencial a Estados e relacionou o impasse em torno da proposta à disputa do presidente Jair Bolsonaro com governadores

Crédito contra covid-19

Boa parte do valor liberado ainda não foi usada pelos bancos, diz presidente do BC

Presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, afirmou nesta quinta-feira, 9, em entrevista por videoconferência ao portal UOL, que a instituição já anunciou a liberação de cerca de R$ 1,2 trilhão para os bancos, para combater os efeitos da pandemia do novo coronavírus

Ouça o que bombou na semana

Podcast Touros e Ursos: um presente de Páscoa para os mercados

O podcast de hoje faz o balanço de uma semana positiva para os mercados, mesmo em meio à crise do coronavírus

Prontos para auxiliar

Bancos estão sólidos para ajudar a preservar empregos e empresas, diz presidente da Febraban

presidente da Federação Brasileira de Bancos (Febraban), Isaac Sidney, garantiu nesta quinta-feira, 9, que o setor bancário está pronto para ajudar as empresas a preservar empregos

Recessão pior que 2008

IIF prevê que PIB global cairá 2,8% em 2020, e do Brasil, 4,1%

IIF revisou para baixo sua projeção para o PIB global e passou a prever contração de 2,8% em 2020

Títulos privados

BCs de emergentes podem necessitar ser comprador de última instância, diz Campos Neto

Roberto Campos Neto fez nesta quinta-feira, 9, em reunião com senadores, uma defesa da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) nº 10, que permite que o BC compre títulos privados durante o período de crise

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements