🔴 INTER DEU ADEUS À BOLSA BRASILEIRA E EU PERDI METADE DO MEU PATRIMÔNIO: VEJA DETALHES DO CASO REAL

Cotações por TradingView
2023-05-09T12:09:40-03:00
Giovanna Figueredo
Giovanna Figueredo
Jornalista em formação pela Universidade de São Paulo (USP), já trabalhou com marketing e redes sociais em uma consultoria financeira e é redatora dos portais Seu Dinheiro e Money Times.
Conteúdo Empiricus

Culpa dos caloteiros: ‘o resultado do Bradesco vai continuar piorando’ mesmo com alta de 5% após 1T23, diz analista

Resultado do Bradesco no 1T23 animou o mercado mesmo com queda de 37% no lucro líquido, mas analista defende que é melhor investir na ação de outro “bancão” mais promissor

Giovanna Figueredo
Giovanna Figueredo
9 de maio de 2023
12:09
Bradesco
Imagem: Shutterstock

Mais um “bancão” foi a público na última quinta-feira (4) para divulgar seus resultados do 1º trimestre de 2023. A vez foi do Bradesco (BBDC4) e o banco parece ter agradado os investidores com os números.

A ação subiu 4,98% no dia após o anúncio do balanço por ter apresentado números bem acima das expectativas do mercado.

O lucro líquido do “bancão” caiu 37% em relação ao mesmo período do ano anterior e fechou em R$ 4,2 bilhões. O consenso da Refinitiv mostra que os analistas esperavam um lucro de R$ 3,5 bilhões.

Ou seja, mesmo com a despencada do resultado, o número foi 20% melhor do que era estimado.

Embora uma parcela do mercado esteja satisfeita com os números e a ação em movimento de alta, a analista Larissa Quaresma, da Empiricus Research, defende que não é um bom momento para investir nos papéis do Bradesco.

Isso porque mesmo que o lucro tenha caído menos do que era esperado, o grande vilão do Bradesco continua assombrando: a inadimplência. Segundo a analista, os calotes continuam subindo em ritmo acelerado.

O índice de empréstimos atrasados há mais de 90 dias atingiu 5,1% da carteira de crédito total.

Mas um ponto de atenção adicional sobre a inadimplência neste 1º tri é que o problema dos calotes agora está atingindo também as grandes empresas.

Antes, era um desafio mais focado em pessoas físicas e pequenas e médias empresas. Mas, pelo que mostra o resultado do Bradesco, na visão da Larissa, as grandes companhias também começaram a sofrer e “a história da inadimplência ainda não acabou”.

Mas por que então a ação está subindo? Alguns investidores interpretaram o balanço como uma sinalização de que daqui para a frente o resultado do banco vai melhorar.

O próprio presidente do Bradesco, Octavio de Lazari, deu um tom esperançoso para o mercado. Segundo Lazari, o desempenho dos resultados deve ser melhor no segundo semestre.

Porém, Larissa Quaresma não “compra” essa história. “O balanço do 1º tri mostra uma dinâmica de negócio muito ruim e não tem sinal de melhora”, afirma em entrevista ao programa Giro do Mercado.

A analista diz que não enxerga o cenário de calotes melhorando tão rápido e isso pode continuar afetando o Bradesco nos próximos resultados. Portanto, a recomendação de Larissa é bem clara: não é hora de investir na ação BBDC4.

ANALISTAS DA EMPIRICUS RESEARCH RECOMENDAM 10 AÇÕES PARA O CENÁRIO ATUAL; VEJA GRATUITAMENTE

Setor bancário anda ‘mancando’; é melhor ficar de fora das ações?

O setor financeiro como um todo tem sido bastante penalizado com os altos níveis de inadimplência. Muitos brasileiros comuns continuam endividados e, agora, esse mesmo problema atinge empresas de todos os portes.

Mas, afinal, o que é melhor fazer com as ações de bancos?

Larissa Quaresma defende que o panorama setorial dos bancos não é dos melhores, até porque o cenário dos calotes ainda deve perdurar por mais um tempo.

Mesmo assim, ela afirma que há oportunidades: “o setor financeiro é muito resiliente. A gente prefere estar com ações de boa qualidade, pagar mais caro e ter mais confiança no cenário atual”.

Entre os “bancões” brasileiros, o Bradesco é o que está sendo negociado com maior desconto. Mas olhar só para o preço não é o suficiente.

As ações de boa qualidade oferecem mais tranquilidade para o investidor por serem empresas mais sólidas, com resultados consistentes e terem um longo histórico de resiliência contra crises.

Portanto, existem papéis que, mesmo em um ambiente macroeconômico desafiador, conseguem dar mais segurança para o acionista. Este é o caso, por exemplo, de uma ação de banco que é considerada “forte como uma rocha”.

Para ter ideia, nos últimos 12 meses, esse banco concorrente do Bradesco valorizou 5 vezes mais que o Ibovespa e, na visão dos analistas da Empiricus Research, ainda está em um ponto de entrada bem interessante.

O papel está sendo negociado com um desconto de 15% em relação à média dos últimos 5 anos e é uma ação com maior qualidade que seus pares e crescimento acima dos concorrentes.

MELHOR QUE BRADESCO: VEJA QUAL É A AÇÃO DO “BANCÃO” MAIS ATRATIVO PARA O CENÁRIO ATUAL 

O banco mais promissor que o Bradesco e outras 9 ações com alto potencial lucrativo; conheça

Esse banco preferido da analista Larissa Quaresma faz parte de uma carteira que seleciona as 10 melhores ações para investir no cenário atual.

O banco foi inserido nesse portfólio justamente por performar melhor que seus concorrentes e entregar resultados mais consistentes para os investidores.

Mas ele não é a única boa oportunidade desta carteira. Além do banco, existem papéis de diferentes setores, como:

  • Uma ação de energia que tem uma das maiores histórias de valorização da bolsa desde o seu IPO;
  • Um papel do setor agro que pode valorizar até 45%;
  • Uma empresa de transportes que está com a ação sendo negociada com desconto de 35%.

E esses são apenas três exemplos para dar uma “palhinha” da carteira. Mesmo que façam parte de diferentes segmentos da economia, essas 10 ações têm alguns destaques em comum como a solidez, resiliência, preços atrativos e alto potencial lucrativo.

Elas são consideradas o “filé mignon” da bolsa e são as melhores oportunidades para investir no cenário atual.

Os analistas da Empiricus Research reuniram seus tickers favoritos em uma carteira reduzida que combina papéis com bons fundamentos e que tenham algum gatilho para valorizar em breve.

A boa notícia é que agora qualquer brasileiro interessado em buscar lucros com boas ações pode conhecer esses papéis sem pagar nem um centavo. Normalmente, essas recomendações só são disponibilizadas para os assinantes da casa de análise.

Mas, agora, a corretora Empiricus Investimentos está liberando gratuitamente, como cortesia, o acesso ao relatório que revela o nome dessas ações e a tese de cada uma.

Ou seja: você pode simplesmente acessar o material, conhecer os papéis e, só depois, decidir se eles fazem sentido para os seus investimentos.

A única coisa que precisa ser feita para receber esse relatório com o ticker do “bancão” melhor que Bradesco e outras 9 ações é clicar no botão abaixo e seguir as instruções:

Compartilhe

Conteúdo Empiricus

Até R$ 5 mil por semana? Plataforma criada por economista da UERJ está enriquecendo brasileiros; veja como testá-la

4 de junho de 2023 - 10:00

Em “dias bons”, a ferramenta já conseguiu retornos superiores a 2 salários mínimos

conteúdo empiricus

MXRF11 pode ser ‘pop’, mas não é o mais recomendado da bolsa – veja ranking com os 5 melhores fundos imobiliários para comprar em junho

4 de junho de 2023 - 8:00

Para Caio Araujo, especialista em fundos imobiliários, esses FIIs estão baratos e podem pagar dividendos “gordos” este ano; veja lista completa

Conteúdo Empiricus

ChatGPT para quê? ‘Irmão’ da conhecida IA está gerando até R$ 1.000 todo dia na conta de brasileiros sem trabalho extra

4 de junho de 2023 - 8:00

Liberação do robô que está gerando R$ 1.000 por dia de média será feita na segunda-fera, dia 05

Conteúdo Empiricus

Compre Magazine Luiza (MGLU3): entenda por que é hora de incluir a varejista e outras 9 ações na carteira

3 de junho de 2023 - 11:00

Analistas da Empiricus Research acreditam que, apesar do momento difícil no setor, a companhia tem bons fundamentos e pode ter bons resultados com a queda da Selic

Conteúdo Empiricus

‘A bolsa brasileira pode ir muito bem’: analista diz que Campos Neto pode fazer ações deslancharem – e esses 10 papéis podem surfar a onda

3 de junho de 2023 - 9:00

Debate de corte dos juros ganha força e analista defende que a bolsa pode decolar com melhora no cenário macroeconômico; veja como surfar esse possível rali com 10 ações atrativas

conteúdo empiricus

Se cuida, Shein: Magazine Luiza (MGLU3) entra para ranking das 10 melhores ações para comprar em junho e pode decolar no 2º semestre

3 de junho de 2023 - 8:00

Para estes analistas, o Magazine Luiza está barato e bem posicionado para surfar a queda da curva de juros aguardada para o 2º semestre de 2023

conteúdo empiricus

Taesa (TAEE11), Eletrobras (ELET6) ou Copel (CPLE6)? A única elétrica recomendada para dividendos em junho não está entre elas

2 de junho de 2023 - 12:00

Lista com as 5 melhores ações para buscar dividendos no mês de junho é divulgada por analistas e apenas uma elétrica foi recomendada – veja o nome

Conteúdo Empiricus

Autor de best seller ataca novamente: ‘os Estados Unidos estão falidos… compre Bitcoin’; veja como investir em cripto na B3

2 de junho de 2023 - 10:00

A principal criptomoeda do mundo já valorizou 64,4% e investidores brasileiros podem se expor a essa valorização de forma descomplicada

Conteúdo Empiricus

Média de R$ 1 mil por dia com apenas 3 ‘cliques’? Conheça o robô que está revolucionando o mercado financeiro

2 de junho de 2023 - 8:55

De acordo com seus criadores, essa máquina consegue obter lucros em cerca de 90% das operações que participa

Conteúdo Empiricus

Urgente: criptomoeda recomendada dia 29 dispara 19% em um dia; compre antes que seja tarde

1 de junho de 2023 - 15:12

Criptomoeda faz parte de carteira com 5 ativos que podem surfar novo rally do Bitcoin; veja como acessar o nome das 5 moedas.

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies