🔴 NOVA META: ATÉ R$ 3.000 POR DIA COM DUAS OPERAÇÕES – CONHEÇA O INDICADOR X

Leticia Camargo
Leticia Camargo
Formada em Jornalismo pela Universidade de São Paulo (ECA-USP). Já passou por agência de marketing digital, onde trabalhou com estratégias de SEO e marketing de conteúdo.
conteúdo empiricus

Bolsa brasileira ‘em promoção’? Analista aponta 2 gatilhos que podem fazer o Ibovespa disparar e uma ação indispensável para ter em junho

Apesar do desempenho negativo no mês de maio, analista aponta que ainda existem oportunidades na bolsa brasileira e esse é o momento de comprar boas ações “em promoção”

Leticia Camargo
Leticia Camargo
5 de junho de 2024
14:00 - atualizado às 13:18
brasil bolsa ibovespa - Imagem: Shutterstock/Montagem: Giovanna Figueredo

É verdade que o mês de maio não trouxe muitas alegrias para os investidores da bolsa brasileira. Prova disso é que o Ibovespa acumulou queda de 3% no período e conquistou o posto de pior investimento do mês. No ano, a queda é de 9%.

Em contrapartida, as bolsas americanas brilharam e tiveram performance bastante positiva, com os principais índices em alta. O S&P 500 (índice que reúne as maiores empresas americanas) saltou 4,8%, enquanto o Nasdaq (índice das empresas de tecnologia) foi além e registrou 6,8% de alta no período.

  Uma das razões para a performance positiva foram os dados de inflação abaixo do esperado nos EUA, que animaram os investidores. Mas, afinal, o que impediu a bolsa brasileira de seguir no mesmo ritmo?

Para Larissa Quaresma, analista de ações da Empiricus, as nossas questões locais nos impediram de surfar esse rali. “Uma piora das expectativas de inflação e Selic tanto para esse ano quanto para o ano que vem e o desastre no Rio Grande do Sul nos mantiveram sob muita pressão em maio”, explica.

Depois de o governo indicar que não trabalhará mais com meta de superávit para o ano que vem, e sim de déficit zero novamente, o nível de confiança na responsabilidade fiscal do governo caiu e os investidores colocaram prêmio na curva de juros futuros.

Mas isso significa que é hora de ficar de fora da bolsa? As oportunidades acabaram? E o que esperar para o mês de junho?

Em entrevista ao programa Giro do Mercado da última segunda-feira (3), Larissa abriu suas expectativas para a bolsa brasileira em junho e, inclusive, pontuou 2 gatilhos que podem fazer com que ela dispare este ano.

Além disso, a analista apontou uma ação que é indispensável na carteira do investidor neste mês.

Para onde vai a bolsa brasileira em junho – e 2 gatilhos que podem fazê-la disparar

Para junho, a analista afirma que o cenário ainda é de cautela. “Junho é um mês que não tem temporada de resultados. Então, devemos ver mais uma vez o macro dominar e ditar o tom da bolsa”, afirma.

A analista pontua que junho é um mês no qual teremos novidades sobre os principais indicadores de mercado, como é o caso da taxa de juros, tanto no Brasil quanto nos Estados Unidos. Aqui, a próxima reunião do Copom está marcada para 19 de junho

No entanto, além de um cenário internacional favorável, Larissa pondera que também precisamos de um cenário minimamente positivo no Brasil para a bolsa andar. Nesse sentido, ela acredita que algum tipo de resolução do conflito institucional poderia ajudar muito.

Na verdade, ela pontua que 2 gatilhos podem ajudar a bolsa brasileira a deslanchar este ano. São eles:

  1. Em um cenário menos provável, uma resolução dos conflitos institucionais. “O Ministro da Fazenda poderia vir a público e rechaçar a meta de inflação, falar que vai fazer um ajuste fiscal, um controle mais rígido do orçamento. Isso faria a bolsa deslanchar, mas eu acho mais difícil”.
  1. Em um cenário mais provável, a inflação começará a cair mais rápido nos EUA. “Ela já está caindo, mas se cair mais rápido pode acelerar os cortes de juros, o que é bom para os ativos de risco, principalmente os de países emergentes, como é o caso do Brasil”. 

E enquanto esses gatilhos não vêm, a analista acredita que é o momento de acumular ações de boas empresas. “Aí, quando o gatilho vier, você vai estar com boas empresas que passarão a ser precificadas de uma maneira mais justa”, explica.

Mas quais ações vale a pena comprar agora? E qual é a ação que é indispensável ter na carteira no mês de junho? A analista responde…

Itaú (ITUB4): uma ação indispensável para ter na carteira em junho

Para junho, a ação que não pode faltar na carteira do investidor, na visão de Larissa, é Itaú (ITUB4), tanto numa perspectiva estrutural quanto tática.

Do lado estrutural, trata-se de uma ação que, apesar de cair menos que o Ibovespa este ano, teve uma pequena correção que simboliza um ótimo ponto de entrada, na visão da analista.

“Ela deve entregar um crescimento de lucro de 12% neste ano e, nesse mês de junho, terá um encontro com investidores que tem potencial de ser um gatinho de curto prazo. Não compramos pensando nisso, mas qualquer gatilho de curto prazo é sempre bem-vindo”, explica Larissa Quaresma.

Já do lado tático, a analista acredita que essa é uma ação defensiva e que, em qualquer eventualidade, vai pagar seus 8% a 9% de dividendos em 2024. “Se eu tivesse que escolher apenas uma ação para ter, seria essa”, afirma.

Mas é claro que essa é apenas uma das recomendações da analista para o mês de junho. Larissa se debruçou sobre as oportunidades da bolsa e elegeu outras 9 ações que estão em uma oportunidade de compra agora.

Além do setor financeiro, há recomendações para o setor varejista, elétrico, de óleo e gás e de incorporadoras. Ou seja, trata-se de uma carteira bem diversificada e que, inclusive, tem 4 das suas maiores posições concentradas em segmentos defensivos.

E a boa notícia é que você pode conhecer essa carteira completa de forma totalmente gratuita. Basta clicar no link abaixo:

GRATUITO: AS 10 AÇÕES MAIS PROMISSORAS PARA COMPRAR EM JUNHO

Relatório gratuito: conheça as 10 ações mais promissoras para ter na carteira em junho

Todos os meses, Larissa Quaresma “garimpa” a bolsa brasileira em busca das ações com maior potencial de valorização e as recomenda em um relatório gratuito. E a boa notícia é que o relatório de junho já está disponível para qualquer pessoa interessada.

A seleção da analista traz ações de qualidade, que ela acredita ter potencial de proteger o patrimônio investido e, ao mesmo tempo, gerar algum ganho de capital.

A primeira ação desta seleção você já conheceu, é o Itaú (ITUB4). Mas uma carteira diversificada não pode contar com apenas uma ação… Por isso, convido você a conhecer toda a carteira de maneira totalmente gratuita.

A carteira de 10 Ideias, selecionadas por Larissa Quaresma, está disponível de graça para qualquer investidor interessado como cortesia da Empiricus, casa de análise do grupo BTG Pactual.

O objetivo dessa iniciativa é disseminar informação de qualidade para que o investidor pessoa física possa tomar decisões melhores pelo seu patrimônio. Portanto, sugiro que você aproveite a oportunidade e faça bom proveito desse conteúdo.

Para liberar o seu acesso gratuito ao relatório com as recomendações, basta fazer o seu cadastro no link abaixo. O material será enviado para o seu e-mail em poucos minutos:

Compartilhe

conteúdo empiricus

‘Estamos muito tranquilos com essa carteira’: casa de análise mantém recomendação em ações que caíram 4% em maio; veja motivo

13 de junho de 2024 - 16:00

Empiricus decide manter ações em carteira que desvalorizou mais do que o Ibovespa no mês de maio; entenda a decisão da casa de análise e conheça as ações em que ela está apostando

Conteúdo Empiricus

2024 é ‘o ano que não começou’ para o Brasil, diz Felipe Miranda, da Empiricus; o que a bolsa precisa para retomar a trajetória de alta?

13 de junho de 2024 - 15:45

Veja quais são os gatilhos que podem ajudar a economia brasileira a decolar ainda neste ano, segundo o CEO da Empiricus

Conteúdo Empiricus

Renda fixa ou ‘perda fixa’? Conheça classe de ativos criticada mas que pode pagar retornos reais de 7,5% ao ano; entenda

13 de junho de 2024 - 12:00

Para analista da Empiricus Research, o investidor que deseja ganhar dinheiro no longo prazo deve ter uma estratégia de renda fixa na carteira

Conteúdo Empiricus

Brasil sobe em ranking mas ainda está entre ‘piores lugares do mundo para investir’, diz CEO; como se proteger com dólar?

13 de junho de 2024 - 8:00

Alta de 0,8% do PIB, no 1T24, colocou o Brasil na 8ª posição de ranking das maiores economias do mundo – mas ainda é preciso ter uma parte do patrimônio em dólar, diz Empiricus

Conteúdo Empiricus

“É inconcebível ter 0% de investimento no exterior”, diz analista da Empiricus Research; entenda o motivo

12 de junho de 2024 - 16:00

De acordo com Enzo Pacheco, não vale a pena focar no Brasil tendo em vista que o risco fiscal aqui é maior e há menos opções disponíveis na bolsa

Conteúdo Empiricus

‘Cavalo de pau’ na Selic? IPCA de maio pode fazer Copom ‘virar a mão’ e levar taxa básica de juros a 11%

12 de junho de 2024 - 12:00

Enquanto cenário atual pode assustar renda variável, analista recomenda 4 títulos de renda fixa “premium” para se proteger da inflação e buscar até 7,1% de ganho real sem Imposto de Renda

Conteúdo Empiricus

À espera de dividendos? Eletrobras (ELET6) vai lucrar R$ 4,7 bilhões com venda de ativos; veja quais são os planos da companhia

12 de junho de 2024 - 10:00

Na visão do analista da Empiricus, o lucro da Eletrobras (ELET6) com a venda das termelétricas pode ajudar nos dividendos, mas a elétrica tem outros projetos

Conteúdo Empiricus

Dividendos de até 9,4% nos próximos 12 meses: FII de tijolo é favorito de analista para buscar rendimentos mensais; veja qual

12 de junho de 2024 - 8:00

Analista recomenda um dos maiores FIIs de tijolos da indústria para investir no momento; veja ticker e outras quatro indicações

Conteúdo Empiricus

Tchau, Microsoft (MSFT34): veja por que o BDR saiu de carteira recomendada mensal – e qual big tech que ‘surfa’ a onda de IA entrou no lugar

11 de junho de 2024 - 16:00

Para Empiricus, BDR da Microsoft (MSFT34) ficou ‘caro’ demais; veja a seleção de ações internacionais para buscar lucros em dólar

Conteúdo Empiricus

Nem Even (EVEN3), nem MRV (MRVE3): essa outra construtora está barata e pode elevar pagamento de dividendos

11 de junho de 2024 - 15:00

Veja a empresa de construção civil que já mostrou resiliência frente a cenários difíceis e pode gerar bons dividendos, segundo analista

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar