🔴 AS BIG TECHS ESTÃO ‘SUGANDO’ DINHEIRO DA BOLSA BRASILEIRA? – VEJA COMO SE PROTEGER

Isabelle Santos
Isabelle Santos
Comunicóloga formada pela Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC). É redatora do Money Times, Seu Dinheiro e Empiricus.
Conteúdo Empiricus

Dividendos: Taesa (TAEE11) vai distribuir R$ 460 milhões, mas há uma concorrente que pode ser ‘a grande pagadora’ em 2023

Esta outra empresa do setor elétrico aumentou em 100% a porcentagem de lucro e ainda tornará a frequência de pagamentos mais vantajosa para o acionista em 2023

Isabelle Santos
Isabelle Santos
8 de janeiro de 2023
10:00 - atualizado às 10:08

Na última quinta-feira (05), a Taesa (TAEE11) aprovou o pagamento de R$ 460 milhões em forma de dividendos para os seus acionistas. Os investidores vão receber cerca de R$ 1,33 por ação no dia 23 de janeiro. 

A companhia elétrica vem sendo destaque na distribuição de lucros. Considerando os pagamentos de 2022 e o que será feito este mês, a Taesa terá pago mais de R$ 2 bilhões entre dividendos e juros sobre capital próprio (JCP), o que representa um dividend yield de 13,72% nos últimos 12 meses.

Entretanto, a elétrica pode não ser a única do setor a pagar dividendos “gordos” em 2023: justamente uma concorrente da companhia fez mudanças recentes na sua política de dividendos e vai dobrar a porcentagem de lucro a ser distribuída. 

Por isso, o analista da Empiricus Research, Fernando Ferrer, aposta nesta outra ação do setor elétrico e já a apelidou como “a grande pagadora de dividendos” de 2023. 

Por enquanto, ela está fora do radar da maioria dos investidores, mas vem entregando bons resultados - e pode pagar dividendos “gordos” já em 2023.

Qual será a ação que pode ser ‘a grande pagadora de dividendos’ em 2023? 

Trata-se de uma holding do setor elétrico, 100% brasileira, que controla empresas no Brasil, Colômbia e Peru. Atualmente, a elétrica é uma das maiores em termos de receita anual permitida (RAP). 

Ou seja, a remuneração que ela recebe pelo serviço de transporte de energia é maior do que a de seus pares. Isso garante a esta companhia uma boa previsibilidade e estabilidade de receita.

Por isso, a empresa já vinha entregando bons resultados em 2022. No terceiro trimestre, por exemplo, a companhia alcançou um lucro líquido regulatório de R$ 146,5 milhões. Isso representa um crescimento de 97% em relação ao mesmo período de 2021. 

Além de ser uma empresa com previsibilidade de receita, avenidas de crescimento e cuja ação é a mais barata do setor, existem mais 3 motivos para o investidor ficar de olho nesta elétrica. 

Dividendos em dobro 

Em novembro, a companhia aprovou uma mudança na sua política de dividendos, que serão colocadas em prática este ano: 

  • Distribuição de 50% do lucro líquido em forma de dividendos. Antes eram 25%, o que representa um crescimento de 100% no que é pago aos acionistas; 
  • Pagamento de dividendos a cada trimestre ao invés de uma vez por ano;
  • Cada pagamento será liberado em no máximo 60 dias, após a deliberação da distribuição. 

SAIBA QUAL É A AÇÃO QUE VAI DISTRIBUIR O DOBRO DE LUCRO EM 2023

Gratuito: conheça a ação que pode ser a grande pagadora de dividendos

Quem “garimpou” esta ação foi o analista da Empiricus Research, Fernando Ferrer. Na visão dele, esta empresa tem tudo para se tornar uma das grandes pagadoras de dividendos deste ano. 

Além de todas as características dessa empresa, trata-se de uma ação que ainda está fora do radar dos investidores, o que é uma vantagem para aqueles que investirem nela primeiro,  pois dá a oportunidade de ter na sua carteira a ação mais barata do segmento e que pode ser a grande pagadora de dividendos do ano que vem. 

Por isso, ele recomendou este ativo aos assinantes da carteira “Melhores Ações da Bolsa”. Mas, você pode conhecer o nome desta ação de forma gratuita

A Empiricus Investimentos, empresa do mesmo grupo, está liberando como cortesia o acesso gratuito para os seus clientes. Ou seja, você pode conhecer o nome da ação sem ser assinante e sem desembolsar nenhum centavo

Para isso, basta clicar neste link ou no botão abaixo e seguir as instruções: 

Compartilhe

Conteúdo Empiricus

“É inconcebível ter 0% de investimento no exterior”, diz analista da Empiricus Research; entenda o motivo

12 de junho de 2024 - 16:00

De acordo com Enzo Pacheco, não vale a pena focar no Brasil tendo em vista que o risco fiscal aqui é maior e há menos opções disponíveis na bolsa

Conteúdo Empiricus

‘Cavalo de pau’ na Selic? IPCA de maio pode fazer Copom ‘virar a mão’ e levar taxa básica de juros a 11%

12 de junho de 2024 - 12:00

Enquanto cenário atual pode assustar renda variável, analista recomenda 4 títulos de renda fixa “premium” para se proteger da inflação e buscar até 7,1% de ganho real sem Imposto de Renda

Conteúdo Empiricus

À espera de dividendos? Eletrobras (ELET6) vai lucrar R$ 4,7 bilhões com venda de ativos; veja quais são os planos da companhia

12 de junho de 2024 - 10:00

Na visão do analista da Empiricus, o lucro da Eletrobras (ELET6) com a venda das termelétricas pode ajudar nos dividendos, mas a elétrica tem outros projetos

Conteúdo Empiricus

Dividendos de até 9,4% nos próximos 12 meses: FII de tijolo é favorito de analista para buscar rendimentos mensais; veja qual

12 de junho de 2024 - 8:00

Analista recomenda um dos maiores FIIs de tijolos da indústria para investir no momento; veja ticker e outras quatro indicações

Conteúdo Empiricus

Tchau, Microsoft (MSFT34): veja por que o BDR saiu de carteira recomendada mensal – e qual big tech que ‘surfa’ a onda de IA entrou no lugar

11 de junho de 2024 - 16:00

Para Empiricus, BDR da Microsoft (MSFT34) ficou ‘caro’ demais; veja a seleção de ações internacionais para buscar lucros em dólar

Conteúdo Empiricus

Nem Even (EVEN3), nem MRV (MRVE3): essa outra construtora está barata e pode elevar pagamento de dividendos

11 de junho de 2024 - 15:00

Veja a empresa de construção civil que já mostrou resiliência frente a cenários difíceis e pode gerar bons dividendos, segundo analista

Conteúdo Empiricus

Com esses títulos, ‘é bem difícil perder dinheiro’, diz analista; confira 4 ativos para buscar retorno real de até 7% ao ano

11 de junho de 2024 - 14:00

Alta da curva de juros pode beneficiar categoria de títulos “premium”; veja as melhores oportunidades de junho, segundo a Empiricus Research

Conteúdo Empiricus

Bradesco (BBDC4) e Santander (SANB11) estão sendo ‘comidos vivos’ pelo Nubank (ROXO34), mas ações do roxinho estão ‘muito caras’, diz analista; veja em qual banco da bolsa investir

11 de junho de 2024 - 11:41

Apesar do ótimo momento operacional do Nubank, analista tem dificuldade para ‘enxergar upside nas ações’; veja outro banco em ponto de entrada melhor que o roxinho

conteúdo empiricus

Às vésperas da decisão do Fed e inflação no Brasil, analista recomenda: ‘essa é uma boa hora para não fazer nada’; entenda

10 de junho de 2024 - 14:00

Analista adota postura cautelosa em carteira com as 10 ações mais promissoras para o mês e abre as oportunidades que o investidor não pode ignorar

Conteúdo Empiricus

Dividendos de até 108% do CDI sem Imposto de Renda: este FII pode surfar Selic alta e fluxo de dinheiro dos ‘órfãos’ dos títulos isentos da renda fixa

10 de junho de 2024 - 12:26

Enquanto mercado está receoso com os ativos de risco, analista alerta para oportunidade em FIIs que se beneficiam dos juros altos, têm volatilidade controlada e estão baratos; veja

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar