🔴 AÇÃO QUE JÁ DISPAROU 1.200% E AINDA ESTÁ BARATA – VEJA QUAL

Estadão Conteúdo
Maior da América Latina

Enel inicia construção de parque eólico de R$ 3 bilhões no Piauí

Complexo terá capacidade de gerão de 510 MW, que foram vendidos pela Enel Green Power no leilão A-6, em dezembro de 2017

Estadão Conteúdo
7 de fevereiro de 2019
9:02 - atualizado às 10:23
Petrobras, Itaú
Imagem: shutterstock

A Enel Green Power Brasil (EGPB), subsidiária do grupo italiano em energia renovável, iniciou a construção do parque eólico Lagoa dos Ventos, de 716 MW, no Piauí.

O projeto, classificado pela empresa como o maior parque eólico atualmente em construção na América do Sul e o maior parque eólico da Enel Green Power no mundo, deve consumir cerca de R$ 3 bilhões e deve entrar em operação em 2021.

Segundo o grupo, o complexo será financiado com recursos próprios.

Da capacidade instalada total, 510 MW foram vendidos pela Enel Green Power no leilão A-6, em dezembro de 2017 e estão apoiados por contratos de fornecimento de energia de 20 anos para um pool de distribuidoras, enquanto a produção dos 206 MW restantes será fornecida ao mercado livre para venda a clientes comerciais.

"O início da construção desta planta eólica recorde no Brasil é um grande marco de nossa presença no país, que continua sendo um dos mercados mais proeminentes para a Enel Green Power", declarou o responsável da empresa, Antonio Cammisecra, em nota.

No Brasil, EGPB e Enel Brasil gerenciam cerca de 2,9 GW de capacidade instalada renovável, dos quais 842 MW de energia eólica, 820 MW de energia solar fotovoltaica e 1.269 MW de energia hídrica. Além disso, a EGPB tem mais de 1 GW em execução no Brasil, conquistados nos leilões de 2017.

Compartilhe

ENERGIA LIMPA

Santander e Enel se juntam em missão para zerar emissões de carbono; saiba como

9 de março de 2022 - 16:38

O Santander vai responder pela concessão de financiamentos enquanto a Enel fornecerá soluções customizadas para os clientes

Medidas

Doria anuncia isenção de pagamento de energia elétrica à população mais pobre

24 de março de 2020 - 15:54

Doria ainda disse que não serão realizadas suspensões no fornecimento pelo não pagamento; medidas valerão até o dia 30 de julho

Longo prazo

Enel vende por R$ 2,9 bilhões usinas renováveis à CGNEI, da China

17 de janeiro de 2019 - 14:46

Valor total da transação entre as companhias foi US$ 700 milhões (cerca de R$ 2,9 bilhões); as três usinas possuem contratos de venda de energia de longo prazo (PPAs) em vigor

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar