Menu
2019-04-18T12:57:45-03:00
Estadão Conteúdo
no tribunal do conselho

Cade julgará processos contra seis bancos por suposta infração no crédito consignado

Casos abrangem Bradesco, Itaú Unibanco, Santander, Caixa, Banrisul e BRB; eles foram acusados de exigir exclusividade na celebração de contratos com entes públicos

18 de abril de 2019
11:21 - atualizado às 12:57
Logos do Bradesco, Itaú Unibanco, Santander, Caixa, Banrisul e BRB em papeis jogados em cima da mesa
Bancos foram acusados de exigir exclusividade na celebração de contratos com entes públicos para a oferta de crédito consignado aos servidores vinculados a esses entesImagem: Montagem Andrei Morais/Shutterstock/Divulgação

O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) vai julgar na próxima semana seis bancos dentro dos processos administrativos que investigam supostas infrações das empresas à ordem econômica no mercado de crédito consignado. Os casos abrangem Bradesco, Itaú Unibanco, Santander, Caixa, Banrisul e BRB. Eles foram acusados de exigir exclusividade na celebração de contratos com entes públicos para a oferta de crédito consignado aos servidores vinculados a esses entes.

As investigações foram instauradas em junho de 2015 e, em novembro do ano passado, a Superintendência-Geral do Cade recomendou ao tribunal da autarquia o arquivamento dos seis processos.

A Superintendência afirmou que verificou que a exigência de exclusividade não era sistemática em relação aos seis bancos investigados. "Por vezes, a prática era decorrente de exigência legal (como no caso do BRB) ou prevista nos editais dos processos licitatórios abertos pelos próprios entes públicos para a contratação das instituições financeiras", explicou. "Em alguns casos, a exclusividade nem sequer constava dos contratos firmados entre os bancos e o órgão público", completou.

A próxima sessão de julgamento do Cade está marcada para a quarta-feira, 24, a partir das 10 horas. Ao todo, nove itens constam da pauta divulgada no Diário Oficial da União (DOU).

Até o fechamento deste texto, a reportagem não havia obtido posicionamento das instituições citadas.

Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

Radiocash

“Quando comecei a criar o Me Poupe, eu queria transformar finanças em mainstream”, conta Nathalia Arcuri

A plataforma de conteúdo e educação financeira tem uma CEO com uma jornada polêmica e impactante; confira no RadioCash

Economia na defesa

Privatização da Eletrobrás é ‘entrega elevadíssima’, afirma secretário de Guedes

Segundo associações do setor, o texto aprovado vai aumentar o custo da energia para consumidores em R$ 84 bilhões nas próximas décadas

Entre a cruz e a espada

Bitcoin se aproxima da “Cruz da Morte”: O que isso significa para a criptomoeda?

O bitcoin tocou essa linha imaginária no último final de semana, o que deve determinar o futuro da moeda para os próximos meses

Buscando confiança

Números de abril mostram melhora do IRB, mas queda da ação mostra que desconfiança persiste

Estratégia de rever contratos, principalmente no exterior, diminuiu as receitas fora do Brasil, mas ajudou sinistralidade e resultado final

Economia dos eua

Dirigente do Fed admite inflação alta, mas defende contínuo apoio monetário

Presidente da distrital do banco admitiu que as leituras recentes de inflação estão “altas” e devem ser monitoradas de perto

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies