🔴 NOVA META: ATÉ R$ 3.000 POR DIA COM DUAS OPERAÇÕES – CONHEÇA O INDICADOR X

Letícia Flávia Pinheiro
Letícia Flávia Pinheiro
Jornalista formada pela Universidade de São Paulo (ECA-USP) e redatora para os portais Seu Dinheiro e Money Times.
Conteúdo Empiricus

Melhor que Petrobras (PETR4)? ‘Ação de Warren Buffett’ no setor de energia ‘negocia com desconto exagerado’ e ainda paga dividendos, segundo analista; Confira

Um ativo barato, que paga bons dividendos, bem no estilo que o Oráculo de Omaha aprecia: uma grande empresa com uma boa margem de segurança

Letícia Flávia Pinheiro
Letícia Flávia Pinheiro
29 de maio de 2024
16:00 - atualizado às 14:10
Warren Buffett com uma lâmpada perto do rosto | Ações, Suzano, Vivara
Warren Buffett, um dos maiores investidores do mundo, fundador e CEO da Berkshire Hathaway. Fonte: Reprodução - Imagem: Reprodução

Que Warren Buffett e sua holding de investimentos, a Berkshire Hathaway, são capazes de entregar retornos surpreendentes ao longo do tempo, não é novidade para ninguém. O ‘Oráculo de Omaha’ tem superado os índices S&P 500 e Dow Jones por décadas, e 2024 não tem sido diferente.  

Os resultados do conglomerado no primeiro trimestre do ano vieram maiores que o esperado. A receita foi de US$ 89,869 bilhões, um valor 5,2% acima do reportado um ano antes. Já o seu lucro operacional totalizou em US$ 11,222 bilhões — um crescimento de 39% na comparação anual. 

Buffett não recebe o título de maior investidor de todos os tempos por acaso. O BDR da Berkshire Hathaway (BERK34) já valorizou até 19.50% do início do ano até agora. 

Por essas e outras razões, não dá para ignorar o portfólio da multinacional

Mas muito além de Apple (B3: AAPL34; Nasdaq: AAPL), American Express (B3: AXPB34; NSYE: AXP) e Coca-Cola (B3: COCA34; NSYE: KO), existe uma companhia do setor de energia que deveria estar no seu radar se você busca lucrar no longo prazo, assim como Buffett: 

TESE DE INVESTIMENTOS NA ÍNTEGRA LIBERADA [ACESSE POR AQUI]

Conheça empresa do setor de energia que é aposta de Warren Buffett e que pode decolar no longo prazo

Você busca investir em empresas com bons fundamentos, potencial de crescimento a longo prazo e que custam menos do que valem?

Então pode ser interessante ficar de olho nessa empresa que Warren Buffett está apostando no momento. 

Como já diria o megainvestidor, “não possua uma ação nem por 10 minutos, a menos que esteja disposto a possuí-la por pelo menos 10 anos”. 

Nesse caso, há uma ação que foi um dos destaques da reunião anual de acionistas da Berkshire Hathaway, que aconteceu no dia 4 de maio deste ano, em Omaha, Nebraska. 

Ela não só faz parte de uma das investidas da Berkshire Hathaway (NV Energy), como também é uma das indicações que o analista de equities da Empiricus Research, Enzo Pacheco, trouxe direto de Omaha (confira aqui)

Estamos falando de uma petroleira que atua em toda a cadeia energética: exploração, refino e comercialização de combustíveis fósseis.

O motivo dela ter chamado a atenção da Berkshire é simples: é uma empresa grande, com uma boa margem de segurança, que possui um papel barato e que ainda paga dividendos — bem no estilo que o Oráculo de Omaha aprecia. 

O analista de investimentos Enzo Pacheco concorda que essa é uma ótima oportunidade de investimento no cenário atual. Em relatório exclusivo, ele revela o nome da ação de Warren Buffett e explica a tese de investimentos da companhia no detalhe (saiba mais)

Você pode ter acesso ao relatório de forma gratuita, como cortesia da Empiricus Research. Para acessá-lo, basta clicar no link abaixo e deixar o seu melhor e-mail. 

[AÇÃO DE WARREN BUFFETT REVELADA] CONFIRA A RECOMENDAÇÃO

Ou então, fique comigo. A seguir, te explico porque o analista está tão confiante em recomendar a ação dessa petroleira:   

Melhor que Petrobras? Essa aposta de Warren Buffett tem potencial de upside de 30% e ainda paga dividendos  

Segundo análise de Enzo Pacheco, essaMajor Oilnegocia com um desconto exagerado em relação a suas pares americanas. Inclusive, seu potencial de entregar um retorno sobre patrimônio líquido (ROE) é igual ou até maior do que algumas de suas rivais.   

Um ponto a considerar é que a companhia vem entregando um lucro operacional nos mesmos níveis do seu auge de vendas, ainda que ela tenha apresentado queda na receita líquida (influenciada pela saída da companhia da Rússia após início da Guerra no leste europeu). 

Oportunidade de compra? Para o analista da Empiricus, com certeza. 

Afinal, mesmo diante dos preços atuais da companhia (cotada a US$36, estando a 3,5x EV/EBITDA), ela segue abaixo da média de 4,6x observada desde 2010. Veja: 

Cotação (verde claro) e múltiplo EV/Ebitda (verde escuro) da companhia, desde 2000 | Fontes: Bloomberg e Empiricus
Cotação (verde claro) e múltiplo EV/Ebitda (verde escuro) da companhia, desde 2000 | Fontes: Bloomberg e Empiricus

“Uma retomada para níveis próximos a mediana desse ínterim já significaria um potencial de valorização de 30% no ativo. E comparando a companhia com alguma de suas pares globais, já conseguimos conjecturar possíveis cenários de valorização ainda maiores”, afirma Enzo Pacheco, que também recomenda o papel. 

E não é só isso: você também pode receber dividendos com essa ação 

Warren Buffett fez fortuna com ações apostando no potencial de valorização das empresas a longo prazo. 

Mas ele também é famoso pela seguinte estratégia: investir em companhias que podem oferecer uma fonte de renda periódica para seus acionistas — os dividendos

Para você ter uma ideia, só em 2024, espera-se que Buffett receba cerca de US$ 6 bilhões em dividendos. Uma verdadeira “bola de neve".

Portanto, não é por acaso que essa petroleira seja uma das investidas da Berkshire Hathaway. 

Em 2023, a companhia destinou US$ 8 bilhões em recompras de ações e mais de US$ 4 bilhões em dividendos. Já na divulgação de resultados do 1T24, a companhia anunciou US$ 1,75 bilhões em recompras, além de terem pago mais de US$ 1,2 bilhões em dividendos. 

Considerando que a aposta de Buffett consiga atingir os objetivos traçados, estamos falando de valores que totalizarão quase US$ 12 bilhões de proventos em 2025, explica Enzo Pacheco no relatório (acesse aqui)

Quem investir nela, pode se dar bem. “Dado o valor de mercado atual da empresa, o investidor que adquire a ação está comprando hoje um ativo com um retorno potencial via proventos de aproximadamente 10%”. Nada mal para um setor tão volátil como o de óleo e gás. 

VEJA COMO ACESSAR A AÇÃO QUE ANALISTA TROUXE DIRETO DE OMAHA 

Mas bons fundamentos e dividendos não são os únicos motivos que podem fazer a ação valorizar. 

Também precisamos considerar o mercado que o ativo está inserido, que é um dos mais promissores do mundo: o setor de energia. 

A demanda mundial de petróleo tende a crescer e empresas do setor tendem a surfar nessa onda

Se você está se questionando do porque uma das investidas da Berkshire Hathaway estaria investindo numa geradora de energia a base de combustíveis fósseis, a resposta é simples. Afinal, o próprio Warren Buffett defende a simplicidade nos investimentos e na vida.

A economia global ainda demanda muita energia todo ano. E neste momento, ela é incapaz de ser sustentada apenas por fontes renováveis.

As projeções confirmam: a demanda por petróleo continuará crescente nos próximos anos. 

Segundo dados da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP), a expectativa é que, em 2024, a demanda fique acima dos 104 milhões de barris de petróleo por dia, 4% acima do observado em 2019. Veja: 

E as fontes renováveis, mesmo com um grande potencial de crescimento pela frente, ainda correspondem a uma pequena fração da energia gerada ao redor do mundo. Confira no gráfico abaixo: 

É por conta dessa dependência de combustíveis fósseis que o investimento nesse setor ainda faz sentido e pode ser promissor. 

No final do dia, poucas alternativas dão conta do volume energético que precisa ser gerado para que a sociedade possa funcionar plenamente. 

Se você quiser ter uma exposição no setor de energia e investir em uma das apostas do maior investidor de todos os tempos, essa é a sua chance de comprar o papel enquanto ainda está custando menos do que vale.  

Conferia o nome da ação de Buffett e a tese completa da Empiricus, empresa do grupo BTG Pactual, clicando no botão abaixo: 

Compartilhe

conteúdo empiricus

‘Estamos muito tranquilos com essa carteira’: casa de análise mantém recomendação em ações que caíram 4% em maio; veja motivo

13 de junho de 2024 - 16:00

Empiricus decide manter ações em carteira que desvalorizou mais do que o Ibovespa no mês de maio; entenda a decisão da casa de análise e conheça as ações em que ela está apostando

Conteúdo Empiricus

2024 é ‘o ano que não começou’ para o Brasil, diz Felipe Miranda, da Empiricus; o que a bolsa precisa para retomar a trajetória de alta?

13 de junho de 2024 - 15:45

Veja quais são os gatilhos que podem ajudar a economia brasileira a decolar ainda neste ano, segundo o CEO da Empiricus

Conteúdo Empiricus

Renda fixa ou ‘perda fixa’? Conheça classe de ativos criticada mas que pode pagar retornos reais de 7,5% ao ano; entenda

13 de junho de 2024 - 12:00

Para analista da Empiricus Research, o investidor que deseja ganhar dinheiro no longo prazo deve ter uma estratégia de renda fixa na carteira

Conteúdo Empiricus

Brasil sobe em ranking mas ainda está entre ‘piores lugares do mundo para investir’, diz CEO; como se proteger com dólar?

13 de junho de 2024 - 8:00

Alta de 0,8% do PIB, no 1T24, colocou o Brasil na 8ª posição de ranking das maiores economias do mundo – mas ainda é preciso ter uma parte do patrimônio em dólar, diz Empiricus

Conteúdo Empiricus

“É inconcebível ter 0% de investimento no exterior”, diz analista da Empiricus Research; entenda o motivo

12 de junho de 2024 - 16:00

De acordo com Enzo Pacheco, não vale a pena focar no Brasil tendo em vista que o risco fiscal aqui é maior e há menos opções disponíveis na bolsa

Conteúdo Empiricus

‘Cavalo de pau’ na Selic? IPCA de maio pode fazer Copom ‘virar a mão’ e levar taxa básica de juros a 11%

12 de junho de 2024 - 12:00

Enquanto cenário atual pode assustar renda variável, analista recomenda 4 títulos de renda fixa “premium” para se proteger da inflação e buscar até 7,1% de ganho real sem Imposto de Renda

Conteúdo Empiricus

À espera de dividendos? Eletrobras (ELET6) vai lucrar R$ 4,7 bilhões com venda de ativos; veja quais são os planos da companhia

12 de junho de 2024 - 10:00

Na visão do analista da Empiricus, o lucro da Eletrobras (ELET6) com a venda das termelétricas pode ajudar nos dividendos, mas a elétrica tem outros projetos

Conteúdo Empiricus

Dividendos de até 9,4% nos próximos 12 meses: FII de tijolo é favorito de analista para buscar rendimentos mensais; veja qual

12 de junho de 2024 - 8:00

Analista recomenda um dos maiores FIIs de tijolos da indústria para investir no momento; veja ticker e outras quatro indicações

Conteúdo Empiricus

Tchau, Microsoft (MSFT34): veja por que o BDR saiu de carteira recomendada mensal – e qual big tech que ‘surfa’ a onda de IA entrou no lugar

11 de junho de 2024 - 16:00

Para Empiricus, BDR da Microsoft (MSFT34) ficou ‘caro’ demais; veja a seleção de ações internacionais para buscar lucros em dólar

Conteúdo Empiricus

Nem Even (EVEN3), nem MRV (MRVE3): essa outra construtora está barata e pode elevar pagamento de dividendos

11 de junho de 2024 - 15:00

Veja a empresa de construção civil que já mostrou resiliência frente a cenários difíceis e pode gerar bons dividendos, segundo analista

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar