Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2019-06-27T09:34:10-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
pão de açúcar tem um plano

GPA deve comprar colombiana Éxito e planeja migrar para o Novo Mercado

Medidas fazem parte do plano do controlador do grupo, o francês Casino Guichard-Perrachon, para simplificar sua estrutura na América Latina

27 de junho de 2019
7:54 - atualizado às 9:34
Grupo Pão de Açúcar
O que os especialistas dizem sobre a cisão entre GPA e Assaí? - Imagem: Jacques Lepine / Estadão Conteúdo

O controlador do Grupo Pão de Açúcar (GPA), o francês Casino Guichard-Perrachon, apresentou na última quarta-feira, 26, um plano para simplificar sua estrutura na América Latina.

Essa reorganização envolve uma oferta pública que deve ser lançada pelo GPA para comprar, em dinheiro, até a totalidade das ações do Almacenes Éxito - uma companhia de capital aberto localizada na Colômbia.

O plano envolve também a migração do GPA para o Novo Mercado da B3, com a conversão de todas as ações preferenciais (sem direito a voto) do GPA em ordinárias (com direito a voto) à razão de um para um.

Simplificação

O conselho do GPA diz que a transação trará benefícios com a simplificação da estrutura na América Latina, melhora na governança e aumento potencial na base investidores.

No fim de maio, o Rallye, controlador do Casino, obteve proteção judicial contra credores na França. O Rallye tem dívida líquida de € 2,9 bilhões, dos quais € 2,7 bilhões são oriundos do Casino, do qual é o maior acionista.

Nos últimos meses, o grupo Casino tem realizado uma série de vendas de ativos não estratégicos do Casino fora da Europa para tentar reestruturar as dívidas de suas companhias. No Brasil, vendeu sua participação na Via Varejo no dia 15.

GPA nos holofotes

O GPA foi recentemente protagonista de uma novela do mercado financeiro. O grupo promoveu, no último dia 14, um leilão na B3 para se desfazer de sua fatia na Via Varejo. O desejo da venda das ações era de 2016, com a ideia de priorizar o desenvolvimento do negócio alimentar da companhia — ou seja, as diversas bandeiras de supermercados, sejam elas varejistas ou "atacarejos", como o Assaí.

O desfecho da história começou a se desenhar quando o empresário Michael Klein enviou uma carta conselho de administração do GPA afirmando que, caso a empresa realizasse um leilão na B3 envolvendo toda a sua participação na Via Varejo, ele faria lances para adquirir a fatia inteira pelo valor máximo de R$ 4,75 por ação.

O GPA aceitou os termos e vendeu toda sua participação no capital social da Via Varejo, no final das contas, pelo preço de R$ 4,90 por ação, totalizando R$ 2.300.653.316,50.

*Com Estadão Conteúdo

Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

Debaixo do tapete

Cadê o teto que estava aqui? Sumário das contas públicas do Tesouro exclui avaliações sobre cenário fiscal após drible na regra

O documento já foi usado como instrumento para recados duros em outros momentos delicados, em que houve grande pressão para abrir a porteira dos gastos

Juros em alta

Rumo aos 6% + IPCA? Taxas do Tesouro Direto sobem forte após Copom, e títulos atrelados à inflação já pagam mais de 5,5% a.a. de juro real

Com alta da Selic para 7,75%, juros futuros dispararam nesta quinta, fazendo taxas do Tesouro Direto subirem ainda mais

De olho na estatal

Após novas falas de Bolsonaro sobre privatização, CVM vai investigar a Petrobras (PETR4)

A autarquia abre processo administrativos quando entende que precisa acompanhar os desdobramentos de algum assunto

ENRIQUEÇA ATÉ 2024

‘Investir muito em Bitcoin é coisa de imbecil’: estes 14 investimentos já dispararam até 1300% e têm potencial para te deixar rico

Apesar do hype das criptomoedas, existem outras ‘pechinchas exponenciais’ que estão fora do radar de muitos investidores; conheça

Um brinde

A Ambev (ABEV3) nunca vendeu tanta cerveja como no 3º trimestre. E as ações disparam na bolsa

A gigante de bebidas registrou lucro líquido de R$ 3,6 bilhões no terceiro trimestre, alta de 50% e acima do esperado pelo mercado. Hora de comprar a ação?

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies