🔴 ALGORITMO MOSTRA COMO BUSCAR ATÉ R$ 3 MIL POR DIA – CONHEÇA

Isabelle Santos
Isabelle Santos
Comunicóloga formada pela Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC). É redatora do Money Times, Seu Dinheiro e Empiricus.
Conteúdo Empiricus

Analista que alertou sobre o fim dos dividendos ‘gordos’ de Taesa (TAEE11) recomenda outras 5 ações para buscar dinheiro ‘pingando na conta’; confira

Desde 2023, este analista vem alertando os investidores sobre a possível queda dos dividendos de Taesa (TAEE11)

Isabelle Santos
Isabelle Santos
21 de maio de 2024
14:00 - atualizado às 10:09
taesa taee11 ação
Imagem: Shutterstock/Montagem Julia Shikota

“Vai minguar” foi o que disse o analista Ruy Hungria, da Empiricus Research, sobre os dividendos de Taesa (TAEE11) em um dos podcasts da série “Vacas Leiteiras”. 

E parece que ele estava certo. Meses após a declaração do analista, depois de divulgar os resultados do primeiro de 2024, na semana passada, a Taesa anunciou mudanças na política de dividendos

A partir de 2024 a elétrica vai distribuir proventos com base no lucro líquido regulatório, que desconsidera os impactos da inflação na receita e é menor que o lucro líquido IFRS. 

Da mesma forma, a companhia reduziu para 75% o payout (percentual do lucro distribuído em forma de dividendos) que girava em torno de 90% a 100%. 

As ações da Taesa (TAEE11) já não estavam nas carteiras de dividendos da Empiricus há algum tempo. 

E agora, outros bancos como Safra, Santander, BB Investimentos e Bank of America (BofA) estão olhando para a distribuição de dividendos “gordos” da companhia como um acontecimento com “prazo de validade”. 

Por que os dividendos de Taesa (TAEE11) estão ‘minguando’? 

A Taesa (TAEE11) sempre foi uma das “queridinhas” dos investidores quando o assunto é a distribuição de dividendos. E não é para menos: para se ter uma ideia, o dividend yield da elétrica nos últimos 12 meses ultrapassa os 9%

Contudo, desde meados de 2023, o analista da Empiricus vinha defendendo a tese de que o nível de proventos da companhia não era sustentável, por dois motivos: 

  • O fim de 4 concessões importantes até 2030; e
  • Os novos empreendimentos da companhia com taxa de retorno “baixíssimas” - entre 4,4% e 3,7% a.a.

Ou seja, ao mesmo tempo em que concessões importantes da companhia estão encerrando, a Taesa está se comprometendo com investimentos cujo retorno estimado é menor que o encontrado em títulos de longo prazo da renda fixa, com data de vencimento próxima ao fim das novas concessões. 

Na visão do analista, essas mudanças na tese da companhia poderiam impactar diretamente nas ações e no pagamento de dividendos.

“Não dá para saber exatamente quando, mas esse dividend yield que hoje está em dois dígitos, a expectativa é de que, em alguns anos, vai minguar”, disse Hungria em fevereiro do ano passado. 

A expectativa de “alguns anos” do analista parece ter começado a se concretizar meses após a sua declaração. 

Na teleconferência de resultados do 1T24 da Taesa (TAEE11), o CEO Rinaldo Pecchio Junior apontou que um dos motivos para mudar a política de dividendos da companhia são os investimentos que ela precisará fazer em seus novos empreendimentos. 

“Essa prática de dividendos sinaliza a postura da empresa atualmente. Não podemos nos esquecer que temos investimentos relevantes ainda por fazer, de mais de R$ 3 bilhões”, disse Pecchio Junior.

Outro fator que levou à redução nos proventos da elétrica é o atual nível de alavancagem (endividamento). A relação dívida líquida sobre Ebitda da Taesa está em 3,8 vezes e esse ainda não é o pico, segundo estimativas da própria companhia. 

Na visão de Ruy Hungria, a companhia já está no limite de alavancagem considerada aceitável e o aumento do endividamento pode afetar os dividendos. 

Para completar, a elétrica apresentou queda em várias linhas do balanço. O lucro líquido regulatório teve uma redução de 10% em comparação com o 1T23. Enquanto o Ebitda regulatório e a margem Ebitda regulatória caíram 7,1% e 4,2p.p., respectivamente, ante ao mesmo período de 2023. 

Esses números não foram vistos com muito otimismo pelo mercado. Diante disso, os bancos Safra e Santander avaliaram a ação como underperform. Isto é, recomendaram a venda do papel

Já o BB Investimentos manteve a recomendação neutra, enquanto que o Bank of America (BofA) reduziu o preço-alvo da ação de R$ 39 para R$ 35

Em nota sobre o resultado do 1T24 de Taesa, o analista da Empiricus Research reforçou seu parecer sobre a companhia: 

“Há anos temos uma visão negativa para TAEE11, por entender que os dividendos elevados precisariam ser revistos em algum momento, dada a proximidade do fim de algumas concessões importantes, lotes arrematados recentemente com retornos pressionados e aumento da necessidade de investimento nos próximos anos [...] assim, continuamos de fora”. 

Gratuito: conheça as 5 melhores ações para buscar dividendos agora

A Taesa (TAEE11) não está entre as melhores ações para buscar dividendos recomendadas pelos analistas da Empiricus Research.

Mas, o setor elétrico é conhecido por ser um bom pagador de dividendos. É por isso que, entre as 5 melhores ações para buscar dividendos agora, os analistas incluíram a recomendação de Eletrobras (ELET6).

Os analistas da casa destacam que a companhia vem apresentando inúmeras melhorias após a privatização que devem gerar valor para o acionista no longo prazo. 

Além disso, negociando a 6 vezes o valor da firma sobre Ebitda (EV/Ebitda), as ações da Eletrobras estão baratas na visão dos especialistas. Aliado a isso, a recuperação dos preços de energia podem ser um importante gatilho para o papel. 

Os analistas divulgaram toda a tese da Eletrobras e das outras 4 ações para buscar dividendos em um relatório gratuito

Neste relatório, você poderá entender por que os especialistas consideram estes os melhores ativos para investir com foco em proventos neste momento. 

Além dos dividendos, entre os 5 ativos selecionados pelos especialistas, o investidor ainda poderá comprar papéis que estão baratos e têm potencial de valorização. Ou seja, existe a possibilidade de buscar lucros de duas formas com a mesma ação.

O melhor de tudo é que você vai poder conhecer as recomendações e a tese de investimento de cada uma delas de graça, pois a Empiricus, casa de análise do Grupo BTG Pactual, está liberando este conteúdo como uma cortesia. 

Assim, clicando neste link ou no botão abaixo você terá acesso ao ticker das ações para buscar dividendos agora. 

Compartilhe

Conteúdo Empiricus

É amanhã: ‘rastreador’ capaz de gerar lucros de até R$ 3 mil por dia será apresentado em evento online

23 de junho de 2024 - 12:00

Ferramenta criada pelo analista Paulo Wesley tem como uma de suas funções descobrir o movimento dos grandes bancos – assim, seus usuários podem copiá-los

Conteúdo Empiricus

Mega-Sena acumulou? Outro ativo custa menos que um bilhete de loteria e já fez R$ 400 virarem até R$ 55.000 (não é Quina de São João)

23 de junho de 2024 - 10:00

Conheça o ativo negociado em Bolsa que já foi capaz de gerar valorizações de até 13.650% em poucos dias (não é Bitcoin)

Conteúdo Empiricus

Matemático do MIT criou fórmula que inspira software capaz de entregar ganhos de R$ 680 por dia, em média, na bolsa

23 de junho de 2024 - 8:00

Após transformar R$ 1.000 em R$ 4 bilhões com modelo quantitativo, método de matemático do MIT é ‘copiado’ por sistema brasileiro; entenda

Conteúdo Empiricus

Mesmo com a queda de 10% do Ibovespa em 2024, analista diz que pouca vezes esteve ‘tão otimista com o futuro de longo prazo do Brasil’; entenda

22 de junho de 2024 - 14:00

Queda do Ibovespa pode ser uma oportunidade para incluir ações de qualidade na carteira

Conteúdo Empiricus

Empiricus relança robô que pode gerar lucro médio de R$ 680 por dia de forma semiautomática; veja como usar

22 de junho de 2024 - 12:00

Robô usa método quantitativo para semiautomatizar operações com elevado potencial de lucros

Conteúdo Empiricus

Nvidia desbancou Microsoft e Apple para se tornar a companhia mais valiosa do mundo: até onde as ações podem ir?

22 de junho de 2024 - 8:00

Ações da fabricante de semicondutores já se valorizaram 171% em 2024 e alçaram a Nvidia ao posto de companhia mais valiosa do mundo: tem espaço para mais?

Conteúdo Empiricus

Ibovespa segue patinando nos 120 mil pontos e analista afirma: ‘se tivesse que comprar apenas uma ação, seria essa’; veja qual

21 de junho de 2024 - 16:00

Ação foi incluída em portfólio que reúne os 10 melhores papéis da bolsa e é um dos principais destaques entre as recomendações deste grupo de analistas

Conteúdo Empiricus

Média de R$ 680 por dia? Economista da FGV cria robô financeiro que pode gerar lucro com só 3 cliques

21 de junho de 2024 - 14:00

Sistema de trade semiautomático estará acessível a todos os brasileiros em breve; saiba como testar

Conteúdo Empiricus

Virada de chave do Ibovespa? Veja 4 notícias que podem animar a bolsa brasileira nos próximos meses e como se posicionar neste cenário

21 de junho de 2024 - 12:00

Depois de um primeiro semestre ruim, algumas ações de qualidade aparecem em ótimo ponto de entrada, segundo analistas; veja o que pode fazer o Ibovespa voltar a andar ainda em 2024

Conteúdo Empiricus

Responsável por carteira que já subiu 3.271% revela nova lista de criptomoedas capazes de transformar R$ 5 mil em até R$ 2 milhões

21 de junho de 2024 - 10:00

Head de ativos digitais encontrou ‘tesouros’ escondidos no mercado cripto que podem disparar até quase 40.000%

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar