Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2019-09-27T13:01:49-03:00
Julia Wiltgen
Julia Wiltgen
Jornalista formada pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) com pós-graduação em Finanças Corporativas e Investment Banking pela Fundação Instituto de Administração (FIA). Trabalhou com produção de reportagem na TV Globo e foi editora de finanças pessoais de Exame.com, na Editora Abril.
Tá barato pra caramba

BTG reduz taxa de fundos de Ibovespa, ouro e dólar para apenas 0,10% ao ano

Fundo indexado ao Ibovespa agora está muito mais barato do que qualquer ETF atrelado ao índice; taxa dos fundos de ouro e dólar também estão bem baixas para essas categorias

27 de setembro de 2019
12:39 - atualizado às 13:01
Fed
BTG tem estratégia agressiva de preços de fundos de investimento. Imagem: Shutterstock

O BTG Pactual Digital, plataforma on-line de investimentos do banco BTG Pactual, reduziu, a partir desta sexta-feira (27), as taxas de administração de três fundos para apenas 0,10% ao ano: o BTG Pactual Indexado Ibovespa FIA, o BTG Pactual Digital Dólar FIM e o BTG Pactual Ouro FIM.

O BTG Pactual Indexado Ibovespa FIA é o fundo de ações da plataforma indexado ao Ibovespa. Trata-se de um fundo passivo, isto é, que procura seguir o índice ao qual ele é atrelado.

Funciona mais ou menos como os ETFs, aqueles fundos de índice com cotas negociadas em bolsa - com a diferença de que o fundo da plataforma não é um ETF, e sim um fundo aberto, permitindo aplicações e resgates.

O investidor, portanto, não tem a necessidade de abrir conta numa corretora, operar home broker, nem pagar taxas como corretagem, custódia e emolumentos.

Com a taxa de administração anterior de 0,14% ao ano, o fundo indexado do BTG já era mais barato que os ETFs atrelados ao Ibovespa disponíveis hoje na bolsa: o BOVV11 (0,30% a.a.), o BOVA11 (0,54% a.a.), o BOVB11 (0,20% a.a.) e o XBOV11 (0,50% a.a.). Agora, a taxa do fundo do BTG cairá para 0,10% ao ano.

O BTG Pactual Digital Dólar FIM é um fundo multimercado de gestão ativa nos mercados de juros e câmbio, com objetivo de buscar uma rentabilidade superior à taxa de câmbio referencial, o dólar PTAX (cotação do Banco Central). Sua taxa caiu de 0,15% para 0,10% ao ano.

Já o BTG Pactual Ouro FIM é um fundo multimercado com exposição à variação da cotação do metal, mas sem exposição à variação cambial, isto é, protegido contra as oscilações do dólar. Sua taxa caiu de 0,30% para 0,10% ao ano.

  • Importante: Fausto Botelho, um dos maiores especialistas de análise gráfica do Brasil, está reunindo um grupo para ganhar ao lado dele. Você pode conseguir um lugar. Veja como aqui.

De fato, a taxa de 0,10% ao ano é bem baixa para fundos multimercados como esses, de ouro e dólar.

Ouro e dólar são ativos muito importantes para proteção do patrimônio em tempos de crise, quando as ações se desvalorizam. Convém sempre ter uma parte da carteira exposta a esses ativos.

O ouro, especificamente, vem sendo uma aposta relevante de muitos gestores renomados de fundos, de olho na possível recessão mundial que possa estar a caminho. Nos últimos 12 meses, o metal valorizou 26% em dólar.

Novo fundo de ouro

O BTG Pactual Digital também vai lançar, na próxima segunda-feira (30), um novo fundo de ouro, o BTG Pactual Ouro USD FIM, com exposição à variação do dólar. A taxa de administração também será de 0,10% ao ano. A aplicação inicial será de R$ 500 e os recursos levam sete dias úteis para cair na conta a partir do pedido de resgate (D+7).

A plataforma digital do banco tem apresentado uma política agressiva de preços de fundos de investimento, tendo sindo a primeira a zerar totalmente as taxas para o seu fundo Tesouro Selic em março deste ano.

Em tempos de juro baixo, olhar para os custos dos investimentos se tornou ainda mais importante, e a queda nas taxas de administração dos fundos vêm como uma resposta ao recuo da Selic.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

Ventos contrários

Renova Energia não consegue “proteção” contra minoritários da própria empresa

Empresa perdeu ação no TJ-SP que tentata impedir os acionistas de produzirem provas contra a empresa, relativas à investigação sobre desvio de recursos

Preocupação

Vidas secas? Bolsonaro admite que Brasil vive “enorme crise hidrológica”

Presidente citou a falta de chuvas como um dos grandes problemas econômicos do país, juntamente com os efeitos causados pela pandemia

MESA QUADRADA

“Não me arrependo de nada. Só não posso dar conselhos financeiros para ninguém”, diz Bob Wolfenson, o fotógrafo das celebridades entrevistado no 7º episódio do Mesa Quadrada

Em em conversa para o podcast Mesa Quadrada, Dan Stulbach, Teco Medina e Caio Mesquita, conversam sobre dinheiro e carreira com Bob Wolfenson, ícone da fotografia brasileira

Situação preocupante

Cuidado com as luzes acesas! Aneel mantém taxa adicional mais alta na contas de agosto

Tarifa cobrada na bandeira vermelha nível 2 é de R$ 9,49 por 100 quilowatts-hora (kWh), e agência continua avaliando se vai elevar o valor

O melhor do Seu Dinheiro

Os melhores investimentos do mês e as notícias que foram destaque na semana

lém do ranking, tivemos o Ibovespa em queda de 2,60, e uma entrevista exclusiva com o CEO da Ânima Educação, que busca um “modelo Magalu”

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies